Translator

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

CLARÍSSIMO....TAMBÉM HÁ POR PORTUGAL, ILUSTRES, 007, "BUFOS!"

Uma Wikileak à portuguesa


Carlos Santos Ferreira reforça que a notícia do El País é "falsa, é falaciosa, é mentira". Santos Ferreira diz que nestas alturas “é preciso mais coragem para ficar do que para ir embora”.
As informações são reveladas pelo "El País", citando a correspondência diplomática entre a Embaixada dos Estados Unidos em Lisboa e a secretaria de Estado norte-americana, divulgada pela Wikileaks.
No âmbito da estratégia de entrada no mercado iranianiano, o presidente do BCP, Carlos Santos Ferreira, é citado várias vezes. "Tentou conciliar interesses tão contraditórios como fazer negócio com o Irão sem que isso afectasse a excelente relação de Portugal com os Estados Unidos. Para isso, propôs fazer trabalhos de espionagem para os Estados Unidos: a troco de entrar no Irão, o BCP ofereceria a Washington informação sobre as actividades financeiras da República Islâmica". Santos Ferreira estaria na disposição de ceder "ao governo dos estados Unidos o controlo sobre as contas iranianas no millennium BCP".
A noticia também informa que "a operação seria do conhecimento do primeiro-ministro, José Sócrates, e de membros do seu governo".

Vejam lá os sacanas do Wikileaks que logo se foram lembrar de inventar um telegrama em que é tudo mentira e logo sobre Portugal, a banca, o governo e ainda por cima com o Irãio, inimigo público nº2, entre a Coreia do Norte e a Venezuela, metido na história. Mesmo assim, se tivesse conta no BCP ia lá tirá-la, que pelos vistos não são muito impremiaveis a "vender" informações sobre contas. Depois, se é preciso mais coragem para ficar que para se ir embora, e não me parece que o que andamos a fazer seja um concurso para saber quem é o mais bravo dos bravos, não se esteja a sacrificar. Nós entendemos.
Quem também parece não saber nada sobre isto é o governo, mas daí também não se esperava uma resposta diferente. Já tem muita prática como se vê pelos voos de aviões da CIA.

PARA GRANDES "LIXOS" PLÁSTICOS, MELHOR REMÉDIO PARA OS ELIMINAR

Convertor de plástico em petróleo... fantástico
Quase inacreditável, não fossem as imagens!
O que estará por detrás de tudo isto para que um aparelho deste não seja já uma Bimbi em casa de cada um?

Plástico regressa ao petróleo de onde veio ..
Tenho certeza que todos irão achar isto fascinante!! Não surpreende todos, trata-se apenas um caso de engenho japonês e perseverança.
O que é mais importante seria o marketing e um custo muito baixo para tornar obrigatório ter um aparelho destes em cada casa.
Melhor ainda, encontrar uma maneira de separar todas as embalagens em plástico.
O som é todo em japonês. Basta ler as legendas e assistir.
Que grande descoberta!
http://www.flixxy.com/convert-plastic-to-oil.htm

video

PRÓXIMA COMISSÃO DE SERVIÇO DE DURÃO BARROSO

Durão Barroso (o ex-comunista/progressita) depois da União Europeia, o olhar pelos interesses chineses em Portugal. Novo "tacho" garantido!

video

China, Xangai, Cheque, ... Xeque mate!

O Ministro das Finanças, Teixeira dos Santos está de novo na China, desta vez para tentar vender um pouco mais do nosso país e da nossa divida pública. Não sei quantas mais "Lojas do Chinês" teremos de ver abrir em cada aldeia do nosso país, nem quantas mais mercadorias de baixa qualidade, fabricadas por trabalhadores sem direitos nem qualquer lei laboral, (algumas até por trabalho infantil), estarão a concorrer com aquilo que ainda produzimos no país. Não sei que mais teremos de aceitar, nem se algum outro dissidente chinês ou Tibetano voltar a ganhar um Prémio Nobel da Paz, Portugal ainda poderá estar presente. Não sei quanto mais teremos de nos baixar nem que condições nos vão impor. Só sei que cada vez menos somos senhores dos nossos destinos, num país cada vez mais endividado e vendido. Até quando?

DA CHINA COM ARROZ E AMOR

.



.
Resultado da invasão a seguir

Integradissimo salazarismo

Em 1967, o general Martiniano Homem de Figueiredo mostrou interesse na investigação de Cavaco Silva, na altura com 28 anos e já casado com a actual primeira-dama. Este pedido veio com a possibilidade de Cavaco poder ser autorizado a manusear documentação restrita na Comissão Coordenadora da Investigação para a NATO.
Cavaco Silva foi então chamado à sede da PIDE para preencher o "formulário pessoal pormenorizado". À alínea "Sua posição e actividades políticas", Cavaco Silva respondeu "Integrado no actual regime político", acrescentando um reparo: "Não exerço qualquer actividade política". Os documentos estão assinados pelo actual presidente da República.
Realmente este é o tipo de noticias que não têm um grande interesse nem se compreende porque terá o Sr. Silva omitido o facto na sua auto-biografia. Vendo bem ele é do tipo de pessoa que tanto teria feito carreira politica na falsa democracia em que vivemos como na bafienta ditadura do Salazar. Estava integrado na altura como está agora. Não presta agora como teria fedido então.

