Translator

terça-feira, 25 de outubro de 2011

INUNDAÇÕES NA TAILÂNDIA: NOTÍCIAS DE 26.10.2011

.
Em Banguecoque e na zona onde resido há a "guerra" silenciosa de nervos à espera da inundação lenta. Todos, conforme, vão podendo se confortam com a desgraça e se vão ajudando uns aos outros. A atmosfera pesada e um cheiro nauseabundo a combustível que é expelido dos escapes das viaturas. Todos, por aqui e outros vítimas, em pontos diferentes da capital, procuram colocar seus carros em lugares elevados. Enquanto houver corrente eléctrica e Internet daremos conta da situação na área onde resido. José Martins
Empilham-se os livros nas prateleiras superiores.
Sobem-se o mais que se pode as minhas recordações de uma vida dedicada à história entre Portugal e a Tailândia. Depois de terminadas as cheias vou dar-lhe o caminho certo para que a memória não se perca.
No interior de minha casa tudo praticamente normal embora já retirados muitos "tarecos" para lugares elevados.
A frente da minha casa e garagem à espera de sacos de areia. Nesta altura já estão 100 amontoados para serem colocados ao fim da tarde.
Aglomerados, habitacionais, modernos perto da minha casa já protegidos com barreiras de sacos de areia.
O canal junto ao templo, perto de minha casa, ainda corre, em direcção ao Golfo do Sião, normalmente. Moderadamente vai aumentando de volume e subir acima do solo (possivelmente) mais de um  metro.
O templo budista perto de minha casa o solo ainda não está inundado, mas vai estar dentro de dois dias.

Traseiras de minha casa. Para cá dela há o pântano, normalmente seco, onde vivem cobras lagartos e sapos. Nunca me molestaram, mas agora e quando inundado o pantanal, certamente, que terei de ter cuidado, porque estes animais, vítimas como eu, procuram a sobrevivência no teto de casas.

O QUE A TROIKA QUERIA APROVAR E NÃO CONSEGUIU!!!!!

   O que a Troika queria Aprovar e Não conseguiu!!!!!! Este e-mail vai circular hoje e será lido por centenas de milhares de pessoas.   Nenhum governante fala em:
1. Reduzir as mordomias (gabinetes, secretárias, adjuntos, assessores, suportes burocráticos respectivos, carros, motoristas, etc.) dos três ex-Presidentes da República.

2. Redução do número de deputados da Assembleia da República, profissionalizando-os como nos países a sério. Reforma das mordomias na Assembleia da República.
3. Acabar com centenas de Institutos Públicos e Fundações Públicas que não servem para nada e, têm funcionários e administradores com 2º e 3º emprego.

4. Acabar com a renovação sistemática de frotas de carros do Estado e entes públicos menores, mas maiores nos dispêndios públicos.

5. Colocar chapas de identificação em todos os carros do Estado. Não permitir de modo algum que carros oficiais façam serviço particular tal como levar e trazer familiares e filhos, às escolas, ir ao mercado a compras, etc.

6. Acabar com o vaivém semanal dos deputados dos Açores e Madeira e respectivas estadias em Lisboa em hotéis de cinco estrelas pagos pelos contribuintes que vivem em tugúrios inabitáveis.

7. Acabar com os milhares de pareceres jurídicos, caríssimos, pagos sempre aos mesmos escritórios que têm canais de comunicação fáceis com o Governo, no âmbito de um tráfico de influências que há que criminalizar, autuar, julgar e condenar.

8. Acabar com as várias reformas por pessoa, de entre o pessoal do Estado e entidades privadas, que passaram fugazmente pelo Estado.

9. Pedir o pagamento dos milhões dos empréstimos dos contribuintes ao BPN e BPP.

10. Perseguir os milhões desviados por Rendeiros, Loureiros e Quejandos, onde quer que estejam e por aí fora.

11. Acabar com os salários milionários da RTP e os milhões que a mesma recebe todos os anos.

12. Assim e desta forma, Sr. Ministro das Finanças, recuperaremos depressa a nossa posição e sobretudo, a credibilidade tão abalada pela corrupção que grassa e pelo desvario dos dinheiros o Estado.

13. Acabar com o regabofe da pantomina das PPP (Parcerias Público Privado), que mais não são do que formas habilidosas de uns poucos patifes se locupletarem com fortunas à custa dos papalvos dos contribuintes, fugindo ao controle seja de que organismo independente for e fazendo a "obra" pelo preço que "entendem".

