Translator

segunda-feira, 26 de abril de 2010

TAILÂNDIA: SUA MAJESTADE O REI DA TAILÂNDIA EMPOSSA NOVOS JUIZES

.
Rei: Façam o seu dever

By The Nation


Sua Majestade o Rei na noite passada disse que os funcionários públicos devem ser firmemente determinados a desempenhar as suas funções com o melhor de suas capacidades, para manter a paz no país.


Sua Majestade aconselhou recentemente os nomeados juízes do Supremo Tribunal para servir como um bom exemplo e uma inspiração para outros grupos de funcionários e outros membros do serviço público em cumprirem os seu deveres com uma vontade forte e clara.


Foi a primeira aparição de Sua Majestade, ao público desde que so camisas vermelhas iniciaram os protestos anti-governamentais, em Banguecoque a 14 de março.

O grupo de juízes, liderado pelo presidente do Supremo Tribunal Sobchoke Sukharom, foi-lhes concedida uma audiência com Sua Majestade, cerca das cinco horas da tarde no Hospital Siriraj, onde o monarca tem permanecido desde que foi admitido em 19 de setembro passado com uma inflamação de pulmão e febre alta.

É habitual para novos juízes de tribunais superiores de tomar juramento diante de Sua Majestade, antes de iniciar suas funções.

Sua Majestade disse também que "algumas pessoas" neste país, parece ter fracassado para fazer o seu dever.

"Façam o seu trabalho com honestidade. Neste país, pode haver algumas pessoas que se esquecem de seus deveres. Os senhores devem ser um exemplo, trabalhando de forma honesta e correctamente, os seus trabalhos que é muito importante," Sua Majestade o Rei disse em seu discurso, que durou cerca de 15 minutos.

"Isso vai mostrar que há funcionários no país, que exercem as suas funções com uma vontade forte e clara, e estão determinados a manter a estabilidade no país. Isto dará às pessoas a determinação de realizar seus deveres, também."

Sua Majestade, também destacou a importância da honestidade na manutenção da justiça e da paz na Tailândia.

"Trabalhando honestamente irão impulsionar o progresso do país e ajudar o país a viver em paz e contentamento," Sua Majestade, disse. "Os senhores devem ajudar a manter a justiça. Se os senhores seguirem estritamente os seus juramentos, vão ajudar o país a ficar em ordem."

Sua Majestade não abordou directamente o impasse político em curso entre o governo e os manifestantes camisas vermelhas que exigem uma dissolução, antecipada, do Parlamento.

Muitos moradores de Banguecoque voltaram em críticar as autoridades, especialmente a polícia, durante a sua inacção em lidar com a camisa vermelha manifestantes a violar abertamente a lei. Os manifestantes bloquearam estradas linhas de caminho de ferro e criaram postos de controlo para garantir que nenhuns militares ou reforços policiais, do interior, podessem chegar a Banguecoque para participar na dispersão da multidão na área comercial da avenida da Rajprasong.

Logo após a mensagem Real de Sua Majestade o Rei foi feita, uma força conjunta de soldados e polícia conseguiu dispersar uma multidão de camisas vermelhas bloqueando parte da estrada em Phaholyothin na província de Pathum Thani.

Sua Majestade proferiu um discurso semelhante a outro grupo de juízes, empossados, em fevereiro, pouco antes de o Supremo Tribunal Criminal da Divisão de Portadores Gabinete Político proferir a sua decisão de apreender Bt46 bilhões, em activos, congelados de contas, pertencentes ao fugitivo ex-primeiro-ministro Thaksin Shinawatra e sua família.

Fonte: www.nationmultimedia.com - Tradução livre de José Martins

POLÍTICA DA TAILÂNDIA : VIDEO THAKSIN EM MONTENGERO

.
Ex-PM tailandês Thaksin Shinawatra em Montenegro
O ex-primeiro ministro tailandês Thaksin Shinawatra disse que seus paoiantes protestam em Banguecoque "apenas em luta pela democracia.
"Thaksin disse em Montenegro segunda-feira que está em contato com os manifestantes que estão acampados em uma área comercial da capital tailandesa ha 24 dias.
Thaksin disse que "nós apenas luta pela democracia, deixe-os lutar pela democracia e justiça.

video

P.S. . Temos certas dúvidas, sem sermos técnicos, que seja real o video acima inserido. Som distorcido e o operador de câmara teve o cuidado de não enquadrar a designação dos microfones e, apenas vagamente, a face dos jornalistas. Chegamos a uma conclusão que o video é falso. Em política vale tudo, encomendar jornalistas/notícias, para iludir os olhos se for necessário. José Martins

JOSÉ MOURINHO: O MELHOR DO MUNDO... BONITO NÃO E!!!

