Translator

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

As capas dos jornais e as principais notícias de Terça-feira, 11 de Setembro de 2012.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Relvas: A RTP é um assunto "resolvido"
Moura: Desaparecido em rio
Vítor Constâncio: Apontado para cargo
António Avelãs: Protesto de professores
Mata à paulada e enforca-se
Almada: Dupla rouba viatura
Albufeira: Criança espancada

Capa do Público Público

Tenha acesso a mais informação. Torne-se assinante Público.
Bombeiro de Setúbal acusa subchefe de o ter agredido à cabeçada em sardinhada
Relvas: cidadãos já sabiam que medidas eram inevitáveis
Portugal goleia França
Em Ciudad Juarez, a guerra mortal pelo controlo do narcotráfico acabou
Conselho de Opinião da RTP quer voltar a ter poder de veto sobre administração
Aguiar-Branco "espantado com o ataque cerrado que é feito pelo PS”

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Quando vi a televisão, vi como Passos não conta
Homem está desaparecido nas águas do rio Ardila
"Não posso prometer emprego a todos os professores"
Crato recebido com protesto pelo "ataque à escola pública"
Alterações ao trânsito no Marquês iniciam-se domingo
Mulher retirada sem vida de automóvel que caiu ao Douro
Universitários do Porto duvidam de descontos de 60%

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Mano convoca seleção sem "estrangeiros" para enfrentar Argentina
Portugal goleia a França em hóquei em patins
Cristóvão Borges pede demissão do Vasco da Gama
Morreu na moto à saída da padaria
Seleção de atalaia contra ela própria...
Vindimas ajudam a encher hotéis do Douro
Municípios prometem 'inventar' dinheiro para apoiar alunos

Capa do i i

Miguel Relvas rebate críticas do PS em visita ao Brasil
Aguiar-Branco: “Estou espantado com o ataque cerrado que é feito pelo PS”
Ryan Reynolds e Blake Lively casaram
Homem detido por fotografar carro mal estacionado ao serviço de Aguiar-Branco
Bíblia de Elvis vendida por 75 mil euros
Rajoy. Proteger pensionistas é a "primeira ordem" para OE de 2013
CGTP marca reunião extraordinária para decidir acção de luta nacional para Setembro

Capa do Diário Económico Diário Económico

“Não posso prometer emprego a todos os professores”
REN aumenta para 300 milhões o valor da emissão de dívida
Troika mais severa endurece avaliação do Governo português
Intervenção de Cavaco é reclamada por juízes
Grandes empresas poupam 100 milhões com descida da TSU
Senadores de direita acentuam críticas a Passos Coelho
CGTP e UGT não rejeitam formas de luta conjunta

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Os administradores "independentes" são mesmo independentes?
O governo que doou o seu povo à ciência
Passos.xls
Algarve recebe 91 milhões para acudir a câmaras em ruptura financeira
Autoeuropa produz menos 10.189 carros nos primeiros oito meses do ano
A primeira página do Negócios da edição de hoje
Acções do BCP ajustam hoje para 5,9 cêntimos

Capa do Oje Oje

Vítor Gaspar apresenta amanhã conclusões da avaliação da troika
Emirates e Qantas anunciam a “maior parceria de aviação a nível global”
Euro em queda ligeira face ao dólar
REN reforça emissão de dívida em 100 milhões de euros
Dívidas à Águas de Portugal disparam no 1.º semestre
EDP impulsiona PSI20
Lisboa destaca-se na concessão de crédito

Capa do Destak Destak

Vítor Gaspar apresenta hoje conclusões do 5.º exame da 'troika'
Ministro dos Serviços Financeiros suicidou-se depois de revelada alegada relação extra-conjugal
Cinco empresas portuguesas à conquista da China e da Ásia
Adversário de Hugo Chávez promete aumentar salário mínimo se chegar à presidência
Governo adquiriu três ilhas do arquipélago disputado com a China
Juiz Dean Spielmann nomeado presidente do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem
Caravana pela Paz terminou viagem em prol do fim da guerra às drogas