14. Criminalizar, imediatamente, o enriquecimento ilícito, perseguindo, confiscando e punindo os biltres que fizeram fortunas e adquiriram patrimónios de forma indevida e à custa do País, manipulando e aumentando preços de empreitadas públicas, desviando dinheiros segundo esquemas pretensamente "legais", sem controlo, e vivendo à tripa forra à custa dos dinheiros que deveriam servir para o progresso do país e para a assistência aos que efectivamente dela precisam;

15. Controlar rigorosamente toda a actividade bancária por forma a que, daqui a mais uns anitos, não tenhamos que estar, novamente, a pagar "outra crise".

16. Não deixar um único malfeitor de colarinho branco impune, fazendo com que paguem efectivamente pelos seus crimes, adaptando o nosso sistema de justiça a padrões civilizados, onde as escutas VALEM e os crimes não prescrevem com leis à pressa, feitas à medida.
 

17. Fazer um levantamento geral e minucioso de todos os que ocuparam cargos políticos, de forma a saber qual o seu património antes e depois.

18. Pôr os Bancos a pagar impostos.

*Ao "povo", pede-se o reencaminhamento deste e-mail.
                                               > POR TODOS NÓS E PELOS NOSSOS FILHOS.

POBRE PAÍS GOVERNADO POR TÃO RELES GENTE



Chamo-lhe reles gente e aldrabona pelo que haja feito ao meu país...
Chamo-lhes reles gente pelos tão parcos miolos na cabeça...
Chamo-lhes pulhas porque olharam para seus umbigos e desprezaram os  dos irmãos do lado...
Chamo-lhes corja de malandragem que constantemente se pavonearam com o meu dinheiro.
Merda de gente outro nome não têm...
Desapareçam da cena e penitenciem-se pelo mal que fizeram à Pátria Portuguesa.
José Martins

EU JÁ FIZ A MINHA JUSTIÇA... DAÍ FAÇAM A VOSSA!

ENTRE "PUTAS" TAMBÉM HÁ CASAMENTOS PERFEITOS!



Depois do casamento Real, começaram já os preparativos para o casamento Irreal, apadrinhado pela troika.

E JUSTIÇA, MUNDIALMENTE E FISICAMENTE A PORTUGAL!!!




Este ano Portugal será um forte candidato ao prémio Nobel da Física!
Depois da descoberta do átomo, do neutrão, do protão e do electrão, acabou de ser descoberto o Pelintrão.
E como se caracteriza o Pelintrão?
O pelintrão é um português sem massa e sem energia, mas que suporta qualquer carga

CLARO QUE SE PODE PRIVATIZAR DEPOIS DE SE MANDAR O SENHOR SILVA E SUA QUERIDA MARIA PARA A CASA DA COELHA

.
Não se poderá 'privatizar' a Presidência da República ?...) 

http://static.guim.co.uk/sys-images/Guardian/Pix/pictures/2011/4/5/1302030133120/Portuguese-flag-006.jpg
http://ma-schamba.com/ficheiros/palacio_belem_lisboa.jpg 
Repasso
 
E para que se inteirem:
 
45 mil são os euros por   dia para a Presidência da República, nas contas do Palácio de Belém.
http://images.mylot.com/userImages/images/postphotos/2014842.jpg

 
Assim descobriu o DN que a Presidência da República custa 16 milhões de euros por ano (163 vezes mais do que custava Ramalho Eanes), ou seja, 1,5 euros a cada português (uma bagatela para os tempos que correm!)...
http://3.bp.blogspot.com/_ObVUWmmae5s/TQ33iSCu_lI/AAAAAAAAH7g/y2m9uQufJc8/s400/GENERAL%2BRAMALHO%2BEANES%2B-%2BAPOIANTE%2BDE%2BCAVACO%2BSILVA.jpg 
http://4.bp.blogspot.com/_ObVUWmmae5s/TQ33chLuaKI/AAAAAAAAH7Y/xRdZXwa1V9Y/s1600/CavacoSilva-CANDIDATO%2B2011.JPG

Dinheiro que, para além de pagar o modesto (digo bem!) salário de Cavaco, sustenta ainda os seus 12 assessores e 24 consultores, bem como o restante pessoal que garante o funcionamento da Presidência da República.
http://2.bp.blogspot.com/_ObVUWmmae5s/TQy2xzE8CFI/AAAAAAAAH6Q/5E21O-_J5qk/s400/presidenciais%2B2011%2B-%2Banibal%2Bcavaco%2Bsilva%2B-%2Bo%2Bfingidor.jpg