Mourinho é quase invulnerável
O treinador Português conseguiu 389 jogos e perdeu apenas em 10 anos, 2,5%, por dois ou mais golos
JORDI QUIXANO - Barcelona - 27/04/2010
Linguista é provocante, José Mourinho (Setúbal, Portugal, 1963), nervoso e agitado no jogo de palavra.

Só desta forma significa que em sete temporadas, foi nomeado o melhor treinador da Taça UEFA e venceu duas Liga dos Campeões.

Agora pretende atingir terceto: Liga, Taça e Taça dos Campeões Europeus.
"É o melhor do mundo", concordou Pep Guardiola, treinador do Barcelona, antes da primeira mão (3-1) nas semifinais da corrente Campeões San Siro.
.
O que seria de Portugal com um Sócrates do perfil do Zé Mourinho... Seríamos um país, ganhador, das misérias que pelo país vão!

NA ROTA DA SAGRES


POLÍTICA DA TAILÂNDIA - ONDE ANDARÁ THAKSIN SHINAWATRA?

Thaksin, cadê de você?

"Fotos adulteradas " correm rumores que Thaksin Shinawatra está enfermo

As redes da comunicação social da Internet dizem que as últimas fotos de Thaksin Shinawatra são "medicadas" - e isso pode significar que o ex-PM foragido não está de boa saúde.

Depois de dias de rumores de que Thaksin Shinawatra estava em uma condição crítica, ou mesmo morto, Thaksin colocou as últimas fotos no seu site http://www.facebook.com/thaksinlives, Dizendo que estava bem e tinha viajado para muitos países ao redor do mundo.

Cinco mostrar fotos Thaksin em diferentes locais de interesse, como uma praia, ao lado de uma estrada e em um templo hindu em países não especificados. As datas nas fotos sugerem que foram tiradas na semana passada, a partir de abril 17-22. Duas pretendem mostrar em Suva, a capital de Fiji.

No entanto, muitas pessoas que viram as imagens dizem que foram manipuladas desde a composição, luz e exposição nas fotos não parece olhar natural.

Um relógio de configuração de uma imagem supostamente obtida em Suva aponta para as 7:12, mas a torre do relógio, distante, mostra que são 11:15, de acordo com um blogueiro sobre oknation.net.

A luz e sombra na foto mostrando Thaksin em uma praia também é artificial, um surfista na Net pantip.com disse. Thaksin é visto de pé, com uma praia bem iluminada no fundo. Para equilibrar o plano de fundo e a luz, o fotógrafo usou uma lanterna, um outro surfista, que alegou ser um especialista em câmeras, argumentou.

"Com essa técnica se veria a luz e sombra na fotografia que não era natural", revela o autor do site pantip.com. "Eu não estou olhando para a imagem do ponto de vista político, mas do ponto de vista técnico", escreveu ele.

Chatchawal Kupipat, um cientista de tecnologia de imagem da Universidade de Chulalongkorn, disse que a foto da praia foi obviamente medicado desde o fundo e o objeto (Thaksin) foram tiradas de diferentes ângulos. "O objeto foi retirado de um ângulo elevado - acima de sua cabeça, enquanto que o fundo era [a partir de um ângulo inferior] - a nível de vista", disse ele. "Eu tenho certeza que é uma imagem adulterada.

Nattawut Saikua, um líder dos manifestantes anti-governo, disse que ele estava no telefone com Thaksin ontem à tarde e poderá confirmar o para? premier mer estava em boa saúde.

"É necessário explicar se suas fotos foram manipuladas ou não", disse ele. "Eles podem se espalhar todo tipo de rumor. Mesmo eu dizia estar buscando asilo político nos Estados Unidos."