Capa do A Bola A Bola

Léo admite ter exagerado nas declarações sobre Ganso
Murray vence Djokovic e faz história no Open dos Estados Unidos
Vasco da Gama fica sem treinador
Gaitán obrigado a reagir
Tottenham considera Moutinho prioritário
Rooney recorda vermelho no Mundial-2006: «Todos pensaram que eu e Ronaldo iríamos ficar inimigos»
Sub-21: Jogador do V. Guimarães atira Portugal para fora do Euro

Capa do Record Record

Teste para a Champions
Gelson e Rinaudo discutem lugar
Pedro Emanuel já apostou em quatro táticas
Abdi: «Quero a seleção»
Soudani a marcar e Rui Vitória a sorrir
Capitão em alerta
James no ataque da Colômbia

Capa do O Jogo O Jogo

Lehmann pode ir aos Jogos Paralímpicos
"Jogadores mereciam apuramento"
Portugal goleia a França
Pedro Gil leva a Espanha a derrotar Itália
Rodrigo em branco na goleada da Espanha
Lotação esgotada em Braga
Pongolle na Rússia por causa da noiva

SÃO TÃO POBRES, QUE SÓ TÊM DINHEIRO...




by Edson Vieira Dias Neto (adaptado de um texto de Cristovam Buarque)

