Translator

terça-feira, 3 de julho de 2012

As capas dos jornais e as principais notícias de Quarta-feira, 4 de Julho de 2012.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Salir: Ferido em queda de árvore
Faro: Violador em preventiva
V. Castelo: Árvore danifica carros
Cuba: Cólera já matou três
Gestor do BPN condenado sem ser ouvido
Casimiro Morgado: Fugas incomodam
Pedro Proença: Arbitragem profissional

Capa do Público Público

Tenha acesso a mais informação. Torne-se assinante Público.
Macário Correia interpôs recurso e fala em contradição com decisões judiciais anteriores
Ricardo Salgado considera uma “aberração” se a Alemanha não ajudar o euro a sobreviver
Licenciatura de Relvas: curso num ano “não é de todo vulgar”
PS desafia PSD/CDS a avaliar condições para liderar a Câmara de Faro
PS vai enviar acta da audição de Avelino de Jesus sobre PPP ao Ministério Público
Euromilhões: Primeiro prémio com "jackpot" de 52 milhões na sexta-feira

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Morte de casal idoso em tanque de água terá sido acidental
Macário interpôr recurso à condenação à perda de mandato
Os homens dispersos
Lagostas, gansos e, um dia, nós...
Portugal tem menos imigrantes
Macário Correia perde mandato de presidente da Câmara
Trabalhadores do Santa Maria contra o banco de horas

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Participantes da Rio+20 criticam trânsito, preços e problemas no acesso à Internet
Demissões no topo dos serviços de informação alemães
Estas 10 empresas precisam de mais de 400 informáticos
Lagarde "não está com disposição" para renegociar acordo grego
Situação na Zona Euro pode começar a "estabilizar"
Manchester United quer entrar na Bolsa de Nova Iorque
A (Jet)class mundial dos móveis de Valongo

Capa do i i

Standard and Poor's. Situação na Zona Euro pode começar a "estabilizar"
Manchester United quer entrar na Bolsa de Nova Iorque
Ricardo Salgado considera uma “aberração” se a Alemanha não ajudar o euro a sobreviver
Lagarde "não está com disposição" para renegociar acordo grego
Ronaldo e Irina de férias em Saint Tropez
Naomi Watts transforma-se para encarnar princesa Diana
Europeu sub-19. Portugal vence anfitriã Estónia (3-0) na primeira jornada

Capa do Diário Económico Diário Económico

O caos administrativo
Estado em risco de pagar mais 143 milhões aos clientes do BPP
"Tem de haver consenso para não causar danos desta monta"
Retenções ilegais de imposto fazem disparar inquéritos crime
Eurogrupo não dá nada a ninguém
Sector automóvel pede apoio de 800 milhões para evitar falências
Bolsa nacional perdeu 27 empresas na última década

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Standard and Poor's diz que situação na Zona Euro pode começar a "estabilizar"
Macário Correia interpôs recurso e fala em contradição com decisões judiciais anteriores
A primeira página do Negócios da edição de hoje
A Estrada de Chernobyl
As coisas são o que são
Emprego precisa-se: para bem de todos!
O apertar da tarraxa

Capa do Oje Oje

Escritórios – Absorção em Lisboa sobe 26% até maio
CBRE vende edifício na Rua Augusta
Crise da Zona Euro enfraquece rendas prime no globo
Tiago Borges: Custo atrativo de Lisboa pode levar multinacionais a escolher esta localização
C&W coloca Vitaminas na baixa lisboeta
BlackRock compra unidade da Swiss Re
Boeing prevê quebra no setor com jumbos

Capa do Destak Destak

Porto é a escola portuguesa mais bem classificada nos rankings internacionais -
Seul alerta que ativista será punido por se ter deslocado ao Norte sem autorização
Investimento chinês "abre caminho às pequenas e médias empresas", diz Paulo Portas
Álvaro Santos Pereira inicia visita para reforçar parceria estratégica com Portugal
Monti diz concordar com Merkel sobre a disciplina orçamental
Toshiba multada em 87 milhões de dólares por acordar preços de LCD com outras empresas
Embarcação com imigrantes ilegais emite pedido de socorro

Capa do A Bola A Bola

Palermo: Balzaretti admite ir para o PSG
Alonso e Button comovem-se com acidente de Maria de Villota
Magath acredita que Diego fica no Wolfsburgo
Amauri troca Fiorentina pelo Parma
Casillas pede respeito...por Itália (com vídeo)
Mourinho acusado de cobardia na Catalunha
Lorelei Tarón... Falcao, a fã número 1 do tigre goleador

