Translator

segunda-feira, 6 de julho de 2009

"À FRENTE DOS CORNOS" - VIVA SÃO FIRMIM EM PAMPLONA

Primeira corrida (07.07.09) à frente dos cornos, nas Festas de S.Firmim, em Pamplona (Espanha). Houveram uns poucos feridos apenas. Ainda é cedo para os bois se vingaram... Aguardamo-la para os próximos dias. Muita bebedeira por Pamplona, barrufos de vinho tinto não faltaram. Viva São Firmim!




UM OBJECTO PORTUGUÊS,EM MADRID, CHAMADO RONALDO

Não sou entusiasta do futebol. Nunca achei graça nem desgraça que valha, aos meus olhos, de ver 22 rapazes atrás de uma bola num rectângula de relva ou pelado e nas bancadas milhares de pessoas a bater palmas, a protestarem, à pancadaria e, por palavras, a ofenderem as mães de alguns que coitadinhas não merecem que sejam tratadas de ribaldas.
-
Sou do tempo em que o futebol, praticamente, nascia em clubes de bairros das cidades, nas vilas e nas aldeias e servia para o povo se entreter aos domingos.
-
O Jorge Pinto da Costa, tripeiro de gema, nunca sonhou que um dia viria a ser o “patrão das Antas”, nem tão-pouco o Filipe Vieira de quando marçano de uma loja de secos e molhados de Lisboa, seria, depois do negócio de recauchutagem de pneus, o “manda chuva” das gentes da Luz.
-
O futebol e os clubes cresceram,cresceram tanto, tanto que com ele medraram os golpistas e outros de melhores vistas..
-
Dizem, por aí, falsamente, que o futebol foi inventado pelos ingleses de que na realidade não corresponde à veracidade. Os primeiros a verem jogar futebol foram os jesuitas portugueses, na ilha de Java, no século XVI.
-
Como andavam muito ocupados em descobrir portos onde pudessem fazer negócios de especiarias e outras coisas que por lá havia para comprar, não ligaram importância, mesmo nenhuma, que os miúdos javaneses se divertissem, descalços, a chutar uma bola feita de resina que escorria das árvores “borracheiras”.
-
O futebol, sem pontinha de dúvida que haja, foi levado da ilha de Java, para o Reino Unido pelo pirata inglês Condent o terror dos oceanos no século XVII , cujas barbaridades, que mais prazer lhe davam era o de fazer dos missionários jesuítas, suas montadas, e chicoteá-los.
-
Numa das monções, asiáticas, aportou a sua nau num porto javaneses e passar os cinco meses sem trabalho, a pirataria de bordo, embebedavam-se de rum ou jogavam futebol com a canalha, javanesa, ribeirinha.Assim chegou o futebol à Inglaterra pelo pé dos piratas. Mais tarde e no reinada da Rainha Vitoria o futebol popularizou-se e os "bifes" ingleses fizeram-no chegar a toda a Europa.
-
Os miúdos do meu tempo, começaram, achar graça ao jogo da bola e há que roubar as meias às irmãs, às tias e mães e encher aquilo de trapos velhos e jogar à bola, onde houvesse um largo. Era uma dor de alma ver a canalha com a ponta dos dedos a sangrar dos pontapés que davam nas pedras em vez na bola de trapos.
-
Bem é que possuir umas botas de rasto de pneu, velho, no meu tempo, era um luxo!
-
E se alguns as tinham descalçavam-nas para não ferirem as biqueiras, de cabedal e, depois, levar umas bordoadas, cruéis, do bárbaro do velho, ao chegar a casa.
-
O jogo do futebol medrou demasiadamente e hoje está onde está!
-
Mesmo sem adorar nada o futebol, hoje deitei-me às três da madrugada e a causa foi para assistir à apresentação do Cristiano Ronaldo aos 80 e tais mil madrilenos e outros peregrinos ao santuário de Santiago de Barnabéu para verem de perto o Ronaldo, nascido e criado a caldo, temperado, com banha de porco e bananas, na Ilha da Madeira.
-
Como é sabido o Ronaldo fez figura no Manchester, ganhou taças e dinheiro; adorado por jovens de boa cara e melhores carnes. Assisti ao delírio dos 80 e tais mil (doentes da cabeça e de espírito) a delirarem quando o rapaz português entrou no rectângulo do santuário de Santiago de Barnabéu, madrileno.
-
O padrinho do Ronaldo na cerimónia foi Sua Excelência o Embaixador (da bola) de Portugal o Eusébio e junto a grande glória, húngara, Di Stefano.
-
Fui deitar-me e deixei aquele “poviléu” a divertirem-se com o português, objecto, Ronaldo, agora em Madrid.
-
Eu chamo objecto ao Ronaldo porque ele é isso mesmo!
-
Atrás do Ronaldo há um barco cheio de piratas de olhos fitos para piratearam baús cheios de jóias de outras naus.
-
O Rel Madrid pagou uns 90 e tais mil euros pelo Ronaldo!
-
Uma autêntica bagatela o preço dos seus pés!
-
É que o presidente do real Madrid já fez as contas e o Ronaldo vai render durante um ano em publicidade, entradas de bilhetes para o verem e jogos, no estrangeiros, pagos a peso de oiro, o Cristiano Ronaldo Português a jogar.
-
Mesmo que esteja mal das “canetas” basta o Ronaldo dar uma volta ao estádio em passo de maratona para o público lhe bater palmas.
-
O Ronaldo, embora um produto genuinamente português, Portugal não lhe mete o “bico” e se alguma empresa portuguesa, mesmo o Governo que seja, usá-lo como publicidade, terão que pagá-la, com a língua de três palmos, porque o Ronaldo como o escritor José Saramago já não são portugueses mas espanhóis!
-
E de Castela nem bom vento nem melhor casamento...!!!
-
Viva o Cristiano Ronaldo um Rei em Castela!
José Martins

