Translator

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

LÁ POR EU SER UM LÍNGUA AFIADA,VOS DIGO QUE O TÍTULO ABAIXO NÃO É MEU...ENTENDA-SE POR AI...!!!

O Cabrão de Boliqueime VI, como doloroso epitáfio de Ernâni Lopes








O país é o que é, e nós somos o que somos, e a mais não aspiramos do que ter o que merecemos. Cansa-me remexer no passado, sobretudo quando o presente está no estado em que está, mas como só se morre uma vez, não quereria deixar em branco aqui o passamento de ernâni lopes, por muito pouco que me interessem, enquanto gastador, todos os exegetas da poupança.

Enfim, se for ao caixote do lixo, lá encontrarei um tempo em que o país, como agora, estava completamente falido, e os dois partidos do centrão, num soar de alarme do salve-se-quem-puder, resolveram deitar mão a tudo o que era artifício, para salvar a situação. Compete-me dizer que, com todos os defeitos, o palco da política ainda era ocupado por figuras de primeiro plano, e não pelas pendurezas da atualidade.

Se não me engano, andava por aí o FMI, o senhor mário soares apanhava nos cornos dos comunistas... não, isso acho que foi depois, mas pronto, isto é ficção, portanto, foi nesse tempo, e houve um luto, que foi morrer o dirigente do psd, mota pinto, uma figura apagada, mas que tinha percebido que, em tempo de vacas magrérrimas, mais haveria que esquecer as semelhanças e as diferenças, e apostar numa salvação nacional. Imperava nas finanças ernâni lopes, que resolveu trocar parte do subsídio de natal das velhinhas, das de meia idade e das novas por umas merdas chamadas títulos do tesouro, como se isto tivesse assumido, de vez, ser um navio de piratas, e haver uma arca de maravilhas, no final do arco íris.

Não havia.

Pelo que reza a história, ou as conveniências do revisionismo da história, a visita do fmi, pela mão de uma Teresa Ter-Minassian, que abria as pernas como um mealheiro, com uma audácia que nem a câncio com os rafeiros da rodrigues sampaio, conseguiu que este amontoado de gente equilibrasse as contas públicas. Deveu-se o facto à estatura com nível mundial de mário soares e às minúcias de equilibrista e brilhante técnico de ernâni lopes.

Para quem detesta futebol, aqui vai uma velha máxima, que era a de não se dever mexer em equipa ganhadora. Todavia, o psd, especialista em dar o cházinho da meia noite aos seus dirigentes, tinha acabado de apanhar com o luto de mota pinto, e o sr. soares, a mesma velha rata corrupta e manhosa que ainda hoje continua a ser, tentou assegurar o governo, pensando negociar um prolongamento do centrão com o possível líder seguinte do partido liberal, que, por cá, cá se intitula de "social democrata".

Esquecia-se ele de que somos um povo traiçoeiro, e de que trazemos sempre junto ao coração um pequeno grande salazar, e, quando o XII congresso se reuniu, com a expectativa da eleição de joão salgueiro, para acasalar com a mana gorda soarista, ainda ninguém imaginava que ali vinha a caminho um viralatas, ressentido e provinciano, desde a sua vila mariani, no algarve, com uma infância à antiga portuguesa, de porcos no andar de baixo, e uma família de bigode no andar de cima, trazer um bafo de boliqueime aos litorais da figueira. A novidade, parece, é, para além dos porcos, tinha uma bomba de gasolina estacionada à porta de casa, coisa que, como ainda hoje em dia, na jijajoga da especulação dos combustíveis dá jeito, permitiu ao aníbal pai, um saloio das feiras que deus nosso senhor, graças a deus, já levou para junto de si, amealhar um pequeno pé de meia.

Cavaco foi de citroen para a figueira, onde atraiçoou a obra de ernâni lopes, deu a facada no soares e na memória de mota pinto, e encheu a sala de perdigotos tais que convenceu, de vez, aquela matilha, que são os barões do psd, de que era o homem indicado para o lugar.

Não era, e assim se iniciou o presente ciclo de desgraça do país.

Usando uma linguagem muito típica da época, o aníbal tinha um "fascista" escondido dentro dele: tinha jurado à pide ser corno manso com o ancien régime, e que "estava integrado no salazarismo".

