Translator

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

" OS PULHAS DEIXAM-NOS EM PANTANAS" OS LEILOEIROS DO PATRIMÓNIO NACIONAL . O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs, onde trabalhou o secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro, Carlos Moedas, tem 5% dos CTT. . O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs é para já o maior acionista dos CTT, com 4,99%. A compra foi feita no dia 5 de dezembro, já depois da privatização. O Deustche Bank anunciou que detém 2,04%. . A tomada de participação por parte do Goldman Sachs foi comunicada há minutos através do sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). O banco de investimento diz apenas que tem os direitos de voto, pelo que esta participação pode pertence a outros investidores. . Expresso Publicada por PÁGINA GLOBAL à(s) 19:29 Sem comentários: Enviar a mensagem por e-mailDê a sua opinião!Partilhar no TwitterPartilhar no Facebook Etiquetas: AMÉRICA DO NORTE, COMPILADO, PORTUGAL

OS LEILOEIROS DO PATRIMÓNIO NACIONAL
 

.
O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs, onde trabalhou o secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro, Carlos Moedas, tem 5% dos CTT.
.
O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs é para já o maior acionista dos CTT, com 4,99%. A compra foi feita no dia 5 de dezembro, já depois da privatização. O Deustche Bank anunciou que detém 2,04%.

.
A tomada de participação por parte do Goldman Sachs foi comunicada há minutos através do sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). O banco de investimento diz apenas que tem os direitos de voto, pelo que esta participação pode pertence a outros investidores.
.
Expresso


OS LEILOEIROS DO PATRIMÓNIO NACIONAL
 

.
O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs, onde trabalhou o secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro, Carlos Moedas, tem 5% dos CTT.
.
O banco de investimento norte-americano Goldman Sachs é para já o maior acionista dos CTT, com 4,99%. A compra foi feita no dia 5 de dezembro, já depois da privatização. O Deustche Bank anunciou que detém 2,04%.

.
A tomada de participação por parte do Goldman Sachs foi comunicada há minutos através do sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). O banco de investimento diz apenas que tem os direitos de voto, pelo que esta participação pode pertence a outros investidores.
.
Expresso


Sem comentários:

Enviar um comentário