Translator

sábado, 30 de maio de 2009

VASCO PULIDO VALENTE - SOCRÁTES PERDEU O CREDITO.....



Vasco Pulido Valente, historiador, autor do livro ‘Portugal – Ensaios de História e de Política’, diz que Sócrates perdeu o crédito que tinha em (...)

A PRIVATISACAO DO PREC





Um dia depois de ouvir Sócrates acusá-lo de querer privatizar sectores como saúde e educação, Paulo Rangel respondeu às críticas do líder do PS, acusando-o de falar “como se estivesse no PREC”.“Ele fala como se estivesse no PREC. Parece que quer que só haja iniciativa pública”, afirmou o candidato europeu do PSD no almoço do American Club, em Lisboa.O puto do Rangel resolveu falar sobre aquilo que pelos vistos não sabe nada. Para falar do PREC ainda vai ter de comer muita “Papa Maizena”. (Seria talvez engraçado alguém fazer o exercício de imaginar qual seria o estado deste país se aquilo que chamaram de “Processo Revolucionário em Curso” não tivesse sido sabotado e quais os direitos que essa sabotagem nos retirou). Mas, é de privatizações que se fala e é engraçado vir o Rangel tentar empurrar o Engenheiro para a Esquerda (tentativa desesperada para tentar mostrar que há diferenças entre os dois partidos?). Desde o fim do PREC que PS e PSD não fizeram outra coisa que privatizar tudo quanto era público, desde a banca, aos combustíveis, á electricidade, às águas, ás estradas e já pouco falta para privatizarem o próprio estado (se é que ainda não está, porque acaba a servir mais os interesses privados que os públicos). Está nas nossas mãos travarmos esta gente e as suas pérfidas tarefas de destruir o publica e o social. Temos de correr com eles e exigir uma verdadeira democracia em que a vontade dos cidadãos seja respeitada. Quem está no governo deve estar para servir quem o elege e não o grande capital internacional.Publicada por Kaos em 00:01 2 Pastagens Link

AS MENINAS DA TV


Hoje resolvi não fazer um boneco mas montar um pequeno filme com a montagem de algumas das imagens que tenho publicado neste blog. A musica, essa é do José Mário Branco.
Para ver o video clique no endereço em baixo