Esse, aliás, é um dos problemas que a futura cavaquística, a ciência do desastre nacional, deverá submeter a exegese, um pouco à moda de são tomás de aquino, através da questão "de que modo as expectativas goradas de uma mente estreita vir um dia a integrar a nomenklatura de um regime, que foi abalado por uma revolução, se refletirão em sucessivos solavancos de ressentimento e distorsão da personalidade, de um indivíduo que passará o resto da sua vida a fingir que, de facto, não preferia a comodidade da prateleira do totalitarismo a uma democracia?..."

Esta é a questão existencial do sr. aníbal, e dela nunca se livrará, por mais campanhas e branqueamentos que tente.

Quando o sr. aníbal atraiçoou o seu partido e o sr. soares, era uma criatura que não sabia que havia europa: a sua europa era um quintal em boliqueime e um estágio passado numa cidade de província inglesa, de onde tinha vindo acautelado com um canudo em obsolescências financeiras, dado pelos ingleses naquele espírito do "coitadinho, vem do terceiro mundo, vamos deixá-lo voltar para lá com alguma coisinha...", e ele lá voltou, arrogante, ignaro e ultrapassado, para mal dos nossos azares, de então, de agora, e de todos os futuros.

Ao contrário de soares, que, sempre que mentia, utilizava um tom internacional, o sr, aníbal, de cada vez que tentava ser moderno, abria a boca e saí-lhe um arroto de poço de boliqueime, babado aos cantos da boca, apesar dos esforços de educação da dicção, pela glória de matos, e sempre transpirado das mãos, como ser cobarde que era, e se fazia transportar numa viatura blindada, como se alguém se desse ao trabalho de gastar um cartuxo de caçadeira num pato bravo daqueles...

O resto da história já vocês sabem, e culmina nestes dias de desastre de dezembro de 2010, em que um dos grandes carrascos da nossa economia, cultura e finanças se arvora no avôzinho protetor do povinho apavorado.
Objetivamente... puta que o pariu, porque já lhe tirei o retrato há muito, talvez no dia em que traiu o esforço de ernâni lopes, e mostrou que a chico-espertice nacional vale todas as minúcias e sacrifícios de técnicos honestos e servidores da coisa pública.

Cavaco não era, nunca foi, um político, e, quando arribou, já vinha com uma enorme corte de milhafres, pronta para pilhar o património europeu dos portugueses. Se fôssemos um povo, e não um ajuntamento de pessoas, já lhe deveríamos ter escrito o epitáfio há muito, e identificado o programa do país ideal: está todo na galeria fotográfica de maria cavaco silva, um caso de estudo para os futuros cronistas e etnopsicanalistas do nosso tempo, em que se verá como um par de jarras fora de prazo sonhava com um país de mongolóides, enjeitadinhos, pobres, aleijadinhos, inválidos, mas sempre com um brilho de olhar e iluminação, de quem recebeu a benção de ter estado, por um instante que fosse, perante os kennedys de boliqueime, a epifania das epifanias, uma espécie de porteiros de província, que resolveram abancar à porta de um país de glorioso passado, para o travarem para sempre.

Para mim, enquanto esteta, o fotógrafo que criou aquele espaço de horror devia ser imediatamente demitido, mas isto é só um àparte.

Por fim, para que o texto desça da ficção à autópsia, eu diria que, no fenómeno cavaco há um misto de síndroma de peter pan, onde um povo, coletivamente, decide demitir-se das suas responsabilidades, e assumir ser, para sempre, estúpido e infantil, e sempre sob a tutela de um salazareco qualquer, a ter de ombrear com as consequências e custos da sua maturidade. Nós nunca somos culpados, porque a culpa é sempre dos outros, geralmente, dos "políticos", onde corremos a votar, logo a seguir à falsa lamentação.

A outra metade da síndroma é ainda mais sinistra: é claramente a síndroma de estocolmo, de que sofria aquela estúpida austríaca, que era comida e emprenhada pelo pai, no fundo de uma garagem, e que, quando foi libertada e se tornou celebridade nos focos de escândalo mundial, ainda veio dizer que até sentia uma certa ternura por ele (!)

A nossa história, só deus saberá desde quando, é uma espécie de enorme síndroma de estocolmo, que leva a que nos... (este "nos" não me inclui, nem aos meus leitores)... que, como "solução" para o dia seguinte, nos encostemos sempre ao carrasco da véspera mais próxima.