ANEDOTÁRIO DESTE BLOGUE




A melhor anedota de Portugal...
Um homem ia a passar junto à porta do Plenário da Assembleia da República e ouve uma gritaria que saía lá de dentro.
"Filho da Puta, Ladrão, Salafrário, Assassino, Traficante, Mentiroso, Pedófilo, Vagabundo, Sem Vergonha, Trafulha, Preguiçoso de Merda, Vendido, Usurário, Foragido à Justiça, Oportunista, Engana Incautos, Assaltante do Povo..."
Assustado, o homem pergunta ao segurança, parado na porta:
"O que está a acontecer ai dentro? Estão a brigar ?!
"Não", responde o segurança. "Para mim estão a fazer a chamada para saber se falta alguém"!!!

O CASO DA MADELEINE MCCANN E AS SUSPEITAS RECAÍDAS NOS PAIS DE SEU DESAPARECIMENTO

Gerry and Kate McCann
WikiLeaks ... Gerry e Kate McCann foram objecto de um telegrama vazada e dá-os como suspeitos os pais da rapariguinha.
Publicado em: Hoje

A polícia britânica ajudou a "desenvolver" as provas contra pais de Madeleine McCann em que foram investigados pelas autoridades Português olhando para o desaparecimento de sua filha, de acordo com telegramas publicados pela WikiLeaks.

O embaixador britânico em Portugal, Alexander Ellis Wykeham, terá feito o pedido ao seu homólogo americano em 21 de setembro de 2007 - duas semanas depois que a polícia Português chamado Gerry e Kate McCann como arguidos, ou suspeitos formais do caso.

Madeleine McCann
Desaparecidos ... Madeleine McCann

Em um telegrama para Washington, embaixador dos EUA, Al Hoffman escreveu: "o desaparecimento de Madeleine McCann no sul de Portugal, em Maio de 2007 suscitou a atenção da mídia internacional com a polémica em torno da investigação da policia portuguesa e as acções dos pais de Madeleine.

"Sem entrar em detalhes sobre o caso, Ellis admitiu que a polícia britânica havia desenvolvido as actuais evidências contra os pais McCann, e sublinhou que as autoridades dos dois países estavam trabalhando cooperativamente.

"Ele comentou que o frenesi da mídia era de se esperar e foi aceitável, desde que funcionários do governo manter os seus comentários a portas fechadas."

O telegrama não especifica quais os elementos da polícia britânica é acusada de ter reunido, ou se os investigadores do Reino Unido estavam envolvidos na decisão de formalmente o nome do casal McCann como suspeitos.

Eles permaneceram sob suspeita, oficial, até julho de 2008, quando a polícia Português arquivou o inquérito sobre o desaparecimento de Madeleine McCann e levantou o "estatuto de arguidos.

Há três anos a criança desapareceu de um apartamento no Algarve, em 03 de maio de 2007, enquanto seus pais jantavam com amigos num restaurante próximo.

Falando no momento o status de suspeito foi levantado, a Sra. McCann disse: "É difícil descrever o quão desesperador era para ser chamado arguidos e, posteriormente, retratado na mídia como suspeitos no rapto de nossa própria filha".

Um porta-voz dos McCann disse: "Esta é uma nota totalmente histórico, que é mais de três anos posteriormente, Kate e Gerry tinham o seu estatuto arguido levantado, com as autoridades portuguesas tornando-se, perfeitamente, claro que há, absolutamente nenhuma, evidência para implicá-los. no desaparecimento de Madeleine, em absoluto.

"Até estes dias, eles continuam a trabalhar incansavelmente na busca de sua filha, co-operacional quando for o caso com ambas as autoridades Português e britânicos".

Sindicatos preparam guerra nos tribunais contra os cortes ...

Público.pt -
Os sindicatos estão a preparar-se para, logo nos primeiros dias de Janeiro, contestarem os cortes nos salários dos funcionários públicos.
...