SÃO TÃO POBRES, QUE SÓ TÊM DINHEIRO.....
.
Adaptação de um texto do Cristovam Buarque que assenta que nem uma luva a esta Angola, ainda em plena "Acumulação Capitalista Primitiva"...
Fred
.
by Edson Vieira Dias Neto
.
"Em nenhum outro país os ricos demonstram mais ostentação que em Angola. Apesar disso, os Angolanos ricos são pobres. São pobres porque compram sofisticados automóveis importados, com todos os exagerados equipamentos da modernidade, mas ficam horas engarrafados ao lado dos autocarros e candongueiros do subúrbio.
.
E, às vezes, são assaltados, sequestrados, abusados e violentados no  trânsito. Presenteiam belos carros a seus filhos e não voltam a dormir tranquilos enquanto eles não chegam em casa. Pagam fortunas para construir modernas mansões, desenhadas por arquitetos de renome, e são obrigados a escondê-las atrás de muralhas, como se vivessem nos tempos dos castelos medievais, dependendo de guardas que se revezam em turnos.
.
Os ricos angolanos, usufruem privadamente tudo o que a riqueza lhes oferece, mas vivem encalacrados na pobreza social. Na sexta-feira, saem de noite para jantar em restaurantes tão caros que os ricos da Europa não conseguiriam freqüentar, mas perdem o apetite diante da pobreza que ali por perto arregala os olhos pedindo um pouco de pão; ou são obrigados a restaurantes fechados, cercados e protegidos por policiais privados.
.
Quando terminam de comer escondidos, são obrigados a tomar o carro à porta, trazido por um manobrista, sem o prazer de caminhar pela rua, ir a um cinema ou teatro, depois continuar até um bar para conversar sobre o que viram.
.
Mesmo assim, não é raro que o pobre rico seja assaltado antes de terminar o jantar, ou depois, na estrada a caminho de casa. Felizmente isso nem sempre acontece, mas certamente, a viagem é um susto durante todo o caminho. E, às vezes, o sobressalto continua, mesmo dentro de casa.
.
Os ricos Angolanos são pobres de tanto medo. Por mais riquezas que acumulem no presente, são pobres na falta de segurança para usufruir o patrimônio no futuro. E vivem no susto permanente diante das incertezas em que os filhos crescerão.
.
Os ricos angolanos continuam pobres de tanto gastar dinheiro apenas para corrigir os desacertos criados pela desigualdade que suas riquezas provocam: em insegurança e ineficiência.
.
No lugar de usufruir tudo aquilo com que gastam, uma parte considerável do dinheiro nada adquire, serve apenas para evitar perdas. Por causa da pobreza ao redor, os angolanos ricos vivem um paradoxo: para ficarem mais ricos têm de perder dinheiro, gastando cada vez mais apenas para se proteger da realidade hostil e ineficiente.
.
Quando viajam ao exterior, os ricos sabem que no hotel onde se hospedarão serão vistos como assassinos de crianças na lunda, destruidores da Floresta do maiombe em Cabinda, usurpadores da maior concentração de renda do planeta, portadores de malária, de paludismo e de filaria.. São ricos empobrecidos pela vergonha que sentem ao serem vistos pelos olhos estrangeiros.
.
Na verdade, a maior pobreza dos ricos angolanos, está na incapacidade de verem a riqueza que há nos pobres.
.
A pobreza de visão dos ricos impediu também de verem a riqueza que há na cabeça de um povo educado. Ao longo de toda a nossa história, os nossos ricos abandonaram a educação do povo, desviaram os recursos para criar a riqueza que seria só deles, e ficaram pobres: contratam trabalhadores com baixa produtividade, investem em modernos equipamentos e não encontram quem os saiba manejar, vivem rodeados de compatriotas que não sabem ler o mundo ao redor, não sabem mudar o mundo, não sabem construir um novo país que beneficie a todos. 
.
Muito mais ricos seriam os ricos se vivessem em uma sociedade onde todos fossem educados.
.
Para poderem usar os seus caros automóveis, os ricos construíram viadutos com dinheiro de colocar água e esgoto nas cidades, achando que, ao comprar água mineral, se protegiam das doenças dos pobres.
.
Esqueceram-se de que precisam desses pobres e não podem contar com eles todos os dias e com toda saúde, porque eles (os pobres) vivem sem água e sem esgoto. Montam modernos hospitais, mas tem dificuldades em evitar infecções porque os pobres trazem de casa os germes que os contaminam. Com a pobreza de achar que poderiam ficar ricos sozinhos, construíram um país doente e vivem no meio da doença.
.
Há um grave quadro de pobreza entre os ricos angolanos. E esta pobreza é tão grave que a maior parte deles não percebe. Por isso a pobreza de espírito tem sido o maior inspirador das decisões governamentais das pobres ricas ?elites? angolanas.
.
Se percebessem a riqueza potencial que há nos braços e nos cérebros dos pobres, os ricos angolanos, poderiam reorientar o modelo de desenvolvimento em direcção aos interesses de nossas massas populares.
.
Liberariam a terra para os trabalhadores rurais, realizariam um programa de construção de casas e implantação de redes de água e esgoto, contratariam centenas de milhares de professores e colocariam o povo para produzir para o próprio povo. 
.
Esta seria uma decisão que enriqueceria ANGOLA  INTEIRA - os pobres que sairiam da pobreza e os ricos que sairiam da vergonha, da insegurança e da insensatez.
.
Mas isso é esperar demais. Os ricos são tão pobres que não percebem a triste pobreza em que usufruem suas malditas riquezas".
Adaptado de um texto de Cristóvam Buarque
--
KALIFADO DE PALMELA

COISAS E LOISAS DA BOLA


UM FIM DE CASAMENTO À MANEIRA!

.
O melhor Casamento - "Martirimónio" de sempre,certamente regado com VODKA, para consolidar a amizade inter familias / Best wedding ever, certainly watered with Vodka ,promising a great future between families.
.
video

KAOS: O BANDIDO



Creio que todos sabemos que este Ministro das Finanças é um dos principais culpados por esta politica ultra-liberal que está a destruir o país e a vida de quem cá vive.
Há depois o parvinho do Passos Coelho, que leu uns livros sobre o assunto quando era mais novo, e fez dessa ideologia uma profissão de fé mesmo nunca ter entendido bem o que leu.
Destruir tudo que foi construído, todos os avanços civilizacionais alcançados em nome de um regresso ao quem pode manda, recusando o estado social e os direitos dos cidadãos é uma ideologia aplicada como uma inevitabilidade das necessidades do país.
É mentira. há alternativas e há soluções. Esta gente mente, engana e procura que só pensemos dentro das palas que nos colocam através de uma comunicação social ao serviço dos grandes grupos económicos.
Acordem, vão para as ruas, falem uns com os outros, debatam, troquem opiniões e procurem soluções. Elas existem, só temos de as encontrar e só as poderemos encontrar todos juntos. Indignem-se e juntem-se.