Quase 900 anos disto cansam, sobretudo, quando são incarnados por figuras de baixo coturno, como aníbal e sócrates.

Não queria deixar de terminar com uma palavrinha dedicada ao falecido, infelizmente para dizer que, também ele, talvez já não na plena posse das suas faculdade, se deixou apanhar no vórtice estocolmiano do sr. cavaco, integrando a comissão de honra (!) da sua candidatura presidencial, como se alguma honra houvesse no penoso penar do algarvio pela desonra nacional, sobretudo nesta fase terminal, em que nos arriscamos a ser vítimas de uma estrutura idiossincrática anómala, que talvez nos possa custar a independência, em todas as suas faces, facetas e prismas.

Paz à sua alma, já que a nossa muito pouca virá a ter, até que o cancro de boliqueime morra, ou degenere, de vez, neurologicamente.

(em tempo de trevas, no "arrebenta-sol", no "democracia em portugal", no "klandestino", no "uma aventura sinistra", e no desventurado "the braganza mothers")

A GUERRA DO VAZAMENTO (WIKILEAK)

.

Está o mundo em polvorosa e chateados que nem um peru na quadro da Natal o Presidente dos Estados Unidos Barack Obama e a sua Secretária para os Negócios Estrangeiros a senhora dona Hillary Clinton. Ora houve uma “malandragem” dentro dos meandros diplomátcos dos Estados Unidos, acreditados em países estrangeiros, vazaram dos serviços mais ou menos que 250.000 documentos secretos/confidenciais/ostensivos.

.

Ora evidentemente que esses vazamentos não foram feitos pelo pessoal da limpeza ou pelos contínuos das embaixadas americanas, mas por gente ligada à diplomacia.

.

Numa missão diplomática de um país estabelecida no estrangeiro tem pessoas destacadas para lidar com as comunicações expedidas ou chegadas dos serviço central da Secretaria de Estado do Estrangeiro.

.

Por vezes são informações tão delicadas que pessoas destacadas para esses serviços terão que ser de máxima confiança que mesmo dentro do serviço da missão as podem revelar a outros funcionários seus colegas.

.

Ora eu lidei com essas informações por anos e anos seguidos na Embaixada de Portugal em Banguecoque em que a máquina da cifradora/decifradora era ainda do tempo da II Guerra Mundial, mas funcionava perfeitamente e seguras as comunicações.

.

As comunicações expedidas/chegadas do Serviço Central dos Estrangeiros têm três classificações: SECRETO – CONFIDENCIAL e OSTENSIVO. A comunicação SECRETA, depois de lida pelo chefe de missão que a recebeu nas sua mesa de trabalho dentro de um envelope, depois de a ler é fechada no cofre da missão e poderá ali ficar por tempo indeterminado. A comunicação CONFIDENCIAL e a OSTENSIVA transitam para a sala do arquivo, onde o funcionário arquivista, não deixará entrar pessoas alheias ou bulir numa pasta e ver o que lá está. Será o arquivista que retira o documento de quando o chefe de missão ou outro diplomata o pediu para seguir ou ver um processo a correr.

.

Eu fui suspeito de “vazamento” de documentos da Embaixada para um ex-chefe de missão, em 1995, mas claro essa dúvida não foi o “vazamento” de documentos confidenciais, de negócios do Estado Português, mas relativos a corrupção dentro da missão.

.

Uma carta, aposta acima, bem conta disso dá e por via dela nunca mais viria a ter paz e sossego dentro da Embaixada, porque todos os chefes de missão e números dois, que chegavam, em comissão de serviço, a Banguecoque liam a comunicação e há que ter muito cuidado com esse “tipo” (eu), porque vaza, internamente, os casos ilícitos que se irão processando, no futuro, nesta casa.

.

Eu era como o “corno” que a mulher lhe é infiel e ele o último a saber. E vim a ter conhecimento, da traição e digna do foro de Justiça, quando ao acaso encontrei a maldita e suja comunicação data em 15 de Abril de 1995, que me colocou na lama até 16 de Janeiro de 2008.

José Martins

ORA AÍ A GUERRA DOS "LÍQUIDOS" E UMA BATATA QUENTE NO BOLSO DE OBAMA...!!!