Capa do Record Record

Capel: «Ganhar títulos e voltar à seleção»
Luis Alvaro Ribeiro: «Ganso tem a porta aberta»
Jackson Martínez: «Não tenho a certeza se vou para Portugal»
Nuno Gomes: «Estou muito contente por realizar este sonho»
CR7 podia marcar qualquer penálti
Dois alvos prioritários
Pedro Almeida foi abordado

Capa do O Jogo O Jogo

André Pinto viaja hoje para a Grécia
Cinco quilómetros de fé evitam a descida
María de Vilotta operada de urgência
Deco: "Nunca pensei encontrá-lo aqui"
Daniel Sturridge com suspeitas de meningite
Portugal perde mas continua na corrida
Gil Vicente cumpre primeiro treino da época

O PAULINHO ACHINESAR PORTUGAL


O Paulinho pela China oito dias a laurear o traseiro nas terras dos mandarins, achinesar  Portugal e fazer do território base para a penetração dos produtos chineses para os países onde se fala a língua portuguesa e com uma população de cerca de 300 milhões de pessoas. A merda deste governo está a entregar os portugueses à China e a fazer aumentar a população dos olhos amendoados em Portugal. Aguardamos para ver o resultado da "merda" de negócios que o Paulinho anda a fazer pela China. - José Martins

Segue a notícia referente à viagem do Paulinho das feiras

Chineses da State Grid investem 12 milhões em Portugal

Empresa que comprou a participação do Estado na REN vai criar centro tecnológico

A empresa chinesa State Grid tenciona investir 12 milhões de euros na criação de um centro tecnológico em Portugal, de acordo com um memorado de entendimento assinado esta terça-feira com a Redes Energéticas Nacionais (REN).

«É uma oportunidade para termos conhecimento, tecnologia e colaboração entre empresas e universidades, através de uma grande companhia internacional que aposta em Portugal», disse o ministro português de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, após a assinatura do memorando, segundo a Lusa.

Este foi um dos dois acordos assinados hoje na sede da State Grid, em Pequim, pelos presidentes da REN e da State Grid International, Rui Cartaxo e Zhu Guangchao, respetivamente, e contou também com a presença do líder daquele grande grupo estatal chinês, Liu Zhenya.

Com cerca de um milhão e meio de trabalhadores, a State Grid é considerada uma das dez maiores empresas do mundo, e este ano comprou ao Estado português 25 por cento do capital da REN por 287 milhões de euros.

Além do valor estimado do investimento, o anunciado centro tecnológico «tem sobretudo a importância de abrir um espaço de colaboração às empresas, às universidades e aos estudantes portugueses nas áreas da energia em que Portugal é mais competitivo e moderno», salientou também Paulo Portas.

O outro memorando de entendimento assinado entre os presidentes da State Grid International e da REN diz respeito à criação de empresas mistas de consultoria no Brasil.

Paulo Portas definiu Portugal como «uma plataforma muito interessante» para estabelecer parcerias internacionais. «O país é europeu e ocidental, mas também universal».

«Numa economia global, é preciso vincar e salientar aquilo que um país pode ter para oferecer de acordo com a sua reputação histórica e a sua vanguarda económica».

O acordo do Brasil «significa também oportunidades de trabalho para técnicos, cientistas, engenheiros, estudantes e empresas portuguesas». «Ontem, hoje e amanhã, os portugueses foram sempre construtores de pontes, de diálogos e de entendimentos com culturas e civilizações diferentes».

O ministro disse ainda que «Portugal tem uma presença histórica e de futuro em África, América Latina e Ásia, que torna este país europeu extremamente interessante para fazer parcerias».

Paulo Portas iniciou no sábado passado em Xangai uma visita de oito dias à China, a primeira de um ministro do atual Governo português, acompanhado por mais de cinquenta empresários.

Hoje de manhã (hora local) encontrou-se com o homólogo chinês, Yang Jiechi, e na quarta-feira às 10.30 (03:30 em Lisboa) vai encontrar-se com o «número dois» do Governo, o vice-primeiro-ministro executivo, Li Keqiang.

A visita à China termina no dia 8 de julho, em Macau.