O site "hate-Thaksin" espalhou os seus problemas de saúde, a fim de atrair Thaksin a retransmissão de um vídeo para o anti-governo camisas vermelhas para que eles pudessem colocar a culpa em cima dele para provocar a multidão, Nattawut disse.

O rumor de que Thaksin estava seriamente doente, finalmente chegou ao fim na noite em que AP publicou um conjunto de fotos que mostram Thaksin chegando em Montenegro.

Tradução livre de José Martins

POLÍTICA DA TAILÂNDIA: DERRUBAR A MONARQUIA O OBJECTIVO DOS CAMISAS VERMELHAS

Governo revela reivindicações dos camisas vermelhas que seria o de derrubar a monarquia

Centro para a Resolução de Situações de Emergência afirma ter descoberto um complô para derrubar a monarquia.

A CRES disse que o grupo mantinha, na rectaguarda do trama os principais líderes da Frente Unida para a Democracia contra a Ditadura, membros do Partido Puea tailandês, ex-políticos banidos, académicos e radialistas de programas de radiofónicos comunitários.

O primeiro-ministro Abhisit Vejjajiva, disse ontem o CRES tinha reunido as peças do quebra-cabeça político ". Ele disse que as pessoas envolvidas, no complô, podem enfrentar acção legal.

O primeiro-ministro e as forças armadas têm suspeitado, por muito tempo, que o rali, UDD, tinha outro propósito maior do que apenas forçar a dissolução da Câmara dos Deputados.

O porta-voz CRES Sansern Kaewkamnerd disse que o protesto, que começou em meados de março, os camisas vermelhas atacaram as maiores, instituição através da mídia e líderes UDD ".

A CRES ordenou, ontem, aos manifestantes camisas vermelhas para se afastarem dos bloqueios de estradas ou enfrentar uma ofensiva de uma operação, conjunta, da polícia e militares. Col Sansern Kaewkamnerd, disse que qualquer tentativa, dos apoiantes do UDD, para obstruir os comboios das autoridades de segurança teriam de enfrentar a mesma acção tomada ontem no distrito de Wang Noi em Ayutthaya.

Polícia da Região 1 e 7, soldados do Batalhão de Cavalaria 1 decidiram romper uma barreira criada ilegalmente pela UDD na tarde ontem pela tarde. As operações levaram, alguns membros UDD, fugir da área.

O centro decidiu agir depois de autocarros, táxis e outros veículos ser verificados, por quase 400 membros da UDD, causando congestionamento, do tráfego, pesado, na estrada Phahon Yothin, junto à rotunda rodoviária do distrito.

A última operação veio com a tensão política chegou à capital das províncias onde os membros dos camisas vermelhas bloquearam soldados e policias designados para reforçar as unidades em Banguecoque.

Líderes da UDD estão em causa, mais unidades policiais e soldados são parte do plano do governo de lançar um novo esforço para reprimir os manifestantes camisas vermelhas no cruzamento da avenida da Ratchaprasong.

A capital foi abalada por um ataque, com granadas, em frente da casa do Secretário-Geral do Partido Pattana, Banharn Silpa-Archa, na noite de domingo e uma ameaça de bomba em frente do Hospital Chulalongkorn e a um parque de exposição de automóveis.

Os manifestantes da UDD juntaram-se, ontem, em Pathum Thani, Saraburi, Chachoengsao, Phitsanulok e Ayutthaya.

A população de Ayutthaya apareceu, em peso, para suportar as manifestantes, em dois lugares, da UDD no lugar de Phra Nakhon Si Ayutthaya, onde apreenderam cinco míni-autocarros da polícia e deteve seis soldados e oficiais da polícia.

Um grupo de cerca de 100 manifestantes UDD, liderada por Surachet Chaikosol, membro do Parlamento pelo Partido Puea, para a província de Ayutthaya, ordenou que motos usadas e triciclos tuk-tuks bloqueassem uma estrada em Phra Nakhon Si Ayutthaya distrito, para interromper a viagem de Lop Buri de 14 mini-autocarros com destino a Banguecoque.

Cinco míni-autocarros foram apreendidos pelo grupo, enquanto o resto conseguiu fugir do bloqueio dirigindo-se para outras rotas.

No distrito de Saraburi em Khae Nong, cerca de 200 manifestantes, camisas vermelhas, bloquearam uma via da estrada Phahon Yothin para inspecionar os veículos em direção a Banguecoque.