Wikileaks transfere parte de seu conteúdo em França
WikiLeaks transfère une partie de ses contenus en France
Expulso pela Amazon nos Estados Unidos, seu hospedeiro anterior, o site Wikileaks transferiu parte de seu conteúdo para a empresa francesa OVH, acolher a maior do país com base na web em Roubaix, no norte.
Por Sebastian Seibt (texto)

Galo? Depois de serem expulsos dos Estados Unidos, Wikileaks encontrou um telhado digital ... em França. Na quinta-feira, o site (e controverso) revelou que mais de 250 000 informações,diplomáticas americanas parece ter escolhido domicílio na OVH, a hospedagem empresa francesa líder. Um endereço de rastreamento do computador (IP) remonta à companhia francesa de parte do conteúdo do Wikileaks. O restante ainda está hospedado por um grupo sueco.

Quarta-feira, WikiLeaks.org tinham desaparecido da Internet. Vítima de ataques cibernéticos desde domingo, o site não estava mais se persona grata em servidores da Amazônia, que abrigou alguns dos seus conteúdos recentemente.

Reações no Twitter

A ironia da situação, rapidamente notada por muitos meios, tinha despertado a ira de alguns políticos nos Estados Unidos. Senador independente Joe Lieberman, mesmo ligou para a empresa pedindo para parar de acolhimento Amazônia Wikileaks.

O site especializado em vazamentos de informações confidenciais, manifestou a sua insatisfação na quinta-feira com uma série de mensagens do Twitter. "Se a Amazônia tem tantos problemas com a Primeira Emenda [da S. U. Constituição, que garante a liberdade de expressão, Ed], ele deve parar de vender livros", dizia uma discussão sobre a Wikileaks. "Agora nós gastamos nosso dinheiro para criar empregos na Europa."

Quanto tempo o site vai ficar lá na OVH? Contactado pela France 24, os oficiais do exército não é obrigado a comentar "por enquanto". Vários ataques a computadores também continuar a tentar Wikileaks. A sociedade francesa tem todo o interesse de ter bolsas profundas. Segundo seu site, a OVH é uma das máquinas que têm mais servidores na Europa.

AS TETAS DAS MAMAS DO "CABRÃO" DO ZÉZITO

MAIS UM FAMILIAR DE SÓCRATES A MAMAR

· ( Vá povo, não desanimem é só mais um esforço! )




Clotilde Fava (sogra de Socrates ao centro)com os filhos Mara (esquerda), Alexandre e Sofia (á direitae exmulher de Sócrates)

· Tacho para a cunhada de José Sócrates


· Cunhada de Sócrates é assessora na EPAL


· A EPAL, empresa pública tutelada pelo Ministério do Ambiente, contratou em Junho deste ano, já em plena derrapagem das contas públicas, a cunhada do primeiro-ministro para assessora do conselho de administração. A admissão de Mara Mesquita Carvalho Fava, irmã de Sofia Fava (ex-mulher de José Sócrates), nos quadros da EPAL ocorreu após quase dois anos como trabalhadora da empresa a recibos verdes. A cunhada de José Sócrates terá um salário mensal bruto de 2103 euros, acrescido de 21,5% do ordenado por isenção de horário de trabalho.


O ingresso de Mara Fava nos quadros da EPAL foi revelado pelo próprio jornal da empresa: na edição de Junho de 2010 do 'Águas Livres', na coluna Movimento de Pessoal, indica-se que foram admitidas Mara Fava e Mariana Barreto Dias de Castro Henriques, mulher de Jorge Moreira da Silva, ex-secretário de Estado do Ambiente, ex-consultor do Presidente da República e vice-presidente do PSD.


A Comissão de Trabalhadores, em resposta ao CM, assume que o assunto "é falado entre os trabalhadores da EPAL e em termos nada abonatórios para os envolvidos directa ou indirectamente na sua admissão, assim como para a justificação do vencimento mais isenção de horário de trabalho".


COMENTÁRIO: Assessora de um assessor!!!! looooooooooooooool 2103€ + 452€ (21,5%) = 2555€ por mês!!! Para quem era precária....de um momento para o outro não é nada mau


É para isto que servem os Institutos Públicos, Empresas Municipais, Fundações..


Eis a razão porque não as extinguem. É aqui que é roubado o nosso dinheiro para dar aos familiares da bandidagem e outros parasitas da partidocracia.


Depois dizem que não há, onde cortar despesas! E que são necessários mais impostos e mais impostos.......