A POLÍTICA E OS "PORCOS" DENTRO DELA




Polícia francesa pesquisa Nicolas Sarkozy casa e escritório
A polícia realizou buscas em casa e escritório do ex-presidente francês, Nicolas Sarkozy, como parte de uma investigação de financiamento de campanha eleitoral.
.
Um escritório de advocacia em que o Sr. Sarkozy possui acções também foi procurado, os relatórios dizem.
.
A investigação está relacionada com alegações de que em 2007, a campanha presidencial do Sr. Sarkozy teria recebido doações ilegais da mulher mais rica da França, Liliane Bettencourt.
.
Sarkozy já havia negado todas as acusações.
,
Ele está actualmente no Canadá com sua família, seu advogado, Thierry Herzog, disse à agência de notícias AFP.
.
Nas eleições presidenciais em Maio, Sarkozy perdeu para o socialista, François Hollande e sua imunidade, presidencial, de acusação findou em 16 de Junho.
.
Dezenas de milhares de euros foram supostamente canalizados para a campanha de Sarkozy pela  senhora Liliane Bettencourt.
 
A investigação já sabida há algum tempo em que os magistrados estavam olhando, atentamente, para o assunto do último presidente, como sua campanha de 2007 foi financiado.

.
O que é muito mais significativo é a velocidade com que a operação de terça-feira foi montada. Nicolas Sarkozy perdeu o manto da imunidade presidencial em 16 de Junho e depois de um mês de perder o poder sua casa e escritórios foram invadidos, aparentemente sem aviso prévio.
.
Nós não sabemos o que foi tirado mas parece claro agora que, com base em prova testemunhal recolhida, a unidade de crimes financeiros está procurando uma "arma fumegante". Sarkozy negou veementemente a acusação. Como, antes, assim aconteceu a seu antecessor!
.
Levou as autoridades francesas cinco anos para recuperar o atraso com o ex-presidente Jacques Chirac. Mas em Dezembro, após uma investigação de longa duração - e sem fim das tentativas de Jacques Chirac para evitar a justiça - ele foi considerado culpado e condenado a uma pena de dois anos suspenso por corrupção.
.
Houve críticas, por anos, que o Sr. Chirac tinha sido mostrado um tratamento favorável. Isso não é claramente o caso de Sarkozy.
.
Esta operação pode ter descoberto nada em provas materiais, mas não há como escapar do simbolismo. E esta não será a primeira ou a última vez que Sarkozy enfrenta perguntas embaraçosas sobre a influência e financiamento de sua campanha.
.
Contribuições de campanha individuais em França são limitadas a 4.600 euros ($ 5.800).
.
"Esses ataques ... vão como esperado revelar fútil," o Sr. Herzog disse em um comunicado. "Mentiras e calúnia '
.
Um juiz de instrução está investigando alegações de que funcionários exercendo funções de herdeira L'Oreal Liliane Bettencourt, deu 150.000 euros em dinheiro aos assessores de Sarkozy durante sua campanha 2007 para se tornar presidente.
.
Ex-tesoureira da senhora Bettencourt, Claire Thibout, alega que Eric Woerth aliado de Sarkozy na campanha - que mais tarde tornou-se seu ministro do orçamento - recolheu o dinheiro pessoalmente.
.
Além disso, existem outras testemunhas que alegam que durante a campanha de 2007, Sarkozy fez várias visitas privadas a casa Ms Bettencourt.
.
Mas o Sr. Herzog disse que diário detalhado de Sarkozy, a partir do momento que ele foi ministro do Interior e acompanhado em todos os lugares por policias, vai provar que as alegações dele que frequentam essas reuniões eram "materialmente impossível".
.
Eric Woerth já está sob investigação criminal.
.
As acusações no seu caso estão relacionadas a reclamações que ele tinha usado sua influência como ministro para garantir a mais alta condecoração da França, a Legião de Honra, para a gerente financeira da Sra. Bettencourt.
.
Mas ela ainda não está sob investigação criminal para toda a alegação de financiamento ilegal de campanhas.

O ex-presidente condenou as alegações de que ele está enfrentando como "mentiras e calúnias".
.
Fonte: BBC - Tradução livre

NOVO MILÉNIO - SOCIEDADE NO PRESENTE


.
Transcrição do artigo do médico psiquiatra Pedro Afonso, publicado no Público
 162 Crises de depressão são casos mais comuns em emergência psiquiátrica de SP
Alguns dedicam-se obsessivamente aos números e às estatísticas
esquecendo que a sociedade é feita de pessoas.