KAOS:Brasil, terra de festa, samba e …fado


O ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, afirmou no Rio de Janeiro que "Muitos daqueles que criticam, mas que não apresentam alternativas, não têm o direito, num momento em que muitos portugueses estão a passar por situações particularmente difíceis, de pedir que os responsáveis cruzem os braços".
Depois de o Paulo Portas ter andado pelo Brasil , "silencioso" perante o roubo a que Passos Coelho continua a fazer ao país, a abanar a "bunda", assistir a concertos do fado da "cultura" oficial do Estado e distribuir sorrisos chegou a vez de ser substituído pelo "Dr." Miguel Relvas.
Portugal anda em festa pelo Brasil enquanto Portugal sofre da pobreza imposta por um governo que anda alucinado por uma politica ultra-liberal e capitalista saída da cabeça de um louco.
Só numa coisa lhe vou dar razão, a de que ele como responsavel não deve cruzar os braços, já basta que tenha feito a sua licenciatura dessa forma, mas que "vai estudar RELVAS".

CAUSA NOSSA EM PORTUGAL

https://mail-attachment.googleusercontent.com/attachment/?ui=2&ik=314e4815a6&view=att&th=139b2a39deac20d9&attid=0.1&disp=inline&realattid=f5563fe12f02f4f3_0.1&safe=1&zw&saduie=AG9B_P-qVH43o41lqMLIr3QIECi2&sadet=1347324637538&sads=OaibhjxJG00PbM3F4zsuJUu4xRY&sadssc=1

FUNERAL DE PORTUGAL EM GUIMARÃES




 UMA CARTA RECEBIDA E A NOSSA RESPOSTA
.
Meu Caro Senhor José Martins
.
Meu Prezado Amigo 
.
Infelizmente já tinha tido conhecimento deste vergonhoso evento, integrado nas celebrações da "Capital da Cultura", em Guimarães, cuja presidencia da comissão de honra, está a cargo do ex-PR, Jorge Sampaio.
Só num país, com o estatuto de tribu, onde não há valores éticos, deontológicos e de respeito pelo solo e gentes da PÁTRIA é possível chegar-se a tamanha fantuchada, com o labéu de "cultura", para onde foram desbaratados mais uns milhares de €uros do nosso bolso para sustentar o Sr Sampaio, assessores, secretariado, etc, etc.
 .
Por movimentações, que também diligenciei, lá se correu com um Senhor Coronel da GNR, que com uma falta de senso atroz (só possível quando de facto os valores e princípios associados ao respeito pelos símbolos da Nação, já nem nas escolas militares são devidamente ensinados!!!) enviou uns militares sob seu comando, participar nesta vergonha inqualificável.
 .
Lamento é que, uma vez mais, é só o militar(?) que é devidamente punido (pelo menos, tanto quanto sei, foi-lhe retirado o comando, o que, sendo pouco, já não foi mau!!), mas o principal reponsável pelas festividades da "cultura - reles e pirosa", em Guimarães, o Sr Sampaio, continuará impávido e "imaculado" a receber o dele/mensal, e a dissiminar a doutrina da irresponsabilidade e da falta de respeito pelos valores éticos e da Pátria (coisa que ele não conhece!), que o partido onde se serviu, tem criado e defendido. 
.
Um grande abraço, com a estima pessoal deste seu amigo
V. Cardoso
.
2012/9/10, Jose Gomes Martins <aquitailandia@gmail.com>:   
Terrível!!! Associe-se à perda da Pátria
Clique em baixo
AS PESSOAS, EM PRANTO, GRITAM NO FUNERAL DE
PORTUGAL<http://maquiavelencias.blogspot.com/2012/09/as-pessoas-em-pranto-gritam-no-funeral.html
>


