Translator

sexta-feira, 21 de maio de 2010

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - REVIVER O TURISMO E A CONFIANÇA

.


Negócio »Turismo


O reviver do turismo vai começar com a Ásia


O governo, tailandês, está preparando uma campanha de promoção do turismo e sua revitalização, concentrando-se primeiro na China, Hong Kong, Japão e países da Asean, no propósito de tentaa recuperar a confiança depois de uma semana de caos em Banguecoque.

Campanhas semelhantes foram lançados, com sucesso, após o tsunami de 2004 no Sul, e na sequência de motins das camisas vermelhas, em Banguecoque, durante o Songkran do ano passado.

China, Hong Kong e Asean são as principais fontes de vinda de turistas ao país, na temporada da estação baixa, mas eles também são altamente sensíveis sobre a segurança, disse Surapol Svetasreni, Governador da Autoridade de Turismo da Tailândia.

Ele disse que os agentes de viagens e operadores turísticos da China, Hong Kong e Japão estavam dispostos a oferecer pacotes turísticos para a Tailândia, logo que o seu governo baixasse o alerta de viagem para a Tailândia.

No entanto, ele admitiu que não seria fácil convencer turistas estrangeiros a voltar a curto prazo, devido a danos nas áreas: Ratchaprasong e Pratunam, onde os turistas apreciam de fazer compras.

Mais quatro países, a Suíça, Brasil, Reino Unido e Austrália, levantaram, alertas de viagem na quinta-feira ao nível mais elevado. Similar alertas foram emitidos antes por 14 outros países, incluindo Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Espanha, China, Hong Kong, Vietname, Taiwan, Alemanha, Itália, Dinamarca, Holanda, Israel, Bélgica e Nova Zelândia.

Um executivo da indústria do turismo disse que o governo cada vez mais se encontra preocupado com uma queda brusca na receita do turismo este ano, como o investimento privado é pouco provável que seja um condutor principal para estimular a economia este ano como anteriormente previsto.

Contas de receitas do Turismo, são cerca de 7-8% do produto interno bruto.

Ampon Kittiampon, secretário-geral do Conselho Económico Nacional e do Desenvolvimento Social , disse que iria ser difícil observar como as receitas do turismo podem desempenhar um papel-chave na economia para o resto do ano.

A recuperação do sector, disse ele, queda-se, principalmente sobre a capacidade da Tailândia poder assegurar medidas de segurança para os turistas estrangeiros, disse ele.

Senhor Ampon também disse que seria impróprio para a Tailândia investir em caminhos de promoção road ou injectar um elevado orçamento agora em marketing , enquanto o país ainda tem de resolver suas divisões profundas.

"É mais adequado o país investir, fortemente, nos caminhos de promoção turística, quando o governo possa garantir a aplicação da lei e depois as autoridades conseguir restaurar a confiança e segurança para os turistas estrangeiros'', disse.


POLÍTICA DA TAILÂNDIA - OS HEROIS DE KLONG TOEY E BON KAI

Heróis desconhecidos de Klong Toey repeliu a ameaça vermelha

Como os guardas de segurança e os voluntários frustraram ataques violentos

O que aconteceu no na estrada Ranong, perto das instalações do Bangkok Post, na quarta-feira, mostrou que os seguranças e pessoas comuns foram capazes de desempenhar um papel na proteção de seus vizinhos das ameaças violentas das camisas, mais radicais, vermelhas.
Tossaporn: moradores estavam em alerta máximo

Fora do cruzamento da estrada Kosa Sunthorn, proximidades das casas do porto de Klong Toey, Loxley, Shell Thailand, Post Publishing e residências, principalmente, em locais degradados comunidades.

Depois de os líderes da Frente Unida para a Democracia contra a Ditadura se entregarem à polícia no cruzamento da avenida Ratchaprasong , a capital tornou-se numa cena de caos.

Camisas vermelhas, radicais, tomaram como alvo três empresas, mas foram salvas, graças aos guardas de segurança, especialmente os da Loxley, e pessoas na área. Post Publishing, que detém o Bangkok Post no idioma tailandês e Post de hoje, evacuou todo o pessoal através de uma saída de emergência para o complexo Shell Thailand.

