Translator

quinta-feira, 25 de abril de 2013

As capas dos jornais e as principais notícias de Sexta-feira, 26 de Abril de 2013.





Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

B. Banheira: Morre atropelado
António Leitão Amaro: Freguesias nas eleições
Ramalho Eanes: Pior altura após abril
Barack Obama: Não às tatuagens
Albufeira: Assalto em aparthotel
Portimão: 20 M € por novo Retail
Turismo: Propostas ao Governo


Capa do Público Público

Depois do Lamborghini, a polícia do Dubai comprou um Ferrari
Aumentaram pedidos para retirada de conteúdos da Google
Seguro tem "todas as condições" para fazer do PS um "factor de esperança", dizem socialistas dos Açores
Líder da esquerda radical grega defende “nova primavera” dos povos europeus
Pacheco Pereira diz que Cavaco desvalorizou a política e a democracia
Jorge Jesus: "Em Lisboa vamos virar a eliminatória"
SATA garante que não está a aplicar faltas injustificadas a grevistas


Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Aviso amarelo de agitação marítima e rajadas de vento
SATA garante que não está a aplicar faltas injustificadas
Cavaco "swap"
Uma citação bem a propósito
Cavaco Silva e o 25 de Abril
SATA garante que serviços mínimos estão a ser cumpridos
Festa portuguesa é amanhã


Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Polícia encontra droga no autocarro de Justin Bieber
Mergulho fatal para jovem bombeiro de Provesende
Mosteiro de Santa Clara tomado de assalto por marginais
Não é pauliteiro quem quer apenas quem tem talento
Bispo espera pagar obras da catedral até meados de 2014
Reitor da UTAD diz que fusão com o Politécnico de Bragança "é inevitável"
Brasil lidera pedidos à Google para remover conteúdos


Capa do i i

Recolhidas amostras de água do rio Coura para apurar origem de mancha suspeita
SATA garante que não está a aplicar faltas injustificadas a grevistas
Chipre. Parcialmente levantadas restrições a movimentos de dinheiro
Governo quer concluir agregação de freguesias até às eleições
Repórter impede que raparigas o beijem em directo - vídeo
Transparência do vestido de Paltrow faz furor na estreia de "Homem de Ferro 3"
Aumentaram pedidos para retirada de conteúdos da Google


Capa do Diário Económico Diário Económico

Uma maioria, um Governo e, agora, um Presidente
Há promessas de Abril por cumprir
O Presidente, o 25 de Abril e o futuro
O erro sistémico de Gaspar
Cavaco Silva força PS a estratégia nacional
“PS não tem recuo possível no pedido de eleições antecipadas”
Governo acena com licença bancária para privatizar os CTT


Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

"Não vamos tirar a EDP Renováveis de bolsa"
"Investimentos nas renováveis vão baixar preços da energia"
"A electrificação vai duplicar. Tenho a sorte de estar no que está a crescer"
Mexia admite novas vendas de activos a fundos nos EUA
Produtores à deriva entre as diferentes políticas de apoio
A austeridade como religião e expiação
Só 41 farmácias usam nova Lei para fechar aos sábados


Capa do Oje Oje

Purificação Tavares: "O maior risco hoje é ter uma empresa em Portugal"
Ascendi e Prio com 1ª área de serviço em AE com combustível low cost
Vila Galé abre hotel no dia 25 de Abril
Porto de Maputo pretende construir estacionamento para camiões na Matola
Angola com 4500 km de estradas em reparação
Governo admite criar crédito fiscal para investimentos até 5 milhões
Devolução de juros aos países intervencionados nas mãos do Eurogrupo


Capa do Destak Destak

EUA estão preparados para responder às "provocações" norte-coreanas -- general Martin Dempsey
Banco Asiático de Desenvolvimento confirma candidato japonês como presidente
Três navios chineses entraram nas águas territoriais das ilhas Senkaku/ Diaoyu
Dois condenados à morte executados hoje no Japão
Henrique Capriles anuncia que vai contestar resultados das eleições na Venezuela
Doze mortos em ataque durante a campanha eleitoral nas Filipinas
Pelo menos 38 mortos em incêndio em hospital psiquiátrico de Moscovo


