Translator

terça-feira, 22 de outubro de 2013

"OS NOSSOS (MAIS NOBRES) ÓDIOS DE ESTIMAÇÃO ESTÃO PARA LÁ DA RAIA!!!..."


Cristiano Ronaldo não acredita que exista racismo nos estádios espanhóis


Cristiano Ronaldo não acredita que exista racismo nos estádios espanhóis
legenda da imagem
Reuters

O futebolista Cristiano Ronaldo, do Real de Madrid, disse hoje que não acredita que exista "racismo" em Espanha, num comentário a declarações de José Mourinho, que aludiu a um "ódio real" quando lhe chamavam "filho da puta português". 

.

O ex-treinador do Real de Madrid, atualmente no Chelsea de Londres,  declarou recentemente que existe um sentimento de "ódio real" nas bancadas dos estádios espanhóis, enquanto em Inglaterra esse sentimento de animosidade é mais "irónico".
 .

"Quando vais, por exemplo, a países como a Espanha e te dizem 'filho da puta português' sabes que é um sentimento profundo. Um ódio real. Estão a sentir o que dizem", afirmou Mourinho.
.

Questionado hoje sobre o assunto na conferência de imprensa de antevisão à receção de quarta-feira à Juventus, na terceira jornada do Grupo B da Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo afastou a ideia de que exista "racismo" nos estádios espanhóis.
.

"Não quero entrar por aí, mas penso que isso começou a surgir por causa de mim, ainda que não encare isso como algo a ver com racismo. Não acredito que exista em Espanha", considerou Cristiano Ronaldo.
.

Para Ronaldo, os cânticos ofensivos contra os portugueses destinavam-se a desconcentrá-lo.
.

"As pessoas cantavam isso para chatear-me e para que eu jogasse mal, mas é normal. Não nos podemos chatear com o que dizem as pessoas. 
.
Há que ser profissional e dar o melhor dentro de campo. Sinto-me acarinhado pelas pessoas, tanto em Madrid como fora, um pouco menos mas tudo bem, estou à vontade em Espanha e com o seu povo. Estou muito satisfeito", concluiu.

Sem comentários:

Enviar um comentário