COM O SUPER-MINISTRO PORTUGAL VAI SAIR DA CRISE...



Teixeira dos Santos assume Economia com prioridade de superar a crise
13h06m
Novo ministro da Economia, Teixeira dos Santos, disse, minutos após a tomada de posse, que a sua prioridade será superar a situação de crise que o país enfrenta.
"A minha principal preocupação será com a Economia e com o superarmos esta situação de crise que nos tem vindo a afectar", afirmou aos jornalistas o, agora, ministro das Finanças e Economia, após a cerimónia de tomada de posse.
Teixeira dos Santos referiu que, em dois meses, não vai ter "a vaidade de fazer grandes inovações".
"Temos que gerir bem este ministério, dar resposta aos desafios que a Economia nos coloca", afirmou, acrescentando que vai trabalhar em conjunto com os três secretário de Estado que se mantêm em funções - Bernardo Trindade no Turismo, Fernando Serrasqueiro no Comércio e Castro Guerra na Indústria e Inovação.
Teixeira dos Santos disse que o Governo vai continuar a apoiar as empresas, "tendo em vista a superação das dificuldades em tempo de crise"; e as Pequenas e Médias Empresas, "como temos vindo a fazer e de forma acrescida".
Outra das prioridades do recém-empossado ministro da Economia será de "reforçar a capacidade da economia portuguesa para crescer no futuro".
"O nosso futuro é colocar a economia a crescer através das exportações. Temos que apostar nas exportações de todas as empresas portuguesas, grandes, médias e pequenas", defendeu.
Relativamente a processos em curso, como por exemplo o da Qimonda, Teixeira dos Santos garantiu que dará continuidade ao método de trabalho que tem sido seguido.
O novo ministro da Economia afirmou que enquanto ministro das Finanças sempre apoiou a política do seu colega, o ex-ministro Manuel Pinho, e que vai lhe dar continuidade.
"Fazemos parte de um governo que tem uma política económica e o ministro da Economia é um instrumento dela", disse.
O ex-ministro da Economia, Manuel Pinho, à saída da cerimónia, desejou "as maiores felicidades" ao novo ministro, afirmando que se sentia muito bem e que vai entrar agora de férias.
-
À MARGEM: O super-ministro, Teixeira dos Santos, afirmou que uma das suas principais prioridades é superar a crise!
Entendemos que no curto espaço de tempo que vai liderar a pasta da economia o super-ministro não vai mesmo fazer nada.
Já ouvi por aí a José Sócrates que iria promover a internacionalização das médias empresas.
Não faço a mínima ideia qual será essa internacionalização...
Mentir é muito feio, porque no render da guarda que se aproxima, não há espaço de tempo para se internacionalizar nada!
Se não se internacionalizou em quatro anos vai ser agora e em tempo de férias que a intenacionalização vai mesmo acontecer?
Têm assim vivido os portugueses, durante o Governo de José Sócrates, sob a mentira de palavras ocas e bacocas.
José Martins