Aguentem saloios !!!!!!!!!!!!!!!


Aguentem pacóvios !!!!!!!!!!!!


NOTA---Se cada um de nós enviar a mais cinquenta pessoas, e se cada uma dessas cinquenta enviar a outros cinquenta e assim sucessivamente, rapidamente todo o país tomo conhecimento destas mordomias partidárias. Depois logo se vê.!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

CRISTÓVÃO COLOMBO ERA SOLTEIRO...E DESCOBRIU A AMÉRICA!




Cristóvão Colombo se fosse casado nunca teria descoberto a América... Nunca por nunca!

Se Cristóvão Colombo tivesse tido uma mulher, teria ouvido:

- E porque é que tens que ir?

- E porque é que não mandam outro?

- Vês tudo redondo! Estás doido ou és parvo?

- Nem conheces a minha família e já queres descobrir o novo mundo!

- E vão viajar só homens? Achas que sou estúpida?

- Porque é que eu não posso ir, se tu és o chefe?

- Desgraçado... já não sabes o que hás-de inventar para estar fora de
casa !

- Se saíres por essa porta, vou-me embora para a casa da minha mãe!

- E quem é essa tal Maria..? Que Pinta..?! De que Santa estás a falar?!
Que Nina...?

- Vai mas é à m*rda !

- Tinhas tudo planeado, maldito! Vais encontrar-te com umas índias p*tas,
é o que é!

- Vais-me enganar?

- A Rainha Isabel vai vender as jóias dela para poderes viajar?

- Achas-me parva ou quê?

- O que tens com essa velha? Andas a comer a velha?

- TU.. não vais a nenhum lugar !

- Não vai acontecer nada se o mundo continuar plano.

- Não te vistas porque não vais!!!

Definitivamente...... ERA SOLTEIRO !!!

UFA,UFA QUE DESCANSO PORTUGAL FORA DA CARROÇA...!!!



Rússia, Qatar para sediar Copas do Mundo

Rússia denominada para o Mundial 2018 e Catar para o evento de 2022.
Oferta russa foi escolhidaà frente da Inglaterra, Espanha, Portugal e Bélgica-Holanda para sediar o evento de 2018 [EPA]

Rússia e Qatar sediará a Copa do Mundo de futebol em 2018 e 2022, respectivamente, a Fifa, entidade que comanda o esporte, disse.

Decisão de quinta-feira, anunciou por Sepp Blatter, o presidente da Fifa, seguido de um processo de licitação envolvendo 11 nações em procura do prémio esperado para trazer um grande impulso econômico para os anfitriões escolhidos.

Ambas as decisões foram tomadas na sequência de uma votação secreta dos 22 membros do executivo da Fifa, em Zurique.

A votação irá estimular o investimento de dinheiro enormes pelas nações bem sucedidas, e trazê-los sob intenso escrutínio enquanto o mundo assiste a ver se eles podem enfrentar o desafio.

É a primeira vez que a Rússia ou o Qatar foram escolhidos como paises anfitriões da Copa do Mundo.

A oferta russa foi escolhida à frente da Inglaterra, Espanha, Portugal e Bélgica-Holanda para sediar o evento de 2018.

Rússia está de acordo com a preferência da Fifa pelo seu país, após o sucesso da África do Sul primeira Copa do Mundo em 2010.

Ela tem um orçamento enorme e com o apoio do governo.

Qatar levou a melhor sobre os Estados Unidos, Austrália, Japão e Coreia do Sul para encenar o evento de 2022.

Pometeu ar-condicionado e estádios eco-friendly para combater a 50C calor do verão, e a chance de ver mais do que um jogo por dia, devido à pequena dimensão do país.

Com alguns dos estádios ou ligações de transporte a ser construídos, a Fifa disse ter tomado um salto de fé na escolha de Qatar.

Mas, com biliões de dólares em receitas do petróleo e do gás disponível para gastar, a atração de uma primeira Copa do Mundo no Oriente Médio tem se inclinado a balança a seu favor.
.
À MARGEM: Que alívio Portugal e a Espanha fora da carroça e a chuparem no dedo. Com as economias absolutamente de "tanga" a FIFA não poderia optar pela Península Ibérica. Escolheu os locais certos onde há dinheiro em "barda". Mas tenho dúvidas se a escolha de Catar estará certa devido ao clima "tórrido" que ali se faz sentir. Embora tenham prometido ar-condicionado nos estádios isso não bastará para o conforto dos visitantes, estrangeiros e adeptos da "bola" que ali se deslocarão. Com a Arábia Saudita seu vizinho, os Emiratos Arabes Unidos e o todo mundo árabe vai ser um total sucesso de empolamento patriótico do mundo islâmico. Depois do futebol os líderes religiosos continuarão a sua cruzada e os desejos de islamizar a Europa. Com a "bola" também se faz política!
José Martins

A CRISE PARA O ZÉZITO PASSA AO LARGO!

