Translator

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

EMPENHADOS, POR 10 ANOS AO JURO DE (QUASE) 7 POR CENTO

.



É a nossa triste realidade que por 10 anos estamos sobrecarregados como uma dívida a juros altíssimos.
.
Mas não se pense por aí que depois de pagarmos o empréstimo, leiloado, a quem dá mais que ao fim da década que estaremos melhor que hoje.
.
Acredite-me quem o desejar mas a realidade será, mais empenhados e até às orelhas.
.
Penhorados em nome da liberdade e da democracia que um “grupelho” político impingiram aos portugueses. Portugal não está preparado para se desenrascar da dívida, presente e de outra que virá daqui a 10 anos.
.
Os portugueses têm sido aldrabados por todos os Governos como se um país fosse uma “tasca” e o taberneiro vende copos de vinho e guarda os lucros.
.
Foi gente, esses políticos, de poucos escrúpulos que foram olhando para seus interesses pessoais e os dos portugueses que se fosse colher urtigas, entre as couves, na horta.
.
Estivemos sujeitos a uma “cambada” de uma canalhada vigarista.
.
Gastaram sem rei nem roque, corromperam-se de toda a forma e feitio. A coisa foi correndo com mentiras, de cretinos e foram enchendo o saco e rebentou agora.
.
Um país onde as fábricas continuam a fechar, perdeu a competitividade internacional, uma agricultura desprezada e campos ao sabor das silvas e dos árbustos (queimados em todos os verões), não há a mínima chance de voltarmos a ser independentes, como o fomos no tempo de António de Oliveira Salazar.
.
Irremediavelmente vamos continuar a pertencer a um país, dependente e hipotecado.
.
Por mim não me faz diferença, porque minha idade não permite de ver o colapso, total, económico de Portugal, mas preocupa-me a situação dos vindouros que serão uns pobres Jós.
José Martins

A EUROPA ESTAR A FICAR BONITA...PROTESTOS POR TODOS LADOS

.
Estudantes fazem protesto contra aumento de propinas nas universidades britânicas.
O projeto do governo Cameron destacou em 6000 ou 9000 libras aula na universidade, levou quarta-feira 50 000 estudantes britânicos na rua. Os conservadores esperam salvar 3 bilhões de libras.
Por Despacho (texto)
Lise Barcellini (vídeo)

video

AFP - estudantes britânicos entraram quarta-feira pela força no prédio que abriga a sede do Partido Conservador, em Londres, indo para além da polícia durante uma manifestação sem precedentes contra a triplicação dos custos para a universidade , observou a AFP.

Uma centena de estudantes ainda estavam por volta de 1600 GMT, três horas após o primeiro estouro do edifício localizado perto do Parlamento ao longo do Tamisa, tendo quebrado as janelas.

A polícia inicialmente tentou empurrá-los com cassetetes, antes de renunciar-se a um rosto comprido de enfrentar.

No início da tarde, várias dezenas de manifestantes conseguiram chegar ao telhado, onde eles desfraldaram bandeiras. Outros têm um fogo aceso em frente da torre.

A polícia estava visivelmente surpreso com a violência, uma unidade de motim de serem expedidos para que mais tarde.

Serviços de ambulância relataram cinco feridos, sem dar detalhes. O rosto de um policial foi drenado de sangue, disse um jornalista da AFP.

Aaron Porter, presidente da União Nacional dos Estudantes (NUS), disse que "condenamos totalmente a violência", dizendo "orgulhoso da participação pacífica de 50.000 estudantes no evento" organizado pela manhã. "Vergonha para aqueles que estão aqui para criar desordem", disse ele à BBC.

A polícia estimou que cerca a cerca de 20.000 o número de alunos, acompanhados por professores, que se manifestaram contra os planos do governo para aumentar a taxa de matrícula em escolas de Inglês.

"9000 libras, não serão aceites?"

Este é o maior evento realizado desde a inauguração do governo conservador David Cameron, em maio.

"Os políticos parecem realmente se preocupar. Eles devem receber o dinheiro para pessoas que ganham muito, que tem sete dígitos salários, não para os estudantes que não têm dinheiro", disse Tennant, Anna Siren Universidade de Ulster at Coleraine, Irlanda do Norte.