A juntar a estas despesas, há ainda cerca de um milhão de euros de dinheiro dos contribuintes que todos os anos serve para pagar pensões e benefícios aos antigos presidentes (o que não tá mal).
http://wehavekaosinthegarden.files.wordpress.com/2011/04/cavaco-mario-soares-jorge-sampaio-ramalho-eanes-25-abril-2011.jpg

Os 16 milhões de euros que são gastos anualmente pela Presidência da República colocam Cavaco Silva entre os chefes de Estado que mais gastam em toda a Europa, gastando o dobro do Rei Juan Carlos de Espanha (oito milhões de euros) sendo apenas ultrapassado pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy & Madame Carlita (112 milhões de euros) e ainda pela Rainha de Inglaterra Isabel, que custa 46,6 milhões de euros anuais. 
http://pitstopbrasil.files.wordpress.com/2008/10/sarkozy.jpg      http://blogdehistoria.files.wordpress.com/2009/06/queen-elizabeth-ii_11.jpg?w=263&h=300           http://avenidadaliberdade.org/get_document.php?id=910           http://4.bp.blogspot.com/_NZOMrf8Xa78/SVW4VUOfVMI/AAAAAAAAP2I/104UPoseS5g/s400/juan-carlos-i-rey-de-espana.jpg
     112 milhões € (FR)     46,6 Milhões € (UK)
     16 Milhões € (PO)  8 Milhões € (ES)
Aníbal Cavaco Silva, vem-nos dizer que :
http://2.bp.blogspot.com/_OMtWm-MERDM/TT9dkKpo9TI/AAAAAAAAB30/JBBJ6NVKazo/s400/cavaco_silva.jpg
"os sacrifícios são para ser 'distribuídos' por todos os portugueses"...
V 
http://tek.sapo.pt/gfx/264765.gif
(...? E não se pode 'privatizar' a Presidência da República ?...)
http://4.bp.blogspot.com/_hxrcRZfPGFI/TNiA975vO8I/AAAAAAAAAFw/S1cjLy861eE/s1600/SMILEY%25252520SAD%25255B1%25255D.jpg
==========================


 Os  Cavacos e a comitiva

 Veio nos jornais e passou na tv e ninguém desmentiu!
Para uma estadia de cinco dias nos Açores os Cavacos levaram atrás deles uma comitiva de 30 pessoas.
2-   Chefe da Casa Civil e respectiva esposa
12- Agentes de segurança (o sítio é cheio de perigos)
2-   Consultores
4-   Assessores
1-   Médico pessoal
1-   Enfermeira (só?)
2-   Bagageiros
2-   Fotógrafos oficiais
1-   Mordomo (cúmulo da futilidade e do pirosísmo )
2-   Cavacos

Isto é no mínimo imoral uma vez que o P. R. diz que nenhum português está imune a sacrifícios. (falso)

                      REPASSEM

DAQUI: "IMAGINEM SE ESSA "CAMBADA" QUE NOS GOVERNA FOSSEM HONESTOS....AH QUE DE PAÍS SERÍAMOS...!!!


Enviem aos vossos amigos pode ser que se crie uma corrente de indignação e desencadeie uma petição à AR!!! 



 
 
Imaginem
00h30m
Imaginem que todos os gestores públicos das 77 empresas do Estado decidiam voluntariamente baixar os seus vencimentos e prémios em dez por cento. Imaginem que decidiam fazer isso independentemente dos resultados. Se os resultados fossem bons as reduções contribuíam para a produtividade. Se fossem maus ajudavam em muito na recuperação.
Imaginem que os gestores públicos optavam por carros dez por cento mais baratos e que reduziam as suas dotações de combustível em dez por cento.

Imaginem que as suas despesas de representação diminuíam dez por cento também. Que retiravam dez por cento ao que debitam regularmente nos cartões de crédito das empresas.

Imaginem ainda que os carros pagos pelo Estado para funções do Estado tinham ESTADO escrito na porta. Imaginem que só eram usados em funções do Estado.

Imaginem que dispensavam dez por cento dos assessores e consultores e passavam a utilizar a prata da casa para o serviço público.

Imaginem que gastavam dez por cento menos em pacotes de rescisão para quem trabalha e não se quer reformar.

Imaginem que os gestores públicos do passado, que são os pensionistas milionários do presente, se inspiravam nisto e aceitavam uma redução de dez por cento nas suas pensões. Em todas as suas pensões. Eles acumulam várias. Não era nada de muito dramático. Ainda ficavam, todos, muito acima dos mil contos por mês. Imaginem que o faziam, por ética ou por vergonha. Imaginem que o faziam por consciência.