Crise? Qual crise para o Zézito...!!!


Clique em cima das imagens para ler e ver as fotos



AS SUAS NOTÍCIAS NO DIA 02.12.10

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Grávida de oito meses morre em colisão
D. José Policarpo: Esperança contra crise
Santana Lopes: Saudade de Sá Carneiro
Tiririca: Vai tomar posse
Sporting: Maior claque protesta

Capa do Público Público

Toda a informação do Público na palma da sua mão.
Só um condutor perdeu a carta por excesso de infracções desde 2008
Polícia brasileira suspeita de desviar dinheiro do narcotráfico
Protegido do Presidente terá perdido eleições no Haiti
Paulo Sérgio: "Equipa está a aprender a jogar com o resultado"

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Neve deixa 4500 passageiros retidos
Manto branco pode chegar a Portalegre
Gelo no Gerês deixou as populações isoladas
"Estado tem obrigação dedar segurança"
Versões contraditórias no caso da morte do bebé em Rio de Mouro

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Anúncio da NASA sobre vida extra-terrestre gera polémica
Um golo que vale por cem vitórias
Valentim Loureiro ameaça juíza que o acusa
Mais de 73 mil passearam de moliceiro este ano
Ronaldo não vai a Zurique

Capa do i i

De camionista humilde a administrador da Leiria SAD. António Bastos acabou preso
Gangue que sequestrou pai de oficiais da PSP em julgamento
Polícia Judiciária em guerra aberta com o Ministério da Justiça
Processo Face Oculta vai continuar em Lisboa
PS e PSD vão chumbar proposta para taxar dividendos este ano

Capa do Diário Económico Diário Económico

Aeroporto de Gatwick continua encerrado pelo menos até amanhã
Comunistas querem Luís Amado ao Parlamento
CIP acredita que salário mínimo não chega a 500 euros em Janeiro
Amazon expulsa 'site' WikiLeaks
Sócrates inicia hoje périplo por Zurique, Frankfurt e Argentina

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Veja em directo Fernando Ulrich no HORA H
Euro prolonga ganhos de ontem com investidores a anteciparem medidas pelo BCE
Bolsas asiáticas registam maior ganho num mês
Quanto custam as férias de neve
MonteAdriano sem liquidez dispensa 250 pessoas

Capa do Oje Oje

Zonas de Desenvolvimento Turistíco Integral em Cabo Verde
EDP investe 900 milhões até 2012
ONU estima crescimento mundial de 3,6%
Angola constrói 345 hotéis até 2014
Axa Portugal admite interesse na compra da Caixa Seguros

Capa do Destak Destak

Portugal em situação "débil" dentro da Europa
Aeroporto de Gatwick encerrado até 5.ª feira
José Junqueiro: Comissão Europeia deve ser responsabilizada pelas previsões
Cortes orçamentais e desemprego arrastam Portugal para “recessão ou estagnação”
Só as agências de viagens que acrescentem 'valor' vão sobreviver

Capa do A Bola A Bola

Tudo para dar certo!
Batista visitou Gaitán Jara, Salvio e Otamendi
«Ia já para Madrid» - Hugo Almeida
Selecção feminina nas ruas da capital
Descanso de Aimar deve continuar até ao Schalke

Capa do Record Record

Desmobilização evidente no jogo decisivo
Combate muito próprio
Vieira em São Paulo para contratar Elias
Foi um dia simples mas ?mudou a vida?
Minimizar estragos até ao Natal

Capa do O Jogo O Jogo

Limianos vencem HC Braga por 6-5
Polga contente por “ter ajudado a equipa“ a conseguir apuramento
Pedro Mendes: “Na Europa está tudo a correr bem”
Igualdade em Poznan a uma bola elimina Juventus
Lille: Rudi Garcia lamenta erros de arbitragem