A empresa Loxley foi atacado por dois foguetes, gigantes, de artifício, bombas de fogo e balas. Sofreu lesões ligeiras de pequenos incêndios e vidros quebrados.

"Nós tínhamos sido alertados antes do ataque. Então, tinhamos, plenamente, implantados os nossos guardas para proteger o nosso lugar", disse o guarda da Loxley, chefe de segurança, que não quis ser identificado. "Mas nós não teriamos cumprido a nossa missão, com sucesso, se não tivéssemos a boa cooperação dos nossos vizinhos, uma comunidade de gente de vida atrás de nós", disse ele.

"Nós também tinhamos informações compartilhadas entre os guardas de segurança da Shell e dos Correios, que foram muito importante durante o período de crise".

Ele estava se referindo à comunidade Mercado Penang composto por mais de 80 famílias que vivem perto das três empresas.

Desde quarta-feira, líderes da comunidade trabalharam em estreita colaboração com a equipa da Loxley e guardas de segurança para bloquear mais de 50 membros, camisa vermelhas, montados em motos para entrar na área. Os membros da comunidade foram protectores que trabalharam afanosamente para ajudar apagar o fogo no prédio.

O chefe da guarda de segurança, disse na quarta-feira pelo menos três postos de controlo foram criados para verificar a penetração de quaisquer estranhos para assegurar que as pessoas que vivem na área estariam a salvo da violência.

Ainda na quinta-feira, cerca de 10 membros da comunidade empunhavam barras de aço e barricada de varas montadas de guarda perto da empresas Loxley para garantir que nenhum membro UDD voltou para a área.

Watcharapon Pamolpol, um membro da comunidade, disse que a comunidade organizou uma equipa de guardas residentes para acompanhar de perto a situação, especialmente à noite.

Senhor Watcharapon admitiu que houve muitos adeptos camisas vermelhas na comunidade. Mas isso não era um problema porque todos tinham uma coisa em mente - tornar a comunidade segura de forasteiros.

"Nós fomos sempre enviando uma mensagem para os que [o] protesto, quando terminou. Por favor, se unem para proteger a comunidade", disse ele.

Tossaporn Puangsa-ARD, vice-líder da classe média Klong Toey Nives Residence e proprietário do restaurante Ban Khun Toy, disse que os moradores estavam em alerta máximo. Eles implantaram mais guardas de segurança para controlo da situação.

As medidas de auto-defesa foram vistos não só na comunidade do Mercado de Penang, mas também na comunidade severamente atingida no Bon Kai em Rama IV Road, perto do Estádio de Boxe Lumpini.

Samran Srisawat, de 47 anos de idade, residente Bon Kai, disse que a segurança, resistente, foi implantado na comunidade. Muitos postos foram criados.

"O que temíamos era mais o fogo. Estávamos em alerta máximo, até agora, para evitar que isso aconteça. Cada edifício tem seu próprio extintor de incêndio de parar fogo antes que se espalhe", explicou.

Quanto à violência na quarta-feira, ele disse que a comunidade trabalharam em conjunto para se protegerem a sis próprios.

Eles também conseguiram evitar que um grupo de bandidos de atear fogo a uma loja 7-Eleven.

A comunidade Bon Kai está voltando ao normal e a ajuda está fluindo dentro.

Eles agora têm eletricidade e água corrente após ficar sem estes dois bens necessários, por alguns dias. Muitos moradores voltaram.