Recentemente, ficámos a saber, através do primeiro estudo epidemiológico nacional de Saúde Mental, que Portugal é o país da Europa com a maior prevalência de doenças mentais na população. 
.
No último ano, um em cada cinco portugueses sofreu de uma doença psiquiátrica (23%) e quase metade (43%) já teve uma destas perturbações durante a vida.
.
Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque assisto com impotência a uma sociedade perturbada e doente em que violência, urdida nos jogos e na televisão, faz parte da ração diária das crianças e adolescentes.
.
Neste redil de insanidade, vejo jovens infantilizados incapazes de construírem um projecto de vida, escravos dos seus insaciáveis desejos e adulados por pais que satisfazem todos os seus caprichos, expiando uma culpa muitas vezes imaginária. 
.
Na escola, estes jovens adquiriram um estatuto de semideus, pois todos terão de fazer um esforço sobrenatural para lhes imprimirem a vontade de adquirir conhecimentos, ainda que estes não o desejem.
 .
É natural que assim seja, dado que a actual sociedade os inebria de direitos, criando-lhes a ilusão absurda de que podem ser mestres de si próprios.
.
Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque, nos últimos quinze anos, o divórcio quintuplicou, alcançando 60 divórcios por cada 100 casamentos (dados de 2008). As crises conjugais são também um reflexo das crises sociais. Se não houver vínculos estáveis entre seres humanos não existe uma sociedade forte, capaz de criar empresas sólidas e fomentar a prosperidade.
 .
Enquanto o legislador se entretém maquinalmente  a produzir leis que entronizam o divórcio sem culpa, deparo-me com mulheres compungidas, reféns do estado de alma dos ex-cônjuges para lhes garantirem o pagamento da miserável pensão de alimentos.
.
Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque se torna cada vez mais difícil, para quem tem filhos, conciliar o trabalho e a família.
.
Nas empresas, os directores insanos consideram que a presença
prolongada no trabalho é sinónimo de maior compromisso e produtividade. 
.
Portanto é fácil perceber que, para quem perde cerca de três horas nas deslocações diárias entre o trabalho, a escola e a casa, seja difícil ter tempo para os filhos. Recordo o rosto de uma mãe marejado de lágrimas e com o coração dilacerado por andar tão cansada que quase se tornou impossível brincar com o seu filho de três anos.
.
Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque a taxa de
desemprego em Portugal afecta mais de meio milhão de cidadãos. Tenho presenciado muitos casos de homens e mulheres que, humilhados pela falta de trabalho, se sentem rendidos e impotentes perante a maldição da pobreza. Observo as suas mãos, calejadas pelo trabalho manual, tornadas inúteis, segurando um papel encardido da Segurança Social.
.
Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque é difícil aceitar que alguém sobreviva dignamente com pouco mais de 600 euros por mês, enquanto outros, sem mérito e trabalho, se dedicam impunemente à actividade da pilhagem do erário público. 
.
Fito com assombro e complacência os olhos de revolta daqueles que estão cansados de escutar repetidamente que é necessário fazer mais sacrifícios quando já há muito foram dizimados pela praga da miséria.
.
Finalmente, interessa-me a saúde mental de alguns portugueses com responsabilidades governativas porque se dedicam obsessivamente aos números e às estatísticas esquecendo que a sociedade é feita de pessoas. 
.
Entretanto, com a sua displicência e inépcia, construíram um
mecanismo oleado que vai inexoravelmente triturando as mentes sãs de um povo, criando condições sociais que favorecem uma decadência neuronal colectiva, multiplicando, deste modo, as doenças mentais.
.
E hesito em prescrever antidepressivos e ansiolíticos a quem tem o estômago vazio e a cabeça cheia de promessas de uma justiça que se há-de concretizar; e luto contra o demónio do desespero, mas sinto uma inquietação culposa diante destes rostos que me visitam diariamente.
.
Pedro Afonso
Médico psiquiatra 

O FILHO DE PUTA E O CHEQUE CARECA


O GOLPE DO ANO !!!
Isto é que é um golpe de mestre!!!
Acompanhado de uma belíssima mulher, o sujeito entrou na joalharia e mandou que ela escolhesse a jóia que quisesse, sem se preocupar com o preço.
Examina daqui, experimenta uma, depois outra, ela finalmente decide-se por um colar de ouro com diamantes e rubis. Preço: 458 mil.