Senhor General,
Bom dia de Banguecoque
.
De facto, também, não achei graça nenhuma ao evento que em outra análise tratou-se de uma sátíra, em dois actos, em relação à presente situação, económica, que ocorre em Portugal e o outro acto refere-se à pulhice de individualidades públicas que como raposas  “sugaram” o favo de mel na organização da “Capital da Cultura”, ou a cultura, de sem escrúpulos, em que maliciosamente usam a Pátria, onde foram paridos como fonte de mais armazenamento de suas, abastadas, algibeiras.
.
Gente que foi habituada a gastar à “tripa forra” e a conta da barba longa do que já se encontrava desfalcado cofre das Finanças Públicas.
.
Fiquei estupefacto ao ver os GNR de armas no cortejo e até pensei que seriam figurantes a encenarem a representação, mas o meu sentido modificou-se ao dar conta dos disparos dos tiros.
.
Os males e o oportunismo do nosso país surgem depois do 25 de Abril de 1974 em que uma Pátria de prestígio cai nas mãos de “bandalhos” que mais não fizeram que denegrir a nação nos países que procuraram asilo, como coitadinhos, perseguidos e pisados pela bota, cardada, da ditadura.
.
Depois essa “merda” de gente invadiram as finanças públicas e fizeram, em poucos anos, um Portugal de tesuras e sem crédito perante as instituições estrangeiras.No princípio da década 80, século passado, há que pedir, desesperadamente, aos emigrantes (que nessa altura nutriam patriotismo) o envio, moeda estrangeira, para que Portugal não entrasse na falência que à beira estava.
.
Isto, poucos anos da revolução dos cravos!
.
Depois para pagar a dívida contraída aos emigrantes chega a salvação nacional dos dinheiros chegados da União Europeia e se já havia corrupção surgem os novos  “boys/girls” e esta é rompante.
.
Criam-se grupos de malfeitores que vão sugando os dinheiros da UE e Portugal vai-se endividando cujos os montantes seguem para sitios errados e não para o desenvolvimento do parque industrial, agrário e do turismo.
.
Fico por aqui no meio do desfiar as contas do meu rosário.
.
Portugal um país enorme cujas gentes o provaram depois do século XV e XVI está um decadente e velho trópego cheio de reumatismo e agonizante.
.
Se não houverem filhos e netos com sangue de D. Afonso Henriques e do Infante Dom Henrique que o levantem das cinzas a raça lusitana desaparecerá como aconteceu outras étnias que se finaram na Península Ibérica.
.
Com um abraço de amizade
José Martins
.
P.S. – O Senhor Jorge Sampaio nunca enganou ninguém. Pertence à geração dos novos políticos depois do 25 de Abril. Bem me lembro de quando passou por Banguecoque (final do do mês de Dezembro de 1999) vindo de Macau e ter entregue a administração do território à China, ficou hospedado com a sua comitiva (jornalistas também) no Hotel Oriental, cujo recibo foi liquidado pela missão diplomática de Portugal, acreditada na Tailândia, custou a módica quantia de menos de 24 horas de permanência no hotel (considerado um dos melhores do mundo) 6 mil contos.

OPINIÃO: PEDRO SANTOS GUERREIRO



O anúncio de medidas de austeridade feito pelo primeiro-ministro ao entardecer de sexta-feira, antes de um jogo de futebol, é uma tragédia. Não é o seu primeiro nem o último acto, é a tragédia em curso. Tratá-lo com ligeireza, como o Governo fez, é transformá-lo numa comédia. Confessar que custa muito a dar estas notícias, vitimizando-se, é transformá-la numa farsa. Infelizmente, o primeiro-ministro sofre desse exibicionismo da sua humildade, condói-se da sua missão.
Pedro Santos Guerreiro, Jornal de Negócios

A RTP E AS PRAGAS QUE MINAM O SERVIÇO PÚBLICO


AS PESSOAS, EM PRANTO, GRITAM NO FUNERAL DE PORTUGAL

.