Tradução livre de José Martins - Com algumas imperfeições

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - EM PROCURA DA VERDADE

Busca da verdade

O primeiro-ministro Abhisit Vejjajiva pretende reunir-se com os Tais para lhes reparar os danos físicos e mentais, e prometeu uma investigação independente sobre a violência que matou 85 pessoa. (Foto por Janthong Patipat)

»Veja todos os Destaques www.bangkokpost.com

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - CERCA DE 30 DIPLOMATAS SERÃO ESCLARECIDOS HOJE

CRES: Cerca de 30 diplomatas estrangeiros obterão informações, partir de hoje, sábado

Vice-Primeiro Ministro Suthep Thaugsuban apresentará a situação, a cerca de 30 diplomatas estrangeiros às três horas da tarde de hoje, sábado.
Missão desempenhada por Suthep Thaugsuban enviados dentro de suas capacidades como o diretor do Centro para a Resolução de situação de emergência.
The Nation
www.nationmultimedia.com

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - TELEFONES CELULARES APREENDIDOS

Polícia apreende telefones celulares a líderes detidos camisas vermelhas

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - SOB DETENÇÃO?

Sob detenção?

Líderes, do tumulto, camisas vermelhas têm uma vida fácil


O governo foi forçado a explicar ontem fotos de grande circulação de alguns líderes vermelhos, aparentemente, divertindo-se em uma estância de férias no interior de um campo de patrulha da fronteira em Phetchaburi. Ler notícia completa clicar: www.nationmultimedia.com

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - TRIBUNAL REJEITA FIANÇA AOS DETIDO

Tribunal rejeita pedido de fiança a detidos dirigentes de manifestantes vermelhos


Tribunal de Justiça rejeitou, ontem, os pedidos de libertação, temporária, dos 114 líderes camisas vermelhas e manifestantes, porque acreditam que os detidos possam causar mais caos e instigar a mais violência se forem libertados.

POLÍTICA DA TAILÂNDIA - PRIMEIRO-MINISTRO TRANQUILIZA O REINO

CONSEQUÊNCIAS
PM tranquiliza reino
.



Abhisit os votos de reabilitação e informa que a situação vai melhorar. Primeiro-ministro cancela viagem da Rússia para levar o restabelecimento da paz; camisas vermelhas, prometem regresso e continuar a luta.

DEPOIS DA TEMPESTADE A BONANÇA

.

DEPOIS DA TEMPESTADE CHEGOU A BONANÇA

.

Evidentemente que nos sentimos preocupados com os acontecimentos registados os últimos meses na Tailândia e acentuadamente, por infelicidade, em Banguecoque.

.

Procuramos dar a informação devida através dos noticiários que os consideramos fidedignos dos matutinos “The Nation” e “Bangkok Post”, com jornalista e fotógrafos no terreno.

.

Apesar da idade que temos (mas ainda sem sermos coxo e apoiado a uma bengala) bem poderíamos, ir para o palco de guerra, a que a ele estamos familiarizados pela experiência que já tivemos em Banguecoque, Camboja e na Birmânia.

.

Não fomos porque não andamos em procura de “glórias”, verdadeiras ou inventadas e sujeitos a levarmos um tiro, como os apanharam, infelizmente, o operador de câmara japonês, na noite de 10 de Abril último e um fotojornalista italiano, nos últimos acontecimentos e o dia da limpeza da base principal, dos camisas vermelhos, Rajaprasong. Outros fotógrafos deste país foram vítimas e alvo dos vermelhos.

.

Graças aos jornais “The Nation”, “Bangkok Post” e as informações que nossa mulher nos chegava, ouvidas na rádio local ou canais da de televisão, durante as 24 horas dos ponteiros do relógio, estivemos assim dentro dos factos, constantemente.

Fomos contactados de fora para fornecermos algo sobre o que acontecia na Tailândia.

.

Entre os contactos foi a ANTENA1, que desde logo endossamos a senhora que nos contactou, para o Conselheiro Político da Delegação da União Europeia Nuno Caldeira da Silva, a quem lhe fornecemos o número do telefone.

.

Caldeira da Silva, durante os mais de dois anos na posição em que ocupa, ganhou experiência na política deste país e vive, a portas da Sala Daeng, onde foi palco de actos sangrentos, com mortes e feridos.

.

Mas a senhora da ANTENA1, também queria que nós informássemos de “qualquer coisa” e ficou agendada uma entrevista, em directo, para o dia seguinte.

.

Falamos, pelo telefone, durante uns dois minutos sem darmos conta de uma situação de “cobras, lagartos e sapos”, mas moderando o acontecimento.

.

Mas entre as várias pessoas que nos ligaram ou enviaram e-mails surge-nos um jornalista estranho, que não sabemos se é um fantasma ou se é mesmo um Filipe Maldonado em carne e osso.

.

Segue a seguir a correspondência travada entre nós e o que pensamos “o repórter” fantasma.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

0859087477

2010/5/19, Filipe Maldonado <maldonadofilipe@yahoo.com>:

Boa noite jose gomes martins

Sou filipe maldonado e cheguei agora a bangkok para fazer um trabalho sobre a tailandia e portugal, mas com os problemas que há estou tambem interesado em fazer uma reportagem sobre os red shirts.

Tenho uma lista de nomes a contactar mas a embaixada parece que nao atnde desde ontem. Queria falar com o embaixador Antonio Maia e com outros portugueses que estao a viver aqui, mas so tenho a indicacao de dois outros blogers. O senhor nuno silva nao respndeu ao meu mail e miguel castel tambem nao. Sera possivel ajudar-nos ?

Obrigado e desculpe o incomodo

Filipe

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Bom dia de Bangkok,

Me parece que a embaixada estará encerrada. Eu, reformado, estou totalmente fora dela.

Aconselho-o a contactar o Dr. Nuno Caldeira da Silva, Conselheiro Político da União Europeia que talvez o possa ajudar, a pessoa indicada e que mais sabe sobre a situação política da Tailândia.

Seu contacto telefónico 0859087477

Quanto a Miguel Castelo Branco anda por aí.....ao qual por razões que não vou apontar não me pronuncio.

Os meus contactos estão em baixo deste e-mail.

Bom trabalho!

José Martins

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Estou num hotel perto do aeroporto porque ontem os hoteis da baixa estavam fechados por causa do ataque aos red shirts. Tentei falar com nuno silva mas nunca atende o telefone. Mandei um mail ao Dr. castel branco e fez-me o grande favor de me apresentar a um general que trabalha para o rei da tailandia. Passaram uma credencial e consegui uma entrevista exclusiva com o ministro do interior que conhece o dr. castel branco. Eu tambem gostaria de fazer uma reportagem sobre Auitiá, mas o dr. castelo branco disse que o jose martins sabe muito sobre a aldeia portuguesa e que contacte consigo.

Espero pode ter um telemovel tailandes amanha e espero tambem resolver o problema do teclado porque este não virgulas e acentos.

Obrigado

Filipe
18/5/10, Jose Gomes Martins <josegomes.martins@gmail.com> escreveu:

De: Jose Gomes Martins <josegomes.martins@gmail.com>
Assunto: Re: Jornalista portugues em bangkok
Para: "Filipe Maldonado" <maldonadofilipe@yahoo.com>
Data: Terça-feira, 18 de Maio de 2010, 20:38

- Ocultar citação -

Caro Senhor Filipe Maldonado,

Enquanto a situação na Tailândia não entrar na normalidade eu não saio de minha casa.

Se tudo normal o acompanharia a Ayuthaya ao "Ban Portuguet" e aos antigos bairros (de nome) portugueses que ainda existem em Banguecoque. A altura não dá para viajar para Ayuthaya porque ainda não se sabe o que na estrada pode suceder e mesmo na velha capital onde por lá houve focos da presença de vermelhos. Quanto ao Dr. Nuno Caldeira não lhe atender o telefone é natural dado que na condição de ligado à União Europeia em Banguecoque tenha montes de coisas a tratar relativas à turbulência política. Além do mais o seu local do trabalho e residência tem sido coração de conflitos desde há mais de um mês. Nada previa que tal coisa viesse acontecer neste país onde nele vivo há mais de 30 anos sem nunca ter problemas de segurança ou convivência com as gentes tailandesas quer em Banguecoque ou pelos milhares de quilómetros que tenho conduzido pelo interior da Tailândia. Ao fundo deste e-mail estão os meus blogues assinalados e website onde poderá recolher a informação relativa a Ayuthaya e à história dos portugueses na Tailândia.

Bom trabalho (Seguem-se umas referências (curriculum) à nossa pessoa que não inserimos)

José Martins

2010/5/20, Filipe Maldonado < maldonadofilipe@yahoo.com>:

O jornalista Maldonado não nos contactou mais, certamente por que segundo nos informou estava bem entregue e ter conseguido uma entrevista com o Senhor Ministro do Interior deste país. Quanto a acompanhá-lo a Ayuthaya não o fizemos pelas razões apontadas. Porém apenas achamos estranho que a pessoa designada e que auxiliou o Senhor Maldonado, não conheça mais do que nós a Aldeia dos Portugueses em Ayuthaya.

.

Por último inserimos um vídeo de autoria do jornalista Tony Jho, onde dá conta como as coisas correram por Banguecoque, na zona de guerra, que por razões apontadas acima não era altura de estarmos no terreno em procura de glória vã.

.

Se ainda estivéssemos por conta e risco de uma agência de notícias ou de um jornal teríamos, sob perigos, cumprir a nossa missão.

.

Por voluntariado ou em procura de ser conhecido como herói nunca!

.

Lá fomos publicando o que podemos, sem sermos uns “caganeiras” que o nosso blogue teve centenas ou milhares de visitantes diariamente. Teve os que lá foram e chegaram.

José Martins



OS NOSSOS "MÃOS-ZÓNICAS" OU OS NOSSOS "ROLL ROYCES"





Recebi este mail de uma amiga que vive nos Estados Unidos e me pergunta se é possível que isto aconteça aqui...

Aqui vao mais que nao se preocupam com a crise..! (PODE NÃO
PARECER,
MAS SÃO VALORES MENSAIS!!!!....)

-Mata da Costa: Presidente dos CTT, 200.200,00 Euros

-Carlos Tavares: CMVM, 245.552,00 Euros

-Antonio Oliveira Fonseca: Metro do Porto, 96.507,00 Euros

-Guilhermino Rodrigues: ANA, 133.000,00 Euros

-Fernanda Meneses: STCP, 58.859,00 Euros

-José Manuel Rodrigues: Carris 58.865,00 Euros

-Joaquim Reis: Metro de Lisboa, 66.536 Euros

-Vítor Constâncio: Banco de Portugal, 249.448 Euros (este é que pode
pagar mais IRS)

-Luís Pardal: Refer, 66.536 Euros

-Amado da Silva: Anacom, Autoridade Reguladora da Comunicação Social, ex-chefe de gabinete de Sócrates, 224.000 Euros

-Faria de Oliveira: CGD, 371.000 Euros

-Pedro Serra: AdP, 126.686 Euros

-José Plácido Reis: Parpública, 134.197 Euros

-Cardoso dos Reis: CP, 69.110 Euros

-Vítor Santos: ERSE, Entidade Reguladora da Energia, 233.857 Euros

-Fernando Nogueira: ISP, Instituto dos Seguros de Portugal, 247.938 euros (este não é o ex-PSD que se encontra em Angola !! )

-Guilherme Costa: RTP, 250.040 Euros

-Afonso Camões: Lusa, 89.299 Euros

-Fernando Pinto: TAP, 420.000 Euros

-Henrique Granadeiro: PT, 365.000 Euros

E ainda faltam as Estradas de Portugal, EDP, Brisa, Petrogal, todas as outras Observatórios e reguladoras ... Vilanagem É um fartar enfim! E pedem contenção!!

Imaginem o que é pagar um Subsídio de férias ou de Natal a estes senhores:''Tome lá meu caro amigo 350.000 € para passar férias ou fazer compras de Natal''.

E pagar-lhes esta reforma ... É no mínimo imoral e no máximo corrupção
à sombra da lei ... Até porque estes cargos não são para técnicos, Mas
são de nomeação política .. É isto que lhes retira toda e qualquer credibilidade junto do povo e dos quadros técnicos.


TUDO NOSSO DINHEIRO QUE ALIMENTA ESTE BANQUETE, ONDE A CRISE NÃO BATE À PORTA.

OS RICOS VÃO VOLTAR UNS POBRETAS ALEGRETOS

.


GUERRA CIVIL

Os ricos que se preparem. Pedro Passos Coelho acaba de afirmar que qualquer dia não haverá dinheiro nem para pagar os salários. Bem me parecia por que é que a venda de armas ilegais tem aumentado. Se um dia não há dinheiro para o salário, não haverá dinheiro para o arroz, para a massa, para o leite, para o pão, para o filho, para nada. E a isso chama-se guerra civil porque alguém irá pagar... a tiro.


1 pauladas Hiperligações para esta mensagem

MANDE O DINHEIRO COLHER URTIGAS!


POLÍTICA DA TAILÂNDIA - ARISMAN FUGIDO TENTA NEGOCIAÇÃO

.

Arisman, em Abril último antes que a polícia lhe deitasse a mão fugiu do quarto do hotel, numa prova de alpinismo auxiliado pelos apoiante camisas vermelhos

Arisman negoceia a rendição

Líder dos camisas vermelhas Arisman Pongruangrong ainda está escondido na Tailândia e tem contactado para negociar os termos de sua rendição, porta-voz da policia Tenente-General Pongsapat Pongcharoen, disse hoje, sexta-feira.

Arisman fugiu do local da base do rali Rajprasong antes que as forças de segurança entrassem na operação de limpesa e o fim do protesto na quarta-feira. Ele é procurado por acusações relacionadas ao terrorismo e às violações da regra de emergência.

O suspeito, foragido, é esperado para estar envolvido numa situação jurídica mais profunda do que outros líderes camisas vermelhas. Ele esteva envolvido no ataque a Pattaya em abril do ano passado que causou o colapso da reunião da
Asean e a Cúpula de líderes asiáticos.

The Nation

DAQUI BATEMOS PALMAS AO MIGUEL PORTAS

.
O Miguel não merecia ter ficado careca tão jovem...!


Intervenção de Miguel Portas junto aos Deputados europeus!...

CRISE ? QUAL CRISE? PARA QUEM ?!...

SÓ PARA OS CONTRIBUINTES, NÃO PARA OS POLÍTICOS!...

Cliquem e vejam o Miguel a colocar os pontos nos ises.

http://www.youtube.com/watch_popup?v=m2B7RWJY--A

VÁ LÁ NÃO FIQUEM POR AÍ DESPASSARADOS E ROÍDOS DE INVEJA...

Ditado: "Nunca o invejoso medrou, nem quem ao pé dele morou...!!!"


Já reparou? Os políticos europeus estão a lutar como loucos para entrar na administração da UE !
E por quê?
Leia o que segue, pense bem e converse com os amigos.
Envie isto para os europeus que conheça!
Simplesmente, escandaloso.
Foi aprovada a aposentadoria aos 50 anos com 9.000 euros por mês para os funcionários da EU!!!. Este ano, 340 agentes partem para a reforma antecipada aos 50 anos com uma pensão de 9.000 euros por mês.
Sim, leu correctamente!
Para facilitar a integração de novos funcionários dos novos Estados-Membros da UE (Polónia, Malta, países da Europa Oriental ...), os funcionários dos países membros antigos (Bélgica, França, Alemanha ..) receberão da Europa uma prenda de ouro para se aposentar.
Porquê e quem paga isto?
Você e eu estamos a trabalhar ou trabalhámos para uma pensão de miséria, enquanto que aqueles que votam as leis se atribuem presentes de ouro.
A diferença tornou-se muito grande entre o povo e os "Deuses do Olimpo!"
Devemos reagir por todos os meios começando por divulgar esta mensagem para todos os europeus. É uma verdadeira Mafia a destes Altos Funcionários da União Europeia ....
Os tecnocratas europeus usufruem de verdadeiras reformas de nababos ...
Mesmo os deputados nacionais que, no entanto, beneficiam do "Rolls" dos regimes especiais, não recebem um terço daquilo que eles embolsam.
Vejamos! Giovanni Buttarelli, que ocupa o cargo de Supervisor Adjunto da Protecção de Dados, adquire depois de apenas 1 ano e 11 meses de serviço (em Novembro 2010), uma reforma de 1 515 € / mês. O equivalente daquilo que recebe em média, um assalariado francês do sector privado após uma carreira completa (40 anos)..
O seu colega, Peter Hustinx acaba de ver o seu contrato de cinco anos renovado. Após 10 anos, ele terá direito a cerca de € 9 000 de pensão por mês.
É simples, ninguém lhes pede contas e eles decidiram aproveitar ao
máximo. É como se para a sua reforma, lhes fosse passado um cheque em branco.
Além disso, muitos outros tecnocratas gozam desse privilégio:
1. Roger Grass, Secretário do Tribunal Europeu de Justiça, receberá € 12 500 por mês de pensão.
2. Pernilla Lindh, o juiz do Tribunal de Primeira Instância, € 12 900 por mês.
3. Damaso Ruiz-Jarabo Colomer, advogado-geral, 14 000 € / mês.
Consulte a lista em:
http://www.kdo-mailing.com/redirect.asp?numlien=1276&numnews=1356&numabonne=62286

Para eles, é o jackpot. No cargo desde meados dos anos 1990, têm a certeza de validar uma carreira completa e, portanto, de obter o máximo: 70% do último salário. É difícil de acreditar ... Não só as suas pensões atingem os limites, mas basta-lhes apenas 15 anos e meio para validar uma carreira completa, enquanto para você, como para mim, é preciso matar-se com trabalho durante 40 anos, e em breve 41 anos.
Confrontados com o colapso dos nossos sistemas de pensões, os tecnocratas de Bruxelas recomendam o alongamento das carreiras: 37,5 anos, 40 anos, 41 anos (em 2012), 42 anos (em 2020), etc. Mas para eles, não há problema, a taxa plena é 15,5 anos…

De quem estamos falando?
Originalmente, estas reformas de nababos eram reservadas para os membros da Comissão Europeia e, ao longo dos anos, têm também sido concedida a outros funcionários. Agora eles já são um exército inteiro a beneficiar delas:: juízes, magistrados, secretários, supervisores, mediadores, etc.
Mas o pior ainda, neste caso, é que eles nem sequer descontam para a sua grande reforma. Nem um cêntimo de euro, tudo é à custa do contribuinte ...
Nós, contribuímos toda a nossa vida e, ao menor atraso no pagamento, é
a sanção: avisos, multas, etc.
Sem a mínima piedade. Eles, isentaram-se totalmente disso. Parece que se está a delirar!
Esteja ciente, que até mesmo os juízes do Tribunal de Contas Europeu que, portanto, é suposto « verificarem se as despesas da UE são legais, feitas pelo menor custo e para o fim a que são destinadas », beneficiam do sistema e não pagam as quotas.
E que dizer de todos os tecnocratas que não perdem nenhuma oportunidade de armarem em «gendarmes de Bruxelas» e continuam a dar lições de ortodoxia fiscal, quando têm ambas as mãos, até os cotovelos, no pote da compota?
Numa altura em que o futuro das nossas pensões está seriamente comprometido pela violência da crise económica e da brutalidade do choque demográfico, os funcionários europeus beneficiam, à nossa custa, da pensão de 12 500 a 14 000 € / mês após somente 15 anos de carreira, mesmo sem pagarem quotizações... É uma pura provocação!
O objectivo é alertar todos os cidadãos dos Estados-Membros da União
Europeia. Juntos, podemos criar uma verdadeira onda de pressão.
Não há dúvida de que os tecnocratas europeus continuam a gozar à nossa custa e com total impunidade, essas pensões. Nós temos que levá-los a colocar os pés na terra.
«Sauvegarde Retraites» realizou um estudo rigoroso e muito documentado que prova por "A + B" a dimensão do escândalo. Já foi aproveitado pelos media.
http://www.lepoint.fr/actualites-economie/2009-05-19/revelations-les-retraites-en-or-des-hauts-fonctionnaires-europeens/916/0/344867
Divulgue!

PRONTO PACIÊNCIA...O ZÉZITO SÓ NOS DÁ MERDA

.



AS SUAS NOTÍCIAS NO DIA 21.05.10

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Sintra: Roubo à porta do tribunal
Ovar: Colhido por comboio
V. Verde: Agredido com forquilha
Sequestram e roubam banco
Craig Venter: Criada vida artificial

Capa do Público Público

Localização da Feira do Livro do Porto tem que ficar resolvida hoje
"A principal função do Presidente é defender a Constituição"
Jerónimo de Sousa: "Portugal pode transformar-se em protectorado de Bruxelas"
Bloco de Esquerda ainda pondera ouvir Paulo Penedos
PSD "mata" inquérito mas deixa suspeita sobre Sócrates

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Portal da juventude com muitas alterações
Procurador do 'Face Oculta' recua nas medidas de coacção
Professor que juntou uniões 'gay' e animais num teste foi 'absolvido'

Profissionais chegam a fazer 48 horas semanais de bancos
PSD perde terreno na CPI

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

TGV: Espanha reafirma compromisso de ligação Madrid-Lisboa em 2013
Cão da raça rottweiler desfigura bebé de 13 meses e fere avó e tia da criança
Sílvia Ventura: Planar com os pássaros
Villas Boas: "Uma vez mais estou a ser alvo de especulação"
Concorrência afasta Petrovic do Sporting

Capa do i i

Cocaína. 1,6 milhões voaram até lisboa na mala de mão
Saldanha Sanches. "Estava sempre disposto a discutir"
Passerelle. Estado pede 25 milhões de euros aos arguidos
Mota Amaral tira o tapete ao PSD e proíbe utilização de escutas sobre a TVI

Horácio Roque (1944-2010). De 500 escudos à "Forbes"

Capa do Diário Económico Diário Económico

Parlamento discute hoje moção de censura ao Governo
Espanha atrasa alta velocidade e baralha TGV em Portugal
Conheça a nova tabela das taxas de IRS
Controlo na despesa permite recuo de 6,1% no défice orçamental

Julgamento do BPN arranca depois das férias

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Ásia desce pela sétima sessão consecutiva
Negócios eleito melhor site de informação e melhor jornal económico
Boas práticas? "Parece só enunciar boas intenções"
Serviços da Segurança Social terão semanas de 45 horas
Férias adicionais por boa avaliação só em 2011

Capa do Oje Oje

Wall Street encerra com perdas pesadas
Sonae com novo modelo no exterior
Governo emite dívida para particulares
WeDo Technologies factura mais 4% com mercado internacional
EDP revê investimento em baixa

Capa do Destak Destak

Fonte ligada ao processo diz que "adeptos seriam do Benfica"
Ramalho Eanes diz que actual momento é "pior" do que o de 1983 e apela a pacto "interpartidário"
Mesquita Machado não fica "triste" com cortes no salário apesar de se dizer "mal pago"
Saldo da Segurança social decresceu 403,9 milhões até Abril
Detido homem que terá assassinado uma mulher à machadada

Capa do 24 Horas
24 Horas


Capa do A Bola A Bola

«Acredito que à terceira será de vez!» - Galambas
Leão não desiste de Petrovic
Mariano à espera do empresário para discutir um novo contrato
«Vai começar o novo sonho» - Jara

Hermínio sobre Pinto da Costa: «As minhas conversas não são cortadas»

Capa do Record Record

Um processo a prazo
Sexta-feira, 21 de maio de 2010
Oito arguidos no alvo
Fábio Mello: «Victor só sai em agosto»

Nani foi uma "joia" rentável

Capa do O Jogo O Jogo

Turbine Potsdam vence primeira prova feminina
Claudio Borghi é o novo treinador do Boca Juniors
Moretto pode regressar ao clube
Esperanças: França e Argentina empatam
Robinho prefere Santos a AC Milan