Ele manda embrulhar, saca um talão de cheques e começa a preencher.
 Assina, destaca e ao estendê-lo, percebe a fisionomia constrangida e preocupada do vendedor enquanto examina o cheque.
O cliente, então, num gesto de gentleman, toma a iniciativa:
-Vejo que está a pensar que o cheque pode não ter cobertura, não é?
É natural, eu também desconfiaria? Afinal, uma quantia tão grande...
Tudo bem, façamos o seguinte: hoje é sexta-feira e o banco já fechou, você fica com o cheque e com a jóia, na segunda-feira vai ao banco, levanta o dinheiro e manda entregar a jóia lá em casa desta senhora, ok?
Cheio de mesuras e agradecimentos pela compreensão, o vendedor encaminha o casal até a saída, desejando-lhes um bom fim-de-semana.
Na segunda-feira, o vendedor liga ao cliente para dizer-lhe que, infelizmente, deveria ter havido algum equívoco do banco pois o cheque não tinha cobertura.
Ouviu, então, uma voz meio sonolenta:
Não há problema! Pode rasgar o cheque que eu já comi a gaja...

DO BLOGUE O PAÍS DO BURRO



O país do Burro


 


Sacrifícios por Isabel dos Santos

A proveniência do dinheiro não importa, nem sequer sabendo da pilhagem que foi sendo infringida ao seu povo pelo regime Santos ao longo das últimas três décadas. 
Portugal é o único país europeu que conheço ao qual não repugnam expressões como “diamantes de sangue”. E, agora, chegou a nossa vez. 
.
A holding Santoro, controlada pela empresária Isabel dos Santos, já detém 19,3% do BPI, depois de o Banco de Portugal ter dado parecer positivo à compra de uma parte do capital que estava nas mãos dos espanhóis do banco La Caixa. 1,5 mil milhões do resgate que Portugal recebeu a troco dos sacrifícios que PS, PSD e CDS, os três partidos do “arco”, não hesitaram em oferecer como sua contrapartida foram injectados directamente no banco da filha do Presidente angolano
.
É indescritível a honra e a comoção patriótica que sinto ao saber que, para além da preciosa ajuda que merecem outros igualmente necessitados, depois do banco limpinho de mais de 5 mil milhões em dívidas que lhe foi oferecido por 40 milhões no episódio anterior, os meus sacrifícios ajudarão novamente esta senhora a enriquecer ainda mais. É uma verdadeira empreendedora. Merece tudo. E que mais fosse.

KAOS:Enfermeiros em saldo. 3.96 Euros por hor

Os enfermeiros dos centros de saúde de Lisboa e Vale do Tejo que sejam contratados através de empresas de prestação de serviços passam a ganhar 3,96 euros por hora a partir de hoje, quando até aqui recebiam seis.
Não se compreende que o Estado contrate qualquer funcionário através de Empresas de prestação de serviços, pois se faz falta devia ser contratado pelo próprio Estado, mas muito menos que trabalhadores que mexem com a saúde de todos nós, Enfermeiros e Médicos, sejam contratados a empresas de serviços sem haver uma preocupação da qualidade desses profissionais em troca de os contratarem ao preço da uva mijona. se este é o exemplo que o Estado dá em relação ás relações de trabalho que podemos esperar do comportamento daqueles patrões que só procuram o maior lucro possível? Tenho vergonha desta gente que nos governa e deste sistema que não só permite como até incentiva este tipo de relações de trabalho.
Quanto ao pagarem menos de 4 euros por hora a enfermeiros nem vale a pena falar por ser simplesmente mais uma vergonha.

PAULO MACEDO: "A ESTRATÉGIA DO ABANDALHAMENTO DO SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE"



Paulo Macedo chegou ao Governo com a incumbência de "poupar na saúde" e, para isso, terá adoptado como estratégia o abandalhamento do SNS, empurrando quem não for totalmente indigente para as clínicas privadas de bancos e seguradoras. Ficam os pobres, e na saúde dos pobres pode poupar-se à vontade. Manuel António Pina, Jornal de Notícias

As capas dos jornais e as principais notícias de Terça-feira, 3 de Julho de 2012.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

José Pinheiro avisa para limitação
Alemão levado pelo mar
Disparam em roubo
Eusébio sem alta prevista
Resgatado de caleira
Moita Flores concorre a Oeiras
Ataca com motossera

