Translator

segunda-feira, 4 de maio de 2009

REPATRIAMENTO DE EMIGRANTES ROMENOS

O Governo espanhol está a considerar conceder apoio financeiro para o regresso dos emigrantes, romenos ao seu país. Anunciou o ministro do Trabalho e Emigração, Celestino Corbacho, cuja medida destina-se ao repatriamento de 70.912 desempregados romenos que se encontram em Espanha. Vai dando-se conta que a globalização e as portas abertas das fronteiras dos países europeus não funciona. Com a crise, económica, e o desemprego, cada vez mais, à cabeça, não tarda que a Europa se esfrangue e os países inseridos que se governem como dantes.
El País

Sem comentários:

Enviar um comentário