"Nós não vamos aceitar que a geração mais velha passa suas dívidas para a próxima geração", disse seu lado o líder sindical Aaron Porter.

Em cartazes, leitura de "Pare a cortes na educação", "9.000 libras, não serão aceites?"

No começo do dia, quando as questões do governo na Câmara dos Comuns, o vice-primeiro-ministro Nick Clegg, líder do Partido Liberal Democrata, enfrentou um ataque contra o aumento da taxa proposta matrícula na universidade.

A medida, solicitada pelos conservadores, foi aceite pelos democratas liberais, que fazem parte da coalizão de governo, embora "LibDems" tinha prometido durante a campanha eleitoral de não aumentar a taxa de matrícula.

Atualmente, as taxas para o Reino Unido e da UE estudantes nas universidades Inglês não pode exceder £ 3.290 (€ 3.777, 5.275 dólares) por aluno por ano.

Mas o governo conservador, David Cameron, quer para permitir que universidades para ajustá-los às 6.000 libras, e em "circunstâncias excepcionais" a 9.000 libras.


Click here to find out more!

DO PAU PARA TODA A OBRA - CENSURA

Censura?

Há violência na Grécia e a polícia ataca os revoltosos com grande dificuldade. Há violência e revolta estudantil em Inglaterra com a polícia a sentir grandes problemas para enfrentar os manifestantes. Há violência em França, há violência na Holanda, há violência na Alemanha, mas não vemos praticamente nada nas televisões portuguesas. E muito menos, ouvimos a notícia da criação de uma polícia especial europeia, cujos agentes já estão a receber treinamento em Itália...


tags:

UM VIOLINO NO FADO - NATALIA JUSKIEWICZ

.
Em verdade vos digo que não gosto nada de Fado... Lembra-me que o Fado foi inventado pelos pobres e como forma de protesto de suas misérias, passadas, no século XIX. Mas o video que segue em baixo vale a pena ouvi-lo. Não se esqueça de ligar o som.


video

DENUNCIAR A CORRUPÇÃO É DEVER CÍVICO E PATRIÓTICO

DEPARTAMENTO CENTRAL DE INVESTIGAÇÃO E ACÇÃO PENAL
DENÚNCIA DE ACTOS DE CORRUPÇÃO E FRAUDES


  • POR QUE PRECISAMOS DA SUA INFORMAÇÃO
    A corrupção ocorre normalmente num círculo fechado de indivíduos, muitas das vezes protegidos por regimes de segredo profissional.
    Por esse motivo, o conhecimento de dados sobre o relacionamento entre os indivíduos suspeitos ou os efeitos nefastos dos seus actos para o interesse público, pode ser determinante para o sucesso da investigação.
    Combater e eliminar a corrupção é uma responsabilidade de todos e quem não denuncia, conhecendo os factos relevantes, tem também a sua quota de culpa.
    Assim, todos aqueles que se sentiram directamente afectados pela prática de actos de corrupção ou que dispõem de informação privilegiada, são convidados a utilizar este meio para contactarem com as autoridades responsáveis pela investigação.
  • COMO TRANSMITIR OS FACTOS DE QUE TEM CONHECIMENTO
    Pretendemos obter informações específicas para desencadear uma investigação que nos permita identificar factos com relevância criminal e responsabilizar os seus autores.
    Para esse fim, precisamos que nos diga, da forma que entender conveniente, como é que teve acesso à informação.
    Depois, precisamos que nos transmita de forma objectiva e com detalhe os factos de que tem conhecimento e documentos ou outra prova que possua.
    É importante que nos transmita os dados que conhece sobre as pessoas que praticaram os factos.
  • O QUE VAMOS FAZER COM A SUA INFORMAÇÃO
    Os factos comunicados serão objecto de apreciação pelos Magistrados do Ministério Público no DCIAP.
    A primeira preocupação será validar e completar o conhecimento dos factos que nos forem transmitidos.
    Tal não significa que seja, de imediato, instaurado Inquérito, o que pressupõe a existência de indícios da prática de crime, mas nenhuma informação será deixada sem desenvolvimento, visando sempre alcançar a verdade dos factos.
    Será decidido qual a forma processual através da qual será iniciada a investigação.
  • COMO SEGUIR O RESULTADO DA SUA INFORMAÇÃO
    A sua comunicação receberá um número pelo qual passará a ser identificada.
    Ao mesmo tempo ser-lhe-á atribuída uma chave de acesso que deverá copiar e guardar em local seguro.
    Mediante essa chave de acesso poderá posteriormente aceder à sua comunicação e tomar conhecimento da investigação e outros dados que lhe interessam.
    Poderemos precisar da sua colaboração para nos esclarecer dúvidas ou transmitir informação adicional
  • PODE COMUNICAR DE FORMA CONFIDENCIAL E ANÓNIMA
    O autor da comunicação pode manter o anonimato.
    No entanto privilegia-se que se identifique, sendo nossa preocupação que não venha a ser desnecessariamente exposto publicamente durante a investigação.
    É importante que o autor da comunicação se identifique e deve indicar-nos uma forma de poder ser contactado, seja um endereço postal ou de “e-mail” ou telefone, se pretender receber informação mais detalhada sobre a investigação.
    Se se dispuser a testemunhar, poderemos esclarecer a forma como a lei permite assegurar protecção.
    Apresentados os nossos compromissos, colabore, transmitindo-nos os factos de que tem conhecimento.
Se tem conhecimento de factos relacionados com a corrupção ou fraude e nunca antes os comunicou às autoridades ou foi chamado a depor sobre eles, clique aqui para apresentar nova denúncia.
DENÚNCIA JÁ APRESENTADA
Se já apresentou neste serviço uma denúncia de actos de corrupção ou fraude e pretende consultar o seu estado, ou enviar dados ou documentos adicionais, introduza a chave de acesso que lhe foi fornecida no momento em que apresentou a denúncia.
Chave de acesso:




Copyright© 2010-2010 Procuradoria-Geral da República
1180

PORQUE ESPERA? VAMOS A ESSA CANALHA!


Corrupção

por © 2010 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

PGR disponibiliza página na Internet para apresentação de denúncias

publicado 20:37 10 Novembro '10

Lisboa, 10 nov (Lusa) - A Procuradoria-Geral da República (PGR) disponibilizou a partir de hoje no seu `site` na Internet uma página para a denúncia de atos de corrupção e fraudes, podendo o autor da comunicação manter o anonimato.








As denúncias, que serão tratadas pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), podem ocorrer no âmbito das atividades de entidades ou serviços públicos, do setor privado, do comércio internacional e da atividade desportiva.

"A corrupção é uma ameaça à estabilidade e segurança das sociedades, na medida em que mina as instituições e os valores da democracia, os valores éticos e a Justiça e na medida em que compromete o desenvolvimento sustentável e o Estado de direito", lê-se no site https://simp.pgr.pt/dciap/denuncias/ .

AH GRANDE ZÉ COSTA "TÁS" PASSARINHO FORA DA GAIOLA...SORTUDO O ZÉ

Caso BPN

por RTP actualizado às 19:04 - 10 Novembro '10

Oliveira e Costa posto em liberdade

publicado 18:46 10 Novembro '10
DR

O ex-presidente do Banco Português de Negócios (BPN), José Oliveira e Costa, ficou sujeito a apresentações semanais no Tribunal Criminal de Lisboa, ao ser hoje posto em liberdade. Até ter lugar o julgamento do caso BPN, também não deverá viajar para o estrangeiro sem autorização do tribunal.


A decisão foi tomada pelo juiz que vai presidir ao julgamento do caso BPN, segundo fonte judicial citada pela Lusa e que confirma uma notícia contida no site do semanário Expresso. O julgamento do ex-presidente do BPN e de mais 15 arguidos deverá iniciar-se em 15 de Dezembro, depois de ter estado marcado para outubro nas Varas Criminais de Lisboa e ter sofrido um adiamento.

Oliveira e Costa esteve anteriormente em prisão preventiva, mas foi-lhe depois alterada a medida de coacção e determinada a prisão domiciliária, em 21 de julho de 2009. É esta medida de coacção que agora dá lugar à das apresentações semanais e do condicionamento de eventuais viagens ao estrangeiro a uma autorização do tribunal.