CORTE SALARIAIS: "DIGNIDADE A QUEM A MERECE"

.
Cortes salariais
Sindicatos da função pública preparam-se para guerra judicial

Inconformados com os cortes salariais, os sindicatos da função pública já têm a estratégia traçada. Todas as armas estão a ser afinadas.
Providências cautelares logo no início de Janeiro. Recurso ao Tribunal Constitucional. Queixa à Organização Internacional do Trabalho e junto do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem. Estes são alguns dos instrumentos que os sindicatos da Administração Pública pretendem accionar logo a partir de 1 de Janeiro, de modo a travar os polémicos cortes salariais no Estado.
.
De acordo com um levantamento hoje feito pelo “Publico” junto dos principais sindicatos, não há caminho nem munição que seja descurada. Logo no início de Janeiro os funcionários do Estado vão avançar com providências cautelares nos tribunais portugueses para tentarem travar os cortes desse mês. Em paralelo, estão a mobilizar os trabalhadores para que se apresentem junto dos serviços que pagam os salários, a Direcção-Geral do Tesouro, para contestarem os cortes, uma acção simbólica que tem como objectivo fazer mais uma demonstração do descontentamento.
.
De forma mais estrutural, preparam-se pedidos de apreciação da constitucionalidade do diploma. Há sindicatos que já têm juristas a trabalhar no assunto, outros que esperam que o Parlamento – por via de uma “coligação” do Bloco de Esquerda e do PCP – interponha um pedido de fiscalização preventiva junto do Tribunal Constitucional. Argumentos principais: violação do principio da igualdade e prática de confisco. Complementarmente, a Fenprof pondera ainda apresentar uma queixa contra o Estado português junto da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.
.
Com esta bateria de acções judiciais e de protesto, os sindicatos esperam conseguir travar o corte salarial entre 5% a 10% que enfrentam os cerca de 450 mil funcionários com salários acima de 1.500 euros brutos por mês. Uma medida que consta do Orçamento do Estado para 2011 e que, a avançar, representa uma poupança de 1,2 mil milhões de euros no próximo ano, o equivalente a 0,7 pontos de PIB.

WIKILEAKS: "O PRIMEIRO BOMBARDEAMENTO, VIRTUAL, DA INTERNET"




Chen Weihua provação WikiLeaks "a liberdade na Internet testes
Por Weihua Chen (China Daily)

Funcionários do governo dos Estados Unidos têm estado ocupados desculpando com os países do mundo para o enorme constrangimento e dano político causado pelos telegramas diplomáticas confidenciais divulgados pelo site anti-sigilo WikiLeaks há duas semanas.

Uma explicação importante que ela deve ao mundo, porém, é saber se ele estava por trás da prisão do fundador do WikiLeaks Julian Assange última terça-feira em Londres sob a acusação de crimes sexuais alegados na Suécia.

As pessoas são naturalmente questionando o momento da detenção, a recusa de fiança para Assange, embora cerca de US $ 150.000 em garantia já foi garantido.

Em algum lugar deve haver um telegrama dos EUA confidenciais diplomáticos que lançam luz sobre este assunto.

Nova York, o deputado Peter King pediu ao governo dos EUA para ir atrás Assange e processar o New York Times, que publicou alguns dos cabos. O senador Joe Lieberman também sugeriu investigação do New York Times e descreveu sua ação como "um ato de cidadania ruim".

Secretário de Estado, Hillary Clinton descreveu o vazamento como um ataque ao tecido do governo responsável. O presidente Barack Obama condenou as ações do WikiLeaks "como" deplorável ". O governo dos EUA está considerando medidas legais contra Wikileaks.

Sob tal pressão, a Amazon.com, Visa, MasterCard e PayPal tem todos suspensos os seus serviços a WikiLeaks. E o site WikiLeaks não está mais acessível em os EUA.

Os EUA também têm tentado várias formas de apresentar queixa contra Assange, incluindo o uso do desatualizado Guerra Mundial era I-Espionage Act, apesar de alguns cabos sugerem que alguns diplomatas dos EUA também deve se preocupar se isso acontecer.

Todos esses têm acontecido em um país que se orgulha de sua alta da Primeira Emenda que garantem a liberdade de imprensa e liberdade de expressão. Obama discursou a liberdade na Internet em uma reunião na prefeitura de estilo em Xangai, em novembro de 2009. Hillary Clinton também passou longamente sobre a liberdade na Internet em seu discurso no Newseum, em Washington, em janeiro, apontando um dedo acusador na China e em vários outros países.

Mas o caso revela Assange tal retórica é apenas tanta hipocrisia. É evidente que quando os conflitos Internet livre com a auto-declarados interesses nacionais dos EUA, ou quando a liberdade na Internet expõe mentiras do governo auto-proclamado aberta e transparente, torna-se um crime.

O poder dos novos meios de comunicação nunca deve ser subestimada. Mesmo na China, muitos dos escândalos, corrupções e, como acidentes em minas de carvão, são quebrados primeiramente pelas novas mídias.

Até recentemente, Obama deve ter amado as novas mídias e meios de comunicação social, porque eles ajudaram a arrecadar fundos e angariar apoio para derrotar John McCain durante a campanha presidencial de 2008. Agora, ele pode ter segundas intenções.