Muitos motoristas, exasperaram, quando suas viaturas foram inspeccionadas pelos manifestantes. Enquanto isso, em Chachoengsao, cerca de 200 manifestantes da UDD utilizavam 15 camiões, autocarros de transporte de passageiros e motocicletas para bloquear as entradas e saídas das instalações da polícia para impedir que agentes de autoridade viajassem para Banguecoque.

O bloqueio das instalações da polícia em Chachoengsao o comandante Monton Mianan convocou uma reunião urgente sobre a forma de tirar 300 agentes da estação para se juntarem a outros agentes de segurança em Banguecoque. A polícia usou pregos na estrada Chachongsao-Kabin estrada Buri.

Polícia, em Phitsanulok, (norte de Banguecoque a 470 quilõmetros) também enfrentou um bloqueio, semelhante, quando a divisão de polícia de patrulhamento de estradas, de Fort Phraya Chakri foi cercada pelos camisas vermelhas em Dlinked, Phitsanulok foram detidos 81 agentes.

Mais outros 150 agentes de autoridades foram impedidos de deixar a sua base para uma missão em Banguecoque por cerca de 100 camisas vermelhass colocando troncos de árvores, pedras e outros objectos cortando a estrada em frente às instalaçãoes da polícia.

No entanto, a polícia de patrulhamento da fronteira decidiu romper o agrupamento dos camisas vermelhas que utilizavam as mulheres como sua linha de frente enquanto os homens atiravam pedras e pedaços madeira aos polícias. A polícia, equipada com cassetetes e escudos, finalmente, conseguiu sair da zona, embora a acção de choque tenha provocado feridos em alguns manifestantes .

Enquanto isso, o líder UDD Natthawut Saikua disse que a UDD estava planejando para se mover, a partir de hoje, da “fortaleza” do cruzamento da Ratchaprasong para local não revelado.

"É hora para outra unidade de uma ofensiva", disse ele. "O Governo esforça-se para terminar com as demonstrações dos camisas vermelhas e queremos que eles saibam que continuamos firmes no nosso objetivo de derrubar o governo de Abhisit Vejjajiva.

Tradução livre de José Martins

PRONTO O DR.VARA,DESMARCA-SE EM TUDO E O GODINHO "SUCATEIRO" DE CANA....

Vara demarca-se do negócio da TVI

  • Vara não se 'revê' nas escutas publicadas pelo semanário 'Sol'

    Vara não se 'revê' nas escutas publicadas pelo semanário 'Sol'

12:23 Ana Brito ´(Público)

O vice-presidente do BCP com funções suspensas, Armando Vara, disse hoje no Parlamento que não teve nada a ver com o negócio da TVI, nem sabe porque razão o seu nome surge ligado ao processo.

25 DE ABRIL 36 ANOS TRAÍDOS

36 ANOS TRAÍDOS

Décadas de medo amordaçado acabaram, em 1974. Começaram trinta e seis anos de saque ao erário público, de ignorância, alienação, alheamento populares a par de uma lúcida e reiterada corrupção política. Estamos por isso globalmente mais pobres, o crescimento é nulo, a bancarrota assoma e ameaça-nos como dentes-sabre de uma besta por fechar sobre carne tenra. Há uma clara tirania medíocre em Portugal. Subtil na perfídia. Sub-reptícia no esbulho, a lembrar-nos todos os dias a nossa impotência popular perante quem realmente manda ou realmente usurpa de todos nós esse mando abusivo. Plutocracia não é democracia. Quando chamam a isto democracia, insultam o conceito. Numa democracia, um monte de esterco corrupto, por suspeitas ou por factos, não fica nem mais um dia sentado na cadeira decisória do Poder. Por cá, ainda tem mais razão. Sorri em público. Inaugura, com fervor. Discursa, moralóide. Foi para chegar a esta triste impunocracia que se fez o vinte e cinco de Abril?!