As acusações que pendem contra Oliveira e Costa incluem a de abuso de confiança, burla qualificada, falsificação de documento e branqueamento de capitais. Segundo o Ministério Público, o banqueiro organizou um esquema ilícito para obter poder pessoal e proveitos financeiros com o apoio dos restantes arguidos - pessoas singulares e empresas.

VER E LIGAR O SOM - ESPECTACULAR



Grande Circo Estado chinês - Lago dos Cisnes


OS DE PARA LÁ DA RAIA DIZEM DE NÓS...!!!

.



Vigo para o Porto, de entrada, 77 €

Portugal implementa o mundo pedágio mais caro e caótico

Os arcos para as câmeras (esquerda) e sinais de preços na A-28. A. G.
• Viagens para Porto a partir de custos de insumos Galicia 77 €
• É necessário alugar um dispositivo electrónico na fronteira
• Descontos € 4 se devolvido em perfeitas condições e no mesmo lugar
Vigo • Os empresários acreditam que a UE irá declarar discriminatório
• "É melhor a esgueirar-se e não pagam" lusos recomendar motoristas
.
Se você mora na Galiza e quer viajar para Portugal preparado para pagar portagens mais caras do mundo: 77 € por um trecho de 76 quilômetros. A partir desta sexta-feira foi implantado no vizinho uma taxa para a nova auto-estrada A-28, que corre ao longo da costa, e o anel de entrada no porto. Mais do que um euro por quilómetro é a taxa a ser paga aos que circulam pela primeira vez desde a cidade de Viana do Castelo para a capital do Douro.
Rodovias atingidas
A-17 e A-25 Aveiro-Porto (rota sul)
A-28 Viana do Castelo / Porto (rota norte)
A-41 e A-42 Guimaraes Braga, Porto (Via Leste)
.
O movimento vem do governo central luso impostas para a grave crise que afectam todo o Estado e sob a incerteza geral de motoristas estrangeiros. O pagamento é tão complicado que a maioria dos motoristas, por ignorância ou desprezo, não cumpria o pagamento no primeiro dia de operação.
Em princípio apenas se aplica aos três rodovias que entram em Lisboa, Porto ydesde também a intenção de implantá-lo em breve no restante território. Castellanos, de Zamora e Salamanca e Extremadura também ser afetados se eles querem viajar para a cidade Português, apesar de a Galiza, onde o volume de tráfego para o norte de Portugal é maior, serão os mais afetados.
.
Assim, o Interior Norte, Beiras Litoral e Alta, Beira Interior e do Algarve vai pagar a partir de 15 de abril, 2011, EFE.
O sistema inclui dois tipos de taxas. Um para o Português si e outra para estrangeiros. No primeiro caso, as viagens top ten são gratuitos e os demais terão desconto de 15%. Eles têm muitos benefícios como os cidadãos espanhóis que desejam cruzar o 'raia' ea partir dessa sexta-feira e poderia provar isso.
.
Zarpou de Portugal em Vigo para o número de dias de abertura para o Gallegos tornou-se uma estrada repleta de painéis incertezas etodas Galego AP-9 alertado para o novo sistema começou. Entrada, em Valença, através do rio Minho, ele separa a cidade espanhola de Tui, foi impossível adquirir o dispositivo eletrônico necessário para usar a rodovia.
"Nós não temos equipamentos até a próxima semana", dizem eles na estação de correios na vila de fronteira.
.
O serviço postal é o único Português, com estações de serviço e entidades de vários bancos autorizados a vender o equivalente a Viate OBE ou espanhol. A primeira parcela vem com o aluguer do aparelho. Custa € 27 e, se usado apenas uma vez deduzidos apenas 4,30 € para utilização durante uma semana (após a reentrada de baixa em 1,40 a cada sete dias), embora este seja obrigado a devolvê-lo em perfeitas condições e em mesmo escritório que foi comprado.
.
Antes de sair da loja de postais de varejo terá de fazer outro pagamento, este ainda é mais caro. É um encargo de 50 euros para veículos ligeiros e 100 para pesados. Neste caso não há nenhum tipo de retorno possível e só é válida por 90 dias.
.
Auto-estrada ou via dupla
As duas opções para chegar ao Porto são os A-3 ou A-28, porque a viagem por estradas regionais ou locais podem transformar uma viagem de apenas meia hora, três ou quatro horas. Se você decidir sobre a rodovia, você sabe que você pode pagar em euros, às cabines de pedágio, mas encontrou uma surpresa desagradável que terá que entrar no Porto Grande Porto, através do anel (A-25) ou a Costa de Prata (A-41), ambas sujeitas ao mesmo imposto que o caminho que leva à Galiza, para que o problema só vai te atrapalhar a poucos quilômetros.
.
Paulo Brandão, Correios líder no norte de Portugal, com o dispositivo.
De Valença a Vilanova da Cerveira, a fonte da A-28, no sopé do Baixo Minho galego, e Viana do Castelo, onde o primeiro controle, a seção é livre. A partir daqui, eles aparecem na estrada em ambos os sentidos de um arco enorme que tem câmeras para gravar placas de licença. Se, desde então, não pagou e está imobilizada pela polícia Português, a pena é substancial.
.
A nova directiva Português para os veículos estrangeiros definir um "valor igual a 10 vezes o número de vítimas, com um mínimo de 25 euros e um máximo de 125 euros." Multa
O ponto de encontro para as transportadoras e motoristas Galego sexta-feira se mudou para Portugal foi a primeira área de serviço da A-28. Lá, um posto no meio-dia já tinha vendido um total de 18 dispositivos, doze deles para caminhões e outros passageiros, mas não sem propagação de discussão e confusão.
.
"Não faz sentido, não podemos pagar com euros»
"Isso não faz sentido, estamos em um mercado comum e não podem pagar em euros", disse Hector Fateiro, Corunha, que trabalha para uma empresa de manutenção de estações de Catalão. Este argumento é precisamente que utilizou pela Confederação de Empresários de Pontevedra para pedir um processo contra o imposto.