A prisão de Assange suscitou uma preocupação geral e protestos, tanto dentro os EUA e ao redor do mundo. Em os EUA, acadêmicos e profissionais falaram sobre as suas possíveis implicações para a liberdade de imprensa. Em outras partes do mundo, as pessoas estão protestando contra os ataques à liberdade na Internet.

Censura na Internet, empurrando para as acusações contra Assange seria apenas infligir mais danos sobre os EUA. Enquanto os cabos vazou pode ter danificado alguma confiança entre os governos do governo dos EUA e estrangeiros, a cruzada contra WikiLeaks e Julian Assange destruiria a confiança das pessoas na liberdade de imprensa pregada por os EUA.

Lembre-se, Assange é um colega jornalista, ou um jornalista cidadão na era das novas mídias, e descobrindo os segredos de governos, corporações e grupos de interesses é parte do trabalho de um jornalista.

O autor é editor-adjunto do China Daily EUA Edition. Ele pode ser alcançado com chenweihua@chinadaily.com.cn
-
Grafia: Responsabilidade de José Martins

AS SUAS NOTÍCIAS NO DIA 14.12.10

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Lagos: Detidos após roubo
C. Branco: Mulher furta ouro
Bragança: Morto em casa
WikiLeaks: Ingleses incriminam casal McCann
IP4: Acidente faz três feridos

Capa do Público Público

Toda a informação do Público na palma da sua mão.
Sindicatos preparam guerra nos tribunais contra os cortes salariais na função pública
Fátima Felgueiras começa hoje a ser julgada por abuso de poder e participação económica em negócio
Portway junta-se à greve da Groundforce no Ano Novo
Morreu o veterano diplomata dos EUA Richard Holbrooke

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Mulher trancada em casa e violada durante três dias
Telegramas não reabrem caso dos voos
Governo garante mais rapidez no apoio a vítimas
Abandonadas 173 crianças até aos cinco anos em 2009
Vice-PGR reformado continua a trabalhar

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Helton tocou bateria na Casa da Música
Porta-voz do casal McCann diz que telegrama não tem actualidade
Perigo aumentou na EN1 com fugas a portagens
Menos capões vendidos na feira
Confiança para chegar à Liga dos Campeões

Capa do i i

Grávidas portuguesas ingerem mais calorias que o recomendado
Homem sequestrou e violou a ex-namorada em casa
PortugalLeaks. PGR não abre inquérito às revelações explosivas
Casal estrangeiro detido com 2,8 quilos de cocaína na Baixa lisboeta
Cândida Almeida. "Todos os que podem fogem aos impostos"

Capa do Diário Económico Diário Económico

Portugal está "na linha da frente" da consolidação orçamental
Documentos só serão válidos se EUA os confirmarem
Portugal não suportará mais um Governo socialista
Investidores apostam nas acções e ‘commodities’ para 2011
Portugal é o país entre 25 que terá de fazer menor ajuste orçamental até 2020

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Groundforce agrava prejuízos da TAP em 2010
"Resgatar países mantém o mercado imobiliário vivo"
Portugal, que futuro? Exportar, exportar, exportar
Banca pode perder 6,6 mil milhões com dívida soberana
Portugal paga amanhã mais de 3% por crédito a três meses

Capa do Oje Oje

Wall Street encerra sem rumo certo, apesar do bom desempenho das energéticas
TAP lança rotas e sobe ocupação
OCDE recomenda testes de stress periódicos à banca
Juros com novos limites no 1.º trimestre
Renault prevê vendas recorde este ano

Capa do Destak Destak

Nani decisivo na vitória do Man. Utd sobre o Arsenal (1-0)
Loureiro dos Santos não cumpriria ordem do PR para abater aeronave estranha por falta de clareza da lei
Pinhalnovense quer FC Porto ou Benfica nos quartos-de-final
Preparador físico dos Jets derruba adversário
Juíza Maria dos Prazeres Beleza retira candidatura

Capa do A Bola A Bola

Carlão está de saída: Alvalade ou estrangeiro
Paulo Sérgio abre porta da saída
Em sintonia para voltar às vitórias
«Sporting com orgulho ferido mas queremos repetir vitória» - Cláudio Pitbull
Stojkovic deve desvincular-se

Capa do Record Record

Milan aperta o cerco a Fábio Coentrão
A crise não entra em casa
Confirmada ausência de Luisão no último jogo de 2010
Helton fez vénia ao apoio portista
Falcão é único na Europa

Capa do O Jogo O Jogo

Valência: Miguel completou 150 jogos na Liga
Juan Fran pode substituir Simão nos ‘colchoneros’
Marchena pára quatro semanas
Rui Varela vai rescindir com aveirenses
Kléber não sai em Janeiro