Sábado, Abril 24, 2010

NAS BORDAS DO 25

Às vezes, para me recordar de consistentes razões de raiva, penso só um pouquinho em Mário Soares. Enraivece-me que o velhinho bochechudo já não se indigne. Perdida a erecção do indignar-se, não há viagra ético que lhe valha. Não se indigna o aprendiz de mafioso benigno, porque português, com Bettino Craxi, biombo de corrupção, ventila-se. Não se indigna o especialista em cosa nostra maçónica nacional e bispo de essa igreja laica e sôfrega que é um certo Partido Socialista (há ali evidentemente gente honrada e recta). Não se indigna o sumo artífice de múltiplas tretas de liberdade dita só para inglês ver e português empobrecido cheirar. Pois é um crime que Soares nem por uma vez se indigne com o Primadonna. Com o estado a que isto chegou. Com o drama que por aqui vai, uma vez que isso de não haver vida para além do défice veio para ficar. Por que não pergunta ao Primadonna quantos Figos, cartazes e outras representações luxuosas foram necessárias para cavar e esconder o abismo do nosso défice?! Por que não pergunta a que obscenidades-financiamento foi preciso recorrer apenas para se re-alcandorar ao Poder?!

AS SUAS NOTÍCIAS NO DIA 26.04.10

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Iémen: Embaixador britânico escapa ileso a ataque
China: 900 mil pessoas afectadas pela chuva e inundações
EUA: Homem de 23 anos com armas preso no aeroporto
Petróleo está mais caro
Bolsa nacional arranca em alta

Capa do Público Público

Damas de Branco impedidas de protestar em Havana
Exportações cada vez mais para fora da Europa
Eurodeputada alerta Comissão Europeia sobre proibição do Avastin em Portugal
Armando Vara hoje na Comissão de Inquérito PT/TVI
PT constituiu-se assistente no processo Taguspark

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Papa passa ao lado dos imigrantes
Mercados: extinção ou revitalização?
Festa de jovens estudantes acaba com morte violenta
Lastavel volta a tribunal depois de condenado
Mauro Santos vai depor contra gangue de Valbom

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Assassinado à facada em festa de aniversário
"Abril comemora-se com solenidade"
Zeca Afonso e Lenine citados contra preconceitos
Táxis ainda sem planos para reforçar a oferta
Presidente alerta para a falta de rumo no país

Capa do i i

Sete mercados em vias de classificação como Património pela Cultura
Escolha a profissão: a probabilidade de estar em greve é elevada
Seis meses de governo em águas agitadas e sem Orçamento promulgado
Cavaco 25: um caminho marítimo para a reeleição de 2011
Inscrições para voluntários na visita papal arrancam hoje


Capa do Diário Económico Diário Económico

PT, Renováveis e Brisa castigam praça portuguesa
"Portugal está visivelmente vulnerável"
'Spread' da dívida portuguesa agrava-se para cima de 200 pontos
Chávez dá aumento de 40% aos militares
TomTom dispara 8%

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Juros da dívida grega voltam a romper máximos e arrastam Portugal
Analistas aplaudem dados operacionais da EDP
Bernstein estima lucros 69 milhões de euros para a Galp Energia
Vídeo: Sector financeiro anima bolsa no início da sessão
Parpública defende aumento de capital da TAP com apoio da CGD

Capa do Oje
Oje

Preço das casas no Reino Unido subiu 0,2% em Abril
Bank Millennium com aumento de capital de mais de 259 milhões de euros
Regras para empresas de desinfestação serão definidas até final do ano
José António Silva sai da administração da Alicoop logo que a empresa for salva
Bolsa de Lisboa abre a subir 0,92% para 7876,74 pontos

Capa do Destak
Destak

Porto recebe 6.ª Edição do Eurobattle
Du Arte Lounge acolhe nova etapa
Arguidos enfrentam o juiz de instrução sob a acusação de falsificação e burla
Embaixador britânico escapa a ataque à bomba
Grandes sugestões para o Dia da Mãe

Capa do 24 Horas 24 Horas



Capa do A Bola A Bola

Época termina para Lionn
«O Benfica é tudo para mim» - Ricardinho
Paulo Jorge não vai renovar
«Estas tristezas são pequenos nadas» - José Eduardo Bettencourt
Sexto melhor ataque de sempre

Capa do Record Record

ATP Tour: Federer continua a liderar destacado
Kaká: «A melhor resposta que podia dar»
Apenas um em cada quatro comboios a circular
Surf: ?Saca? enfrenta Taylor Knox
Duelo entre pai e filho

Capa do O Jogo O Jogo