 A "troika" veio hoje ao funeral de Portugal...?
Clicar abaixo para ver o funeral...

        http://www.youtube.com/watch?v=6v5OPkOFHL8&list=UUBcnlwnbwcBP44QlhLhPyow&index=1&feature=plcp

TRAGÉDIA LUSA - TENTATIVAS DE SUICÍDIO

A tragédia de uma nação... Ninguém é culpado disto... Os pulhas, execráveis, culpados da hecatombe, sacodem a água do capote...!!!
País
Clique  em baixo e leia e ouça o conteúdo da peça
O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) registou nos primeiros meses deste ano um aumento significativo de tentativas de suicídio.
  • Artigo de ÁudioConsulta de prevenção do suicídio regista aumento de pedidos de ajuda 
  •  
  • P.S.  lunes, 27 de febrero de 2012

    Crisis y tasa de suicidios


    En Europa, superamos hoy los 19 millones de parados. Este año 2012 va a ser particularmente cruel y, al mismo tiempo, siguen por doquier las reducciones de toda índole. Un hecho poco estudiado es el aumento del número de suicidios en diferentes países en crisis. Una investigación publicada en febrero de este año por el psiquiatra y profesor de medicina legal Michel Debout, especialista en suicidios, demuestra que entre finales de 2008 y 2011, periodo en el que el auge del paro en Francia llegó a los 6.480.000 parados, hubo también 759 suicidios directamente vinculados con este aumento. Esa cifra afecta sobre todo a los que se encuentran entre 35 y 65 años.Seguir leyendo en El País

O FUTEBOL E OS ARTISTAS

Arguidos condenados no processo da transferência de João Pinto

Arguidos condenados no processo da transferência de João Pinto
legenda da imagem
rtp.pt

João Vieira Pinto, Luís Duque, Rui Meireles e José Veiga foram esta manhã condenados por fraude fiscal, com o antigo agente FIFA a ser também condenado por branqueamento de capitais, na 6.ª Vara do Tribunal Criminal de Lisboa, no âmbito do processo da transferência do jogador do Benfica para o Sporting, em julho de 2000.

.

P.S. - E o João, o "pinócas" é director da Federação Portuguesa de Futebol e acompanha a Selecção Nacional com o Paulo Bento. 

CUIDADO COM O LEITE ADULTERADO...!!!


 .leite_caixa
Quem trabalhou com tecnologia de alimentos, sabe que realmente muitos produtores põem soda e água oxigenada no leite, para conservá-lo.
Esse teste é excelente, pelo menos evita muitos problemas.
Há alguns dias, foi com o tody, agora o leite, afinal, aonde vamos parar
LEITE LONGA VIDA CONTAMINADO

 
NÃO DEIXE DE FAZER O TESTE ABAIXO

A ASAE e a imprensa local noticiaram largamente o abuso dos produtores de leite que adicionam, entre outras coisas, água oxigenada e soda cáustica.
Faça o teste sugerido abaixo, para conferir a qualidade do leite que vc consome.
Pode fazer o teste com o leite de soja também...
Cuidar da saúde é necessário!!!!

MUITO PRÁTICO E SIMPLES.
FAÇA O TESTE.
  • QUALQUER UM PODE FAZER EM CASA!
  • Para descobrir se o leite tem água oxigenada ou soda cáustica na sua composição:
  • Beba 1 copo de leite à noite antes de se deitar.
  • Durante a noite, se tiver vontade de se peidar, peide-se à vontade.
  • De manhã, verifique seu cu ao espelho.
  • Se os pêlos estiverem loiros,  o leite tinha água oxigenada.
  • Se não tiver pêlo nenhum, tinha soda cáustica.
E não refile,

também mandaram para mim.

KAOS: António José, o Inseguro



AFINAL MOÇAMBIQUE DEIXOU DE SER PORTUGAL EM 7 DE SETEMBRO DE 1974 – O acordo da vergonha



10/09/2012

Recordo:
Jornaldomingo_acordolusaka_09.09.2012Passa hoje mais um aniversário sobre a data da assinatura do Acordo(s?) de Lusaka. E recordo, novamente, o que Mariano Matsinha disse em Setembro de 2005:
"Revela Mariano Matsinha
Acordo militar continua no “segredo dos deuses”.