Capa do A Bola A Bola

Luisão dá os parabéns aos companheiros
Termina a época para Raul Meireles
Cristiano Ronaldo falha derby com o Atl. Madrid
Chelsea: «Podemos ganhar a qualquer equipa» - Benítez
Legião de portugueses na final da Taça
«Foi fantástico ter marcado no último minuto» - David Luiz
Treinador do Fenerbahçe recorda expressão turca: «A bola não quis»


Capa do Record Record

Viola: «Segredo é mantermos a mesma atitude»
Salvio: «Benfica é melhor e vai demonstrá-lo»
Sócios não pagam frente ao Nacional
Um autêntico inferno turco
Taça Libertadores: resultados e classificações
Marco Matias: «Não é bom para o futebol»
Ricardo Santos com receio não vai à Coreia


Capa do O Jogo O Jogo

Minho fez a festa final
AVB diz não ao Real Madrid
Salvio: "Somos mais fortes que o Fenerbahçe"
Segundo jogo, segunda vitória
Benfica passou quatro em dez após perder 1-0 fora
Wenger com medo de Mourinho
David Luiz: "Quero ganhar outro troféu"

MADRID: "PORRADA DE CRIAR BICHO!!!...



La policía antidisturbios golpea a uno jóvenes en las proximidades de la estación de Atocha, Madrid, durante la protesta del 25A.
Andres Kudacki (AP)

O PAULINHO SEGUE DE MAUS ARES

MEMÓRIAS - VISITA DO PM CAVACO SILVA A BANGUECOQUE


 "Desde os 30 e mais anos que vivo na Tailândia estive, sempre, no lugar certo a reportar tudo relativo a Portugal na Tailândia"
.
O PRIMEIRO MINISTRO CAVACO E SILVA EM BANGUECOQUE EM 20-21 DE ABRIL DE 1987Faz hoje 21 anos que o o Primeiro Ministro Prof. Aníbal e Maria Cavaco Silva se encontravam em Banguecoque. A comitiva era composta:

Primeiro-Ministro Prof. Aníbal e Maria Cavaco Silva;
Ministro dos Estrangeiros Pedro e Maria Pires de Miranda;
Dr. José Almeida Fernandes (Chefe de Gabinete do PM);
Dr. António Martins da Cruz - (Conselheiro Diplomático do PM);
Dr. Rui Quartin Santos (Ministro-Conselheiro do MNE);
Dr. José Arantes Rodrigues (Assessor de Imprensa do PM);
Dr. Francisco Sarsfield Cabral (Assessor económico do MNE);
Coronel Luis Marinho Falcão (Director da segurança do PM):
Dr. Luis Xavier de Brito (Médico do PM);
Dr. Fernando Araújo ( Oficial do Protocolo);
Srª. Maria Soares Pires (Enfermeira)
Sr. José Jerónimo Cardoso (agente de segurança ao PM);
Sr. José Santos Duarte (agente de segurança ao PM).
.
Achamos, e porque poderá servir de matéria histórica para os interes-sados, vamos transcrever na íntegra o que se haja passado durante a visita oficial do então Primeiro Ministro Cavaco Silva, durante dois dias (20-21 Abril de 1987) à Tailândia. 
.
A Missão Diplomática de Portugal em Banguecoque estava sob a gerência do embaixador Mello Gouveia. 
.
Diplomata pragmático que tudo que projectava nunca falhava. Uma semana antes (nunca necessitava de muita gente, mas pouco e boa), na sala do expediente da chancelaria reune-se com: Dr. Paulo Rufino, Fernando Oliveira (instalado na chancelaria e a representar o Grupo Amorim, o Chanceler, tailandês, Chalerm e eu José Martins. 
.
Foi dado ao grupo dos quatro as seguintes atribuições: Dr.Paulo Rufino seria a pessoa assistir os diplomatas inseridos na comitiva do Primeiro-Ministro; Fernando Oliveira o homem que deveria estar
permanentemente na chancelaria, na sala de comunicações (nessa altura não havia fax e a Internet uma ilusão!), a receber e a enviar as comunicações para o MNE, acrescentando-lhe a assistência aos jornalistas a que lhes estava franqueado o telex e o telefone para as comunicações para os seus jornais. Eu o homem para assistir a "rapaziada" jornalistica.
.
Na sala de comunicações foi colocada uma geleira (grande) carregada de cerveja e refrigerantes para a "rapaziada" da comunicação social matar a sede. O embaixador Mello Gouveia recomendou ao sempre eficaz Fernando Oliveira: "trata-me bem os jornalistas"! O chanceler Chalerm para tratar dos passaportes da comitiva e a bagagem. 
.
Eu sou o "homem" para exteriores e transportar a "rapaziada" da comunicação social, durante a noite pela cidade de Banguecoque. Durante o dia para transportar o "pivot" da televisão de Macau (TDM), o jornalista Fernando Maia Cerqueira, que reportava para Macau e em parceria com a RTP. 
.
A acompanhar o PM Cavaco Silva estava o João Pacheco Miranda da RTP, que ao fim do dia juntava o material e seria expedido para Lisboa através do Satélite do Canal 5 de Banguecoque. Todos estes serviços estavam por minha conta e não se poderia perder tempo no caminho. 
.
O Canal 5 (televisão sob a tutela do exército, real tailandês foi impecável na assistência) facilitou a sala e todo o material de emissão aos jornalistas João Pacheco Miranda e ao Fernando Maia Cerqueira. 
.
Trabalhavam o material antes do expedir, para Lisboa, como pretendiam. Como nota curiosa e já passaram mais de 20 anos a saídas à noite estavam programadas entre mim e o Dr. Paulo Rufino. Se o Dr. Paulo Rufino ia para uma determinada zona eu seguia para outra diferente. 
.
Bem é que cautelas e caldos de galinha, nunca fizeram mal a ninguém! E nunca confiar na rapaziada da comunicação social, não fossem eles encontrar o grupo da comitiva oficial a beber uns copos num dos bares da "Paptong" acompanhados de umas jovens beldades. Todos os homens são pecadores (embora se apresentem uns "puros"); a ocasião faz o ladrão e não estão livres à tentação de trincar a maçã que uma doce e traiçoeira Eva lhe ofereceu. 
.
Claro está os jornalistas também caiem em tentação, só que para eles há o ditado do frei Tomaz: "lê aquilo que eu escrevo e não repares para aquilo que eu faço"! Surtidas nocturnas muito bem planeadas e tudo correu excelentemente! 
.
Só não teria corrido bem ao jornalistas João Pacheco Miranda da RTP se não tivesse sido eu a desenrascá-lo na casa de massagens "Chao Prya I" para os lados de "Pratunam" área. Ficou tudo arrumadinho (por 700 baths) entre ele e a massagista, dado que ela (jurou-me a pés juntos) que nunca tinha feito uma coisa (que ele lhe pediu) em sua vida... Os jornalistas até dão para umas "cachas" interessantes e a do Pacheco Miranda até seria na altura...

Programa da visita oficial:
20 de Abril de 1987, pelas 10.25 as entidades tailandesas esperam o PM Cavaco Silva e sua comitiva na Sala VIP, do aeroporto da "Força Aérea Real Tailandesa". Os dignatários: H.E. Sr. Pong Sarasin, vice.Primeiro Ministro, sua esposa Senhora Malinee Sarasin.
..
10.40 PM Cavaco Silva e sua comitiva chegam a Banguecoque a bordo do voo TG 603 vindo de Hong Kong. A aeronave estaciona junto à gare do aeroporto militar. Traje: "Lounge Suit" (casaco e gravata).
.
11.00 - PM Cavaco Silva e sua comitiva parte do aeroporto para o Palácio do Governo.
.
11.50 - PM Cavaco Silva é recebido pelo PM tailandês, General Prem. São tiradas as fotos habituais e entre os dois PM houveram troca de palavras durante 15 minutos.
.
12.20 - Chegada ao Palácio do Governo as senhoras de Maria Cavaco Silva e Malinee Sarasin vindas do Hotel Oriental.
.
12.30 - Almoço no Palácio do Governo em honra do Primeiro Ministro de Portugal Cavaco Silva e oferecido pelo PM tailandês General Prem. Toda a comitiva está presente (inclusivamente os jornalistas).
.
14.30 - Fim do almoço e o PM Cavaco Silva e esposa transportados para o Hotel Oriental.
.
14.30 - Ministro dos Negócios Estrangeiros, eng. Pedro Pires de Miranda em "motorcad" segue para o Palácio do Ministério dos Negócios Estrangeiros, onde se encontrará com o seu homólogo tailandês Marechal da Força Aérea Real Tailandesa Siddhi Savetsila. Conversações que se prolongaram por 30 minutos. Transportado o ministro Pires de Miranda para o Hotel Oriental.
.
17.30 - O PM Cavaco Silva dá uma Conferência Imprensa para os jornalistas/correspondentes estrangeiros, locais e portugueses. Cavaco Silva (o autor esteve presente) defendeu os direitos dos timorenses e acusou a Indonésia pela violação dos Direitos Humanos. 
.
Dá-se então um episódio muito curioso no final da conferência, quando foi confrontado com a última pergunta que lhe foi feita, na língua portuguesa, absolutamente correcta, pelo um jornalista tailandês M.L. Tuang Snidvongs que o PM Cavaco, admirado lhe perguntou: "o senhor fala português"? 
.
Tuang Snidvongs expremia-se de facto em português (ao longo de vários anos encontrei-me com Tuang, em eventos comerciais ou conferências de imprensa e sempre falamos na pergunta que fez a Cavaco Silva) e ainda hoje o fala, embora já com muitas frases esquecidas. Tuang Snidvongs explicou ao PM português a razão porque falava português. 
.
É que seu pai tinha sido embaixador da Tailândia em Lisboa e de quando o Tuang era criança viria aprender a língua lusa com os amigos, vizinhos, miúdos como êle.
.
20.00 - Jantar oferecido pelo embaixador Mello Gouveia em honra do PM Cavaco Silva e esposa no restaurante Rim Naam, do Hotel Oriental e na oposta margem. Onde naquele tempo era o mais fino e tradicional restaurante junto à margem do Rio Chao Prya. O PM Cavaco Siva e todos os convidados tiveram que descalçar os sapatos, entrar descalços e assim se conservarem enquanto dentro do Nim Raam. Porém e de realçar o embaixador Mello Gouveia, convidou toda a comunidade portuguesa, residente, em Banguecoque. Era assim o diplomata que lhe dava gosto ter junto a ele, em todos os eventos (desde que não fossem protocolares) os portugueses residentes. 
.
E, bem recordo com saudades, de quando realizava eventos nocturnos no jardim da residência, todos os convidados partiam e, junto à base do pau de bandeira, quedava-se por ali um tempo sem limites a contar histórias e nós os portugueses ficavamos ali a ouvir o contador de histórias que em verdade o era. 
.
Nunca o embaixador Mello Gouveia fez uma festa num hotel ou encomendou comidas de fora (aparte de uma onde esteve o pianista Adriano Jordão), mas todas eram confeccionados na cozinha da residência, onde não faltavam os petiscos portugueses e mesas com fundos em azulejos cheios de garrafas de bons vinhos portugueses. 
.
A fartura de tudo e a hospitalidade foram dons que sempre acompanharam o grande Homem (falecido há uns meses 2013) da diplomacia portuguesa.
.
Dia 21 de Abril de 1987 - Às 9 da manhã o casal Cavaco Silva e toda a comitiva parte para o Gran Palacio e visitam o Templo do Buda Esmeralda. Regressam ao hotel Oriental e às 10.30 embarcam no barco "Oriental Queen" e o Governo Tailandês oferece-lhes um passeio ao longo do rio Chao Pray (Praiá) onde está incluído o almoço. 
.
Às 19.30 partem para o aeroporto de D.Muang. Às 20.30 tomam o voo AF 180 (Air France) Banguecoque Paris e dali para Lisboa. 
.
A visita do PM Cavaco Silva à capital da Tailândia correu pelo melhor sem uma falha que se registasse. Tudo isto se deve ao dinamismo e saber do embaixador Mello Gouveia e aos colaboradores da embaixada, onde eu estou incluído. 
.
Porém vale a pena aqui inserir algumas passagens que o Prof. Cavaco Silva insere no seu livro que o intitula: "Aníbal Cavaco Silva - Autobiografia Política - Temas e Debates - Actividades Editoriais, Lda, relativas a sua visita a Banguecoque:
.
" No regresso a Lisboa parei em Banguecoque, para uma visita oficial de um dia (emendo foram dois), a convite do primeiro-ministro da Tailândia, general Prem Tinsulanonda. 
.
Quando em 3 de Abril de 1987 a Assembleia da República aprovou a moção de censura apresentada pelo PRD e o Governo caiu, pensei imediatamente cancelar a minha visita à Tailândia, no que fui desaconselhado, porque já anteriormente Mário Soares, enquanto primeiro-ministro, tinha, à última hora, cancelado uma visita àquele país. A Tailândia era vista juntamente com a China, a Coreia do Sul e o Japão, como um dos países da Ásia como potencialidades para a expansão das relações comerciais de Portugal. 
.
Era um país com uma herança histórica portuguesa - os Portugueses tinham sido os primeiros ocidentais a chegar ao reino do Sião, nos princípios do século XVI - em cujo estudo e recuperação se empenhava o nosso embaixador, José Mello Gouveia, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian. Portugal era o país da Comunidade Europeia com a mais antiga representação diplomática na Tailândia. 
.
O objectivo principal da minha visita e do ministro Pires de Miranda, que me acompanhava, era dar a conhecer Portugal como membro de pleno direito da Comunidade Europeia, e criar um clima político favorável ao incremento das relações económicas. As trocas comerciais registavam um forte desiquilíbrio - a mandiona era a principal importação de Portugal - e estava em discussão vários projectos de acordos bilaterais no domínio económico. 
.
Considerava-se também de interesse a negociação de um acordo aéreo para que a TAP pudesse escalar em Banguecoque. Timor fez parte da agenda das minhas conversações porque a Tailândia, contráriamente à China, apoiava a Indonésia. A posição portuguesa foi explicada às autoridades tailandesas e fez-se-lhe sentir que, sem a solução da questão de Timor, Portugal não apoiaria o aprofundamento da cooperação entre a Comunidade Europeia e a ASEAN (Associação das Nações do Sudeste Asiático, que englobava a Indonésia, Singapura, Malásia, Tailândia, Filipinas e Brubei), a que a Tailândia dava muita importância. 
.
Em declarações aos jornalistas tailandeses denunciei a violação dos direitos humanos em Timor Leste, o que incomodou autoridades indonésias, tendo o ministro dos Negócios Estrangeiros, dias depois, vindo acusar-me de desconhecimento da situação no território. Estavam então presos na Tailândia dois cidadãos portugueses condenados a 25 anos de cadeia por tráfico de droga. 
.
Na perspectiva da minha visita e ba sequência de diligêncais feitas pelo embaixador português (N.minha Mello Gouveia) foi concedido o perdão real a um deles. Divulguei a notícia na conferência de imprensa que dei em Pequim, no Palácio do Povo, no dia 14 de Abril de 1987".
.
Nota minha: Aqui o Prof. Cavaco Silva entra em erro e se compreende na informação em que diz que foi concedido o perdão real a um deles. Um preso saiu (do sexo masculino) precisamente, em liberdade após um dia da partida do Prof. Cavaco Silva. 
.
A do sexo feminino saiu em liberdade passado um mês. No entanto o perdão já tinha sido concedido e a demora de um mês se deve aos assuntos burocráticos. 
.
Por razão deontológicas (que felizmente ainda se mantêm dentro de mim) não designamos os nomes dos dois detidos, que por várias vezes os visitámos, na cadeia e lhe levamos lembranças. No decorrer do tempo voltaremos a mencionar a visita, oficial do PM Cavaco Silva à Tailândia (hoje o Presidente da República) e quais os frutos que teriam sido colhidos desde há 21 anos.
José Martins

RECOMENDA-SE O VIDEO INSERIDO



Mesmo que já sendo conhecido,justifica novo enca- minhamento...
Campos de Barros

NO COMMENTS  !! (mas é lindo ... usem 1m e 47s do vosso tempo para "ver" o video abaixo)

TRANSMITIMOS





Caras Amigas e Amigos
Para que mais facilmente seja compreendida a actuação e objectivos do IDP(Instituto da Democracia Portuguesa),organização que integro e a quem têm sido confiadas algumas missões,tomo a liberdade de, em anexo, dar conhecimento da tomada de posição da Direcção,relativamente ao 25 de Abril,que hoje se comemora.
Qualquer comentário será recebido com o maior gosto, pois que na diversidade de opiniões é que se constrói,frequentemente,a unidade de objectivos...
Abraço,
Campos de Barros



Nota:Aos que estiverem de acordo com o conteúdo,agradece-se o envio aos contactos que considerarem de interesse.Os antecipados agradecimentos.


Sua Alteza Real, D. Mário Soares




E É PARA ESTE "PARASITA" QUE TEMOS  DE  DAR PARTE  DOS  NOSSOS IMPOSTOS  PARA  SUSTENTAR  A SUA   FUNDAÇÃO !!!
SIM É ESTE PEDANTE  QUE  FICOU  MAL  DISPOSTO COM O GOVERNO E TEM FEITO  TUDO  PARA O  DERRUBAR,  QUANDO ESTE OUSOU  REDUZIR-LHE 10% O SUBSÍDIO  QUE  RECEBE  DO  ESTADO  PARA  A SUA  FUNDAÇÃO !! NESTE  ASPECTO ATÉ  LHE  DOU  RAZÃO !  UM  GOVERNO  QUE  NÃO TEM TOMATES  PARA LHE  CORTAR  O  SUBSÍDIO TODO, NÃO MERECE SER GOVERNO DE  PORTUGAL.
UM  ABRAÇO 
VIZELA CARDOSO  

Sua Alteza Real, D. Mário Soares

Isto vindo da Clara Ferreira Alves deixa-me abananado.

MESMO PARA AQUELES QUE GOSTAM DO “ANIMAL” DEVEM LER ATÉ AO FIM E VER COM QUE TIPO ESTAMOS A LIDAR…
.

Nunca é de mais divulgar as atitudes de tanto patriotismo  !!!
 

Sua Alteza Real, D. Mário Soares
 
Clara Ferreira Alves, no Expresso
.
Tudo o que aqui relato é verdade. Se quiserem, podem processar-me.
.
Eis parte do enigma. Mário Soares, num dos momentos de lucidez que ainda vai tendo, veio chamar a atenção do Governo, na última semana, para a voz da rua.
.
A lucidez, uma das suas maiores qualidades durante uma longa carreira politica. 
.
A lucidez que lhe permitiu escapar à PIDE e passar um bom par de anos, num exílio dourado, em hotéis de luxo de Paris.
.
A lucidez que lhe permitiu conduzir da forma "brilhante" que se viu o processo de descolonização..
.
A lucidez que lhe permitiu conseguir que os Estados Unidos financiassem o PS durante os primeiros anos da Democracia.
.
A lucidez que o fez meter o socialismo na gaveta durante a sua experiència governativa.
.
A lucidez que lhe permitiu tratar da forma despudorada amigos como Jaime Serra, Salgado Zenha, Manuel Alegre e tantos outros.
.
A lucidez que lhe permitiu governar sem ler os "dossiers"..
.
A lucidez que lhe permitiu não voltar a ser primeiro-ministro depois de tão fantástico desempenho no cargo..
.
A lucidez que lhe permitiu pôr-se a jeito para ser agredido na Marinha Grande e, dessa forma, vitimizar-se aos olhos da opinião pública e vencer as eleições presidenciais.
.
A lucidez que lhe permitiu, após a vitória nessas eleições, fundar um grupo empresarial, a Emaudio, com "testas de ferro" no comando e um conjunto de negócios obscuros que envolveram grandes magnatas internacionais.
.
A lucidez que lhe permitiu utilizar a Emaudio para financiar a sua segunda campanha presidencial.
.
A lucidez que lhe permitiu nomear para Governador de Macau Carlos Melancia, um dos homens da Emaudio.
.
A lucidez que lhe permitiu passar incólume ao caso Emaudio e ao caso Aeroporto de Macau e, ao mesmo tempo, dar os primeiros passos para uma Fundação na sua fase pós-presidencial.
.
A lucidez que lhe permitiu ler o livro de Rui Mateus, "Contos
Proibidos", que contava tudo sobre a Emaudio, e ter a sorte de esse mesmo livro, depois de esgotado, jamais voltar a ser publicado.
.
A lucidez que lhe permitiu passar incólume as "ligações perigosas" com Angola, ligações essas que quase lhe roubaram o filho no célebre acidente de avião na Jamba (avião esse transportando de diamantes, no dizer do então Ministro da Comunicação Social de Angola).
.
A lucidez que lhe permitiu, durante a sua passagem por Belém, visitar 57 países ("record" absoluto para a Espanha - 24 vezes - e França - 21), num total equivalente a 22 voltas ao mundo (mais de 992 mil quilómetros).
.
A lucidez que lhe permitiu visitar as Seychelles, esse território de grande importância estratégica para Portugal, aproveitando para dar uma voltinha de tartaruga.
.
A lucidez que lhe permitiu, no final destas viagens, levar