VAMOS LÁ VER, VAMOS LA VER! O QUE LHE VAI ACONTECER., AO BASÍLIO....


Presidente da AICEP: acumulação de pastas é natural
por Lusa Hoje

O presidente da AICEP, Basílio Horta, considerou hoje natural que o ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, vá acumular a pasta da Economia, não antecipando qualquer mudança em relação aos dossiers em curso.
"Não antevejo qualquer mudança. Todos os dossiers que estão na Agência são dossiers complicados que estamos a tentar resolver", afirmou Basílio Horta à entrada para a cerimónia de tomada de posse de Fernando Teixeira dos Santos como ministro da Economia.
Segundo o responsável da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), o trabalho da entidade "vai manter-se ao ritmo de sempre".
Basílio Horta elogiou o ex-ministro Manuel Pinho, afirmando que estabeleceu com ele "um trabalho de grande proximidade" e que contou com a intervenção do ministro da Economia "sempre que foi necessário".

O MEU RIO VISTO DO ALTO

Colocamos uma peça "O Meu Rio Visto do Alto" num outro blogue http://maquiavelices.blogspot.com que convidamos a uma visita.
Obrigado

A VERGONHA, OS LOBOS VESTIRAM PELES DE CORDEIRO


Por KLAUDIO BEREK
Estamos próximos das eleições autárquicas em Timor Leste, que se vão realizar sem que seja resolvido o caso tão flagrante das ilegalidades cometidas pelo agora primeiro-ministro Xanana Gusmão, para não falarmos nos outros casos que se mantém nos limbos para dar tempo a que umas quantas famílias enriqueçam de forma ilícita..... »»»» clicar em baixo para ler o resto.
Publicada por Fábrica dos Blogs em 18:35 Hiperligações para esta mensagem
Etiquetas:

A CAÇA DO MALHADEIRO


Virou-se o feitiço contra o feiticeiro

NOVO DISTINTIVO DO PS

UM REI PORTUGUÊS EM ESPANHA!


Ronaldo disse:
-"Eu quero entrar no clube dos melhores jogadores da história"
-"Senti-me aliviado após de ter assinado o contrato co o Real Madrid";
-"O meu objectivo é ser o melhor na história entre os melhores da história...ou o melhor."
-"Justificar o preço que pagaram por mim".

Hoje, depois da noite, vai haver festa no estádio Santiago de Bernabéu.
Previstas 80 mil espanhois a bater palmas a um português!
Uma glória nunca vista até hoje!
Mas espera-se que os espanhois não nos levem, depois do Ronaldo, outras coisas mais...
E para terminar: "Que se desenrasque o melhor que puder o Ronaldo, pois o fardo que carrega nas costas é demasiado pesado"!

video

A entrevista ao Ronaldo

QUE SE JUNTE QUEM QUEIRA...MENOS EU!

POSE
"Quero uma coligação com o País", José SócratesJá não chega a coligação com a namorada?...