.
O Acordo de Lusaka ainda não é do domínio público, sobretudo a parte militar que continua secreta. Ela existe, está guardada a sete chaves pelo Governo da Frelimo, de acordo com o veterano Mariano Matsinha, um dos seus negociadores.
ZAMBEZE - 9/8/2005

.

Samora Machel, Joaquim Chissano, Armando Guebuza, Alberto Chipande, Óscar Monteiro, Bonifácio Gruveta, Sebastião Mabote, Jacinto Veloso, Mariano Matsinha, Xavier Salila, Joaquim Munhepe, Mateus Malichocho, João Phelembe, Joaquim de Carvalho, José Mosane e Graça Simbine, são os filhos da pátria moçambicana que há 31 anos, num frente a frente na “State House” em Lusaka, na Zambia, confrontaram-se com a delegação portuguesa liderada por Mário Soares para a assinatura do memorando que ficou conhecido nos anais da história por “Acordos de Lusaka”.
.

Volvidas três décadas da assinatura dos Acordos de Lusaka, um memorando de entendimento que pôs fim à guerra travada pela Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo) contra a dominação colonial, o povo moçambicano ainda continua refém desse acordo assinado há 31 anos, em seu nome. 
.
Não obstante a data ser comemorada anualmente com pompa e circunstância, os que comandam os destinos da nação moçambicana, nunca lograram sequer pronunciarem de forma clara e ampla sobre as cláusulas deste acordo, até hoje, mergulhado naquilo que se chama de “segredo de Estado”. Estamos a falar do “acordo militar”, ainda não tornado público, mas que no decurso das negociações em Lusaka, constituiu o prato forte.
.
De acordo com o veterano da Frelimo Mariano Matsinha, um dos que constituiu a delegação moçambicana em Lusaka, “o Acordo de Lusaka é de domínio público, contrariamente ao Acordo Militar que se encontra nas mãos do governo do dia, e, sem ainda data para a sua publicação, de acordo com as parcas informações que diz ter.
.
A não publicação do referido documento até à data, é de acordo com palavras de Mariano Matsinha, é fruto de compromissos assumidos entre as duas delegações que estiveram reunidas na “State House”.
.
“Realmente trata-se de um documento importante para se compreender o processo em si, dos Acordos de Lusaka, mas o importante naquela altura era o reconhecimento por parte de Portugal que nós tínhamos direito à independência. Infelizmente não participei na discussão do “Acordo Militar”, e nem sei quais são as cláusulas plasmadas, mas acredito que os portugueses tinham as suas razões em pedir para que não fosse publicado, face à situação em que se encontravam.
.
O documento está guardado a sete chaves pelo governo. Não conheço o seu prazo, mas acredito que a breve trecho será tornado público”, explicou o veterano da Frelimo.
.
A uma pergunta do ZAMBEZE sobre o cumprimento ou não das cláusulas dos Acordos de Lusaka, Matsinha garantiu que tudo até aqui corre (u) de feição e não há nada ainda por cumprir, tendo acrescentado que tudo quanto está plasmado no acordo de Lusaka, excepto o Acordo Militar é do domínio público e não sofreu alterações e nem omissões.”
.
.
MOÇAMBIQUE PARA TODOS apresenta mais abaixo o texto do referido acordo, anexo ao tornado público, e que só agora viu a luz do dia através do JORNAL DOMINGO de Maputo (em 09.09.2012), a quem o mesmo foi entregue “por mão amiga”.
.
Abstendo-me para já de comentários, gostava apenas de saber porque não foi a parte portuguesa a divulgá-lo, oficial ou oficiosamente. Almeida Santos escreveu, Mário Soares escreveu, Ernesto Melo Antunes escreveu e tantos outros, mas nada disseram. Porquê?
.
Leia aqui o texto na íntegra: Download Acordo de Cessar Jornal Domingo

MAS QUE TRÊS GRANDES F.D.P:

(F.D.P. filhos de Portugal)