Capa do Público Público

Tenha acesso a mais informação. Torne-se assinante Público.
Alemão desaparecido no mar, na Praia de Monte Clérigo, buscas continuam de manhã
Eusébio inicia tratamentos de fisioterapia e reabilitação
Árbitro Pedro Proença chega a Lisboa com aplausos e a defender profissionalização
Encerramento de delegações da Lusa “não coloca em causa independência” da direcção, diz a ERC
Sorteio da Lotaria Clássica
Repórter do PÚBLICO ganha Prémio Gazeta com reportagens sobre a Primavera Árabe

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Hipótese de Grécia e Portugal saírem do euro é de 85%
Homem matou vizinho a tiro e fugiu
O deus mercado e os xerifes privados
Nuno Crato vai criar uma data de génios
Finanças acusam Saúde de incompetência
Limitação nas horas de voo pode "comprometer eficácia"
Redução de mais de 120 cargos de chefia na PSP

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Homem desaparecido na Praia de Monte Clérigo
Mickael e Laura muito cúmplices no Algarve
Subida do nível do mar não pode ser parada nos próximos séculos
Felmini, lo stile di Felgueiras
Aumenta descontrolo das infeções hospitalares
Luís Borges recebe o verão com visual radical
Morte de princesa Diana inspira Lady Gaga

Capa do i i

Euro2012. Árbitro Pedro Proença chega a Lisboa com aplausos e a defender profissionalização
Porto. CDU opõe-se a encerramento Hospital Joaquim Urbano e fusão Metro-STCP
Disco Jockey romena trabalha em topless - Vídeo
Eusébio inicia tratamentos de fisioterapia e reabilitação
Monstro das Bolachas em dieta. Frutas e vegetais substituem bolachas
Música de Lady Gaga inspirada na morte de princesa Diana gera polémica - Vídeo
Castelo Branco: Segurança Social justifica demora no concurso para "call center" com “auditoria interna”

Capa do Diário Económico Diário Económico

“A alternativa à receita do Governo é pedir mais um ano à troika”
Mota-Engil prepara entrada no Médio Oriente através do Qatar
A morte da 3ª via (do PS)
Negócios imobiliários com queda histórica de 44%
Centros de arbitragem deixam sem solução 40% dos processos
Particulares nunca pesaram tão pouco nos fundos
Espinha dorsal do crescimento

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

A primeira página do Negócios da edição de hoje
Fracasso
Os ricos precisam de si
A Cimeira, o BCE e uma questão de (des)confiança
Brisa recua na venda da Controlauto
O governo dos bancos, pelos bancos e para os bancos
Estado vai aumentar rendas sociais em 150%

Capa do Oje Oje

CAF adjudica contratos na Índia e Brasil por 326 milhões
Micron anuncia aquisição da japonesa Elpida
França precisa de 33 mil milhões
Telefónica reduz dívida em 1,45 mil milhões
Linde paga 2,9 mil milhões pela Lincare
A Guerra pelo Talento
33,3% dos empregadores admite contratar este ano

Capa do Destak Destak

Human Rights Watch denuncia 27 centros de tortura e crimes contra a humanidade
Paulo Portas reafirma enpenho na "parceria estratégica"
Justiça iliba ex-vice-presidente das acusações de corrupção
Pequim "atribui grande importância" às relações com Portugal - MNE
Mais de 80 mortos e dois milhões de pessoas retiradas devido às cheias
Presidente concede amnistia a 46 presos
Sismo de magnitude 5,4 registado em Tóquio

Capa do A Bola A Bola

Manuel José em negociações com o Persepolis
Flamengo diz ter pago Airton
Barcelona entra na corrida por Nilmar
Milan comete gafe sobre Botafogo
Deschamps terá rejeitado ser selecionador francês
Sapunaru não arranca e pode estar de saída
Iniesta doa prémio às vítimas de Valência

Capa do Record Record

Desiludidos com Miguelito
Elevar desempenho sem mais dinheiro
Poulson oficial durante três temporadas
Miguel Rosa esperado caso fique livre
Amadores iniciam sonho milionário
André Villas-Boas está por horas
Tiago depende de Simeone

Capa do O Jogo O Jogo

António José Seguro elogia prestação de Pedro Proença
Iniesta dá 300 mil euros
Phelps "só" vai tentar sete medalhas de ouro
Proença:Luisão "é um grande profissional"
Eusébio inicia tratamentos
Portugal empata na abertura do Europeu
"Preparado para aguentar a pressão"