Imaginem o efeito que isto teria no défice das contas públicas.

Imaginem os postos de trabalho que se mantinham e os que se criavam.

Imaginem os lugares a aumentar nas faculdades, nas escolas, nas creches e nos lares.

Imaginem este dinheiro a ser usado em tribunais para reduzir dez por cento o tempo de espera por uma sentença. Ou no posto de saúde para esperarmos menos dez por cento do tempo por uma consulta ou por uma operação às cataratas.

Imaginem remédios dez por cento mais baratos. Imaginem dentistas incluídos no serviço nacional de saúde.

Imaginem a segurança que os municípios podiam comprar com esses dinheiros.

Imaginem uma Polícia dez por cento mais bem paga, dez por cento mais bem equipada e mais motivada.

Imaginem as pensões que se podiam actualizar. Imaginem todo esse dinheiro bem gerido.

Imaginem IRC, IRS e IVA a descerem dez por cento também e a economia a soltar-se à velocidade de mais dez por cento em fábricas, lojas, ateliers, teatros, cinemas, estúdios, cafés, restaurantes e jardins.

Imaginem que o inédito acto de gestão de Fernando Pinto, da TAP, de baixar dez por cento as remunerações do seu Conselho de Administração nesta altura de crise na TAP, no país e no Mundo é seguido pelas outras setenta e sete empresas públicas em Portugal. Imaginem que a histórica decisão de Fernando Pinto de reduzir em dez por cento os prémios de gestão, independentemente dos resultados serem bons ou maus, é seguida pelas outras empresas públicas.

Imaginem que é seguida por aquelas que distribuem prémios quando dão prejuízo.
Imaginem que país podíamos ser se o fizéssemos.

Imaginem que país seremos se não o fizermos.

INUNDAÇÔES NA TAILÂNDIA - SITUAÇÃO EM 25.10.2011

Tailândia declara feriados para lidar com a crise das enchentes

Banguecoque
, 25 de outubro de 2011 (AFP)


Governo da Tailândia hoje terça-feira declarou feriado de três dias em Banguecoque e áreas afetadas pelas inundações assim como em vista às marés altas, previstas,  cujo o volume da água avançará o nível do rio Chao Prya piorando as condições, das inundações e estas infiltrando-se na cidade.

Escolas, empresas
e escritórios do governo vão fechar na quinta e sexta-feira e segunda-feira seguinte, criando um intervalo de cinco dias na capital e 20 outras províncias.
.
"O
gabinete aprovou hoje a declaração de 27 de outubro até 31 de feriados", Pracha Promnog, chefe do Centro de Operações de Socorro Flood (Froc), informou depois de reunião de ministros para discutir a escalada, da crise, de inundações em Banguecoque.
.
O banco
central disse que ainda estava sendo decidido se desligar-se dos mercados financeiros também.
.
O anúncio
veio depois do governador de Banguecoque Sukhumbhand Paribatra ter feito uma comunicação, aos moradores da capital, televisionada, ao longo do rio Chao Phraya para estarem em "alerta máximo" depois de ter atingido uma alta, recorde, de 2,30 metros na segunda-feira.
.
"
Se a situação continuar nestas circunstâncias, o nível da água neste fim de semana vai bater 2,60 metros, enquanto o nosso aterro, para suster a inundação, está nos 2,50 metros de altura", disse ele.
.
Gabinete de
primeiro-ministro Yingluck Shinawatra  instalado no norte do centro da cidade, no aeroporto de Don Mueang, está dobrando-se como um refúgio e sede para a operação de socorro, mas já  cercado por vias alagadas.
.
"
Estamos preocupados com desabrigados porque há o problema de se deslocarem para aqui", disse Yingluck antes da reunião.
.
"Nós vamos
movê-los para áreas seguras", disse ela, mas acrescentou que por enquanto operações Froc permaneceria no aeroporto.
.
As águas
ainda estão rastejando para a cidade de 12 milhões de pessoas após três meses de fortes chuvas que têm assolado outras partes do país, matando mais de 360 ​​pessoas e danificando milhões de lares e meios de subsistência.

As capas dos jornais e as principais notícias de Terça-feira, 25 de Outubro de 2011.

Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Roubaram dinheiro dos salários
Ricardo Salgado: BES paga 5 milhões
Cesária Évora: Regresso a Cabo Verde
Moita: Adolescente esfaqueado
Lisboa: Atropelamento fatal
Leiria: Apreensão de ouro e prata
Casa Sol: Funcionária acusada

Capa do Público Público

Tensão entre Cavaco e Passos fica de fora do Conselho de Estado
Governo quer tornar definitivo fim das pensões vitalícias dos políticos
O reencontro emotivo entre Pinto da Costa e Villas-Boas
Moreira da Silva e Balsemão defendem “novos mecanismos de participação”
Wall Street fecha no máximo desde Agosto graças à UE e aos resultados das empresas
Relvas diz haver espaço para mais um canal privado

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Miguel Macedo e outros coveiros da Democracia
Vitalício, hoje, só como alcunha
Funcionários públicos arriscam pagar 14 meses de IRS
Alfredo da Costa fecha e Estefânia retoma partos
Matam homem só para roubar tabaco e TV
Se todos estiverem envolvidos, vamos ter sucesso
Jovem de 15 anos esfaqueado no Vale da Amoreira

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Comerciante português assassinado na Venezuela
Adolescente enganou bancos e fez fraudes na Internet

Capa do i i

Seguro: "Passos Coelho está convencido que austeridade resolve contas públicas"
PSP. Suicidio é principal causa de morte não natural de agentes
SNS. 196 mil portugueses vivem a mais de uma hora de um hospital geral
Mulheres de vermelho querem salvar o coração das portuguesas
Cortes nos subsídios. Capucho apoia Cavaco e defende Orçamento negociado com PS
Crise. Patrões defendem fim dos subsídios de férias e Natal “a curto prazo”
Enfermeiros vão ter tarefas de médicos nos centros de saúde

Capa do Diário Económico Diário Económico

Blair ganha nove milhões para assessorar Nazarbaiev
Saiba como poupar até 2.100 euros no IRS deste ano
PS decide voto no Orçamento do Estado na quinta-feira
UE ameaça travar compra de dívida italiana sem novas reformas
Cavaco ouve hoje Conselho de Estado
Barack Obama anuncia medidas para refinanciar hipotecas
Michelle Obama promove cozinha saudável em livro

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Reino Unido rejeita referendo sobre manutenção de país na União Europeia
Rio Tinto - Quem é a "gigante" que quer investir em Portugal?
Presidente do BPI discorda do perdão da dívida grega
As notícias em foco na edição de hoje, dia 25 de Outubro, no Negócios
Rendeiro aceita desculpas que Berardo diz não ter pedido
Bolsas asiáticas aguardam em queda resultados da cimeira europeia
Lucros do Deutsche Bank superam previsões e atingem 725 milhões de euros

Capa do Oje Oje

Thierry Dusautoir eleito Jogador do Ano pelo IRB
PPP custam 1% do PIB durante os próximos anos
Sporting recebe Braga no duelo da 4.ª ronda da Taça de Portugal
BES não prevê recorrer à linha estatal
Djokovic lidera firme top 10 sem mexidas
Venda de um dos canais da RTP vai gerar poupança de 40 milhões
Lucro da Prisa afunda 80,4% até Setembro

Capa do Destak Destak

Em nome do filho
Sporting goleia Gil Vicente e não descola do topo da tabela
Ministro mostra "incompreensão e relutância" para discutir autonomia da RTP
Mats Olsson convocou 17 jogadores para a Bring Cup
CGTP diz que reunião com o Governo "foi pouco produtiva"
Sindicato critica nomeação de Ricardo Rodrigues
Treino com mais de 3 mil adeptos no 8.º aniversário da Luz

Capa do A Bola A Bola

Renovação de Maxi ultimada
«Este Sporting é grande em tudo!» - Bojinov
Alan completa no sábado 350 jogos
Marco Simoncelli: Estradas para lado nenhum
«Benfica agrada-me» - Dybala
São precisos reforços, orçamento complica
«Não estou à espera de facilidades» - Pizzi

Capa do Record Record

Alvalade viu reeditada maior goleada do século
Renovação de Gaitán avança
Rudnevs está referenciado mas sem espaço
Vieira segura Maxi
Bojinov: «Cada vez mais fortes»
Regresso ao Olival logo pela manhã
Alex Ferguson volta a baralhar cartas

Capa do O Jogo O Jogo

Lista de vencedores dos Dragões de Ouro 2011
Portistas aplaudem regresso de Villas-Boas
Moutinho eleito atleta do ano
Hulk: "É um prémio de uma importância enorme"
Paulo Alves: "Foi a pior derrota da minha vida"
Helton:"Passar pelo FC Porto é fácil, mas ser FC Porto é mais complicado"
Domingos: "É uma goleada justa pelo que fizemos em campo"