Translator

domingo, 8 de agosto de 2010

POR DOIS DIAS ENCERRADO ESTE BLOGUE




Este blogue e hoje e amanhã estará desactivado pelo facto de nos deslocarmos a Ayuthaya e Lopburi, um roteiro histórico das relações entre Portugal e a Tailândia na proximidade (2011) de 500 anos de relações de amizade. Voltaremos na quarta-feira com relatos daquilo que observamos.
José Martins

HISTÓRIA TRISTE DE UMA VELHA MILIONÁRIA

.
Herança Maldita

Portuguesa que brigava por fortuna milionária foi assassinada no Rio

Arte de Vinicius Mitchell, Ricardo Cunha Lima e Robson Barbosa

A portuguesa Rosalina da Silva Cardoso Ribeiro, de 74 anos, entra no elevador do prédio onde mora, na Praia do Flamengo, Zona Sul do Rio. São 19h59m de segunda-feira, 7 de dezembro de 2009. Usa um vestido estampado em preto e branco, sem mangas. Debaixo do braço esquerdo, leva uma pasta com documentos. Na mão esquerda, uma bolsa. Preocupada com a aparência, arruma-se diante do espelho, ajeita o casaco branco que leva aos ombros — apesar de ser quase verão e não ter chovido durante o dia, ainda carrega outro, escuro.

Arte de Robson Barbosa sobre foto de álbum de família

Vídeo mostra o último registro com vida de Rosalina


Sete minutos antes, recebera um telefonema, marcando um encontro. Deveria se avistar com seu advogado em Portugal, Domingos Duarte Lima, que estava no Rio atendendo a um pedido da cliente. Apesar de conhecer o interlocutor, Rosalina estava tensa. Já havia confidenciado a amigos, em cartas, ter medo da violência na cidade. Por isso, pouco saía à noite e, quando vencia o receio, avisava sempre a alguém para onde ia.

Desta vez, porém, a importância da reunião compensa mandar às favas os temores. Rosalina empurra apressada a porta do elevador e, apesar da idade, desce com agilidade os três degraus do edifício. Toma a direita, seguindo o trânsito, e vai embora pela calçada escura.


A estrada em Saquarema onde o corpo de Rosalina Ribeiro foi abandonado. Foto: Marcos Nunes/Extra

É seu último registro com vida. Duas horas depois e a 90 quilômetros dali, em Saquarema, na Região dos Lagos, a idosa é morta com dois tiros, na testa e no peito. Os disparos, dados à queima-roupa, são de um revólver calibre 38. Os assassinos estão longe de serem ladrões: desprezam um relógio de pulso, dois anéis e um par de brincos da vítima. O corpo é abandonado num cemitério de carros roubados. Dorme à beira de uma estrada de chão que liga os distritos de Ponta Negra e Sampaio Corrêa, e só é encontrado na manhã do dia seguinte, 8 de dezembro, por uma equipe de guardas municipais.

Sem identificação, o cadáver é levado para o Instituto Médico-Legal de Cabo Frio. É assim, abandonada e sem nome, que fica por 12 dias Rosalina da Silva Cardoso Ribeiro, portuguesa, 74 anos, envolvida na disputa de um espólio de R$ 80 milhões apenas no Brasil — sem contar os milhões de euros, imóveis e indústrias na Europa.

Leia também:

Corpo de portuguesa assassinada ficou 12 dias no IML de Cabo Frio

Milionário português foi amigo de Juscelino Kubitschek

Filha que milionário português teve fora do casamento disputa fortuna

Cortesia do "Globo online

Magistrados manifestam "falta de confiança" em Cândida Almeida

.



.Processo Freeport por Carlos Santos Neves, RTP actualizado às 10:43 - 08 Agosto '10

Publicado 10:37 08 Agosto '10
.
Os procuradores titulares da investigação ao licenciamento do Freeport de Alcochete manifestaram às autoridades britânicas “falta de confiança na hierarquia”, designadamente na directora do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), Cândida Almeida. A confidência de Paes de Faria e Vítor Magalhães consta de um documento do "Serious Fraud Office" hoje revelado pelo Diário de Notícias.
.
Num momento em que a guerra entre a Procuradoria-Geral da República e os magistrados do Ministério Público não dá sinais de tréguas, emerge mais um dado a ilustrar as dissensões que se verificaram no núcleo da investigação às suspeitas de corrupção e tráfico de influências no licenciamento do Freeport de Alcochete. O Diário de Notícias revela agora um documento do Serious Fraude Office que detalha uma reunião de Fevereiro de 2009, na Haia, entre os procuradores titulares do processo e elementos das autoridades inglesas. Nas "anotações" do encontro, é referido que Vítor Magalhães e Paes de Faria deram conta da sua "falta de confiança na hierarquia".
.
"De acordo com os procuradores portugueses (em confidência disseram-nos que não tinham confiança na hierarquia, representada na reunião pela senhora Cândida Almeida), o inquérito devia continuar na mesma base. O inquérito diz respeito ao possível envolvimento do primeiro-ministro José Sócrates no caso Freeport", indica o documento citado pelo Diário de Notícias.
.
As anotações dos investigadores ingleses vão mais longe, ao sugerirem que, no decurso da reunião na Holanda, "ficou claro" que "a senhora [Cândida] Almeida era contra a ideia de que o primeiro-ministro português pudesse ter recebido qualquer suborno".

Com estes timoneiros...vamos ao fundo

timoneiros

LUSA A2: "ALGUÉM ENRIQUECEU A DESENVOLVER ESTA ARMA"





Sunday, 8 August 2010

Alguém enriqueceu a desenvolver esta arma, já agora e por curiosidade, convinha não saber quem, nesta terra sem justiça onde os processos em julgamento só tornam obesos quem já tem a propensão para tal, e mais uma vez por conta do contribuinte.
.
Tecnologia que foi nacional (a velha FBP) mas já é propriedade dos americanos.
Continuamos os mesmos: depreciamos tudo o que fazemos, compramos caro (dos outros tudo é bom) e vendemos barato (o que fazemos não vale nada).
.
Um produto nacional, que até faz muito sucesso nos E.U.A., local em que a variedade e oferta são imensas.
.
Em Portugal esta arma foi considerada obsoleta e custou mais de 2.000.000,00 de contos (não é Euros) ao Estado, em desenvolvimento e pesquisa, o objectivo era substituir a FBP (que ainda no 10 de Junho último se viam sargentos da Marinha com estas armas na cerimónia).
.
No encerramento da Indep, alguém comprou tudo, moldes, peças, documentação técnica! Por quanto? Menos de 50.000,00 € (sim aqui é em Euros)!!!Os Americanos chamam agora Lusa à arma e comercializam a mesma .


Vejam a descrição em anexo.

Notícias Shotgun 2006
LusaUSA Brochura
Review Small Arms

INFORMAÇÃO IMPORTANTE!
28 -round mags estão disponíveis a $ 34 dólares cada.
10 -round mags disponível a $ 39 dólares cada.
Entre em contato conosco
info@lusausa.com
Em 1983, a SMG LUSA - A2 foi desenvolvida pela INDEP Indústrias de Portugal , que, na época, era fabricada sob licença da H & K , o HK21 eo HK G3 .

.
Melhorias e modificações foram um processo contínuo , que culminou em 1992, e com um custo de desenvolvimento de 2,5 milhões de dólares.
.
O grupo de acessórios e o gatilho é quase idêntica à da H & K MP- 5 e do barril é de mudança rápida, semelhante ao UZI . O parafuso e a transportadora são uma unidade.
.
A INDEP em 2004, vendeu tudo, ferramentas , utensílios e direitos de fabricação para o grupo do bem estabelecido na indústria de armas de fogo. Stan Andrewski , proprietário da Gunsmithing Stan há mais de 30 anos em New Hampshire, Jerry Prasser , proprietário da Recon Ordnance por 29 anos em Wisconsin, e Ralph DeMicco , dono da arma Riley 's Shop A empresa foi nomeada LUSA E.U.A. .
.
A LUSA tem sido aprovada pelo "Departamento de Bebidas Acoólicas, Tabaco, Armas de Fogo e Explosivos" e está à venda como uma arma semi-automática para o mercado civil. A quantidade de peças, fabricadas, em conformidade E.U. reuniu-se exigências do governo .
.
O modelo de fogo selectivo está disponível para aplicação da lei e agências governamentais, nacionais e estrangeiros . concessionários Classe III pode obter uma LUSA -A2 para fins de demonstração com a letra pretendida LE de demonstração.
.
A venda da arma A2LUSA e sobressalentes estão, agora. disponível ao público.

AS SUAS NOTÍCIAS NO DIA 08.08.10

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Perseguição da GNR com tiros faz cem quilómetros
O fantástico mundo de Mika
Portuguesa assassinada no Brasil
Tempo: Trovoada e aguaceiros
Algarve: Dois feridos nas praias

Capa do Público Público

Villas-Boas já tem motivos para se rir de quem desconfiou do novo FC Porto
Sorteio do Totoloto (32º/2010)
Três feridos e 12 pessoas retiradas das suas casas em S. Pedro do Sul
Deco regressa a casa, para representar o Fluminense
Mais de 2000 incêndios nos últimos seis dias em Portugal continental

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Caravela negra em Porto Santo
Álcool levou-o a matar a mulher e a suicidar-se
PJ Militar investiga roubo de pistola na GNR de Chaves
Portas rebate negócio das armas
Dias Lourenço, o resistente que também era gentil

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Mais de 2500 fogos florestais numa semana
Vieira teme ficar sem a sua praia
"Jovens tremendamente abertos ao voluntariado"
Caravana do PCP percorre as praias durante o mês de Agosto
Líderes políticos concentram "rentreés" no final de Agosto

Capa do i i

PSD denuncia: "Pinto Monteiro quer um MP não democrático"
Clínica que deixou quatro pessoas em risco de cegar foi suspensa
Nazaré: População revoltada por SAP ter horário diferente para turistas
Verão 2010. Mais de metade das praias em risco de derrocada
Tribunal altera acusação e defende-se dos recursos

Capa do A Bola A Bola

Caso Queiroz vai durar meses
Luisão em risco para a Académica
«Maçã podre? Os meus ex-companheiros continuam meus amigos» - Moutinho
Sevilha perde com Espanhol nos penalties
«Roberto? Continuo a ter confiança em todos os jogadores» - Jesus

Capa do Record Record

Polga na linha da frente
Tonel quer jogar ou sair
Há 16 anos que o Benfica não marca ao FC Porto
Central Baggio já chegou
Hora de decisões

Capa do O Jogo O Jogo

Falcao: "Foi importante conquistar este troféu"
Espanhol de Barcelona vence Sevilha no Troféu Carranza
Pacences batem Celta de Vigo e conquistam Troféu Memorial Quinocho
Villas Boas: "Continuamos o nosso percurso sempre lúcidos"
Saviola: "É preciso melhorar