Translator

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

NÓS ATÉ SOMOS GENTE BOA!

Somos sim senhor gente de valor!
Mais uma vitória para Portugal e aconteceu na Suiça com a escolha do Cristiano Ronaldo como o melhor "gajo", do mundo, a pontapear a bola.
Vi o Cristiano receber o prémio com muita humildade, embora (acredito) muita vaidade seguia dentro da alma do rapaz.
Nós somos gente de valor.
Mas em Portugal há duas qualidades de gente os dos feitos que fazem coisas; outros que se aproveitam das obras dos outros para colherem dividendos.
Não me vou aprofundar em cima de todos os homens portugueses que temos espalhados pelo mundo onde entre eles há futebolistas, cientistas (não estou a inclur aqui, nem dou valor, a Durão Barroso, ao António Guterres e ao dr. Sampaio), empresários e sabemos que mais portugueses de valor andam pelo mundo no anonimato.
Portugal está de facto a ser conhecido no mundo com gente valorosa! Não tivessem sido eles que transformaram o mundo depois do século XVI, depois da descoberta do Caminho Maríimo para a Índia.
Porém os portugueses só têm valor fora de portas e o ditado encaixa-se mesmo: "niguém é profeta na sua terra".
Depois há outros portugueses "os proxenetas" da pátria que se aproveitam, em modos oportunistas, do valor dos outros que andam pela estranja.
Nós pela RTPi, lemos a mensagem do Presidente Cavaco Silva (devida) ao Cristiano Ronaldo; o conhecimento de um telefonema pessoal do José Sócrates (não sei se Alberto Jardim da Madeira gramou isso); a Fátima Santos Ferreira do "delambido" programa "Prós e Contras" em directo, para Manchester, pelo telefone a falar com o Cristiano e mais outros maduros que se sentavam em bancos.
Depois vimos em imagens o Gilberto Madail e Carlos Queirós todos babados a elogiar o Cristiano!
Pudera!
Esses cavalheiros que andam aos caídos pela "merda" daquilo que têm feito, pelo futebol português, aproveitaram-se claramente da vitória do jovem madeirense.
E para terminar: "estamos a ser os maiores no mundo e agora, segundo em alarde ouvido na RTPi, directamente dos Estados Unidos, o Presidente Obama Barack vai ter, como animal de estimação, na Casa Branca, um cão, o ilustre, de água português...
Bem este animal está muito mal quotado na minha aldeia...
Um tipo que não se portasse bem dentro da comunidade aldeã era logo dado; "anda para aí esse "cão de água" e havia ainda outro: "cão "oigado" (ougado), era um cão esfomeado.
Em Portugal há gente por aí, que nunca vergaram a mola e fizeram "porrinha" nenhuma e se vão aproveitando dos louros dos outros.
São os portugueses "OIGADOS" (ougados) que lhes cresce a água na boca e o apetite de se aproveitarem dos feitos dos outros.
De mim desejamos ao Ronaldo mais prémios, gajas boas e espanholas (lhes faça ver que os portugueses não são "maricas") de preferência, muito cacau e se precaveja contra os portugueses "oigados".
José Martins

COISAS DO DIA


O Zé e Costa ontem não abriu o "bico" à Comissão de Inquérito do Parlamento.
Fizeste bem Zé!
A gente até sabe que se abrisses o "bico" irias revelar muita coisa...
Claro que ias Zé.
Tu ó Zé de estúpido não tens nadinha...
Mas confiaste demais nos "gajos" que seguem enfronhados na política...
Essa malandragem, mesmo tendo culpas no cartório sacodem sempre a água do capote.
Armam-se impolutos e não são nada disso Zé...
São como mulheres de casas de "porta (e perna) aberta"...
Tu que já foste político deverias lembrar-te disso....
Agora Zé colocaram-te a "pão e laranjas" e só tu estás arcar com o fardo pesado como o caraças.
Tarde demais Zé para voltares a trás.
Aqueles (os políticos) que se ajoelharam aos teus pés já não te conhecem; nem ao menos te mandam uns cigarritos à "choça" para melhor passares essa crueldade que a prisão oferece.
A virgem Maria de Belém a santinha (roseira mansinha) de pau carunchudo engoliu um "sapo" vivo porque tu não dizeste nada perante os "impolutos" deputados que por desgraça nasceram em Portugal.
Essa linda, esse amor de sardinha pequenina, não se lembra dos "rabinhos" de capim que deixou por Macau há mais de 20 anos!
A pequenina foi administradora das "patacas" da TDM (Televisão de Macau), no tempo em que a famosa árvore crescia, crescia e produzia "patacada" que alimentava os bolso de bons rapazes que apareceram em Macau "fininhos" e hoje, andam por aí, bem gordinhos...
Uns gajos chamados Leonel e outro Ribeiro foram malhar com os ossos à grelha e essa linda "cavou a sete pés" de Macau.
Desde então a mulher pequenina encaixou-se no PS (já era antes) e não tem parado de mandar as suas "boquinhas" docinhas e meiguinhas de mulher, sardinha, pequenina.