"Se eu vou com meus cinco dólares no bolso, eu tenho que cobrar, não tenho motivo para ser obrigado a comprar qualquer aparelho", disse o presidente da entidade patronal, José Manuel Fernández Alvarado.
empresários de Vigo recebeu na noite de uma comunicação da Direcção-Geral dos Transportes da Comissão Europeia espera que os faz. Koranthali Rudolf, membro da Comunidade DGT, acredita que há provas suficientes de que Portugal não transpôs correctamente a directiva europeia e viola o artigo 3 º do Tratado da Comunidade sobre a eliminação de barreiras à livre circulação.
Além das vozes galegas contra o novo sistema, os cidadãos também são lusos relutante. Associação Empresarial de Viana do Castelo fez um relatório para alertar lapérdida de competitividade para o Galego e Português.
.
Tráfego de passageiros do Aeroporto Sá Carneiro (usado por 420 mil galegos por ano) ou Ikeaha multinacionais nos últimos anos aumentou consideravelmente o número de vítimas e se torna uma grande ameaça.
Em Portugal, as recomendações são mais pragmáticos. Alguns motoristas lusos sexta-feira aconselhados "a pular o pedágio e não pagar, não vai acontecer." A verdade é que no primeiro dia de operação não é uma polícia única Português foi visto na estrada, mas sendo "travado" é uma grande desvantagem, como sendo um cidadão estrangeiro deve pagar a multa no momento. Tudo é um risco para uma viagem de lazer ao Lusitânia vizinhos.
.
Novo sistema de portagens
- Adquirir um aparelho eletrônico: Em áreas de serviço das auto-estradas afetadas e os correios em Portugal. Custa 27 euros.
- Recuperação: Para recuperar o investimento deve ser devolvido em perfeitas condições e no mesmo escritório. Readmissões dividido por semanas. Os primeiros sete dias representam um retorno de 4,30 €. Nas semanas seguintes, 1,40 cada.
- Charge do chip: Você deve ser ao mesmo tempo, adquirir o aparelho. Custa 50 euros para carros e 100 caminhões. Não restituições são possíveis e só são válidas por três meses.
http://www.elmundo.es/elmundo/2010/10/15/galicia/1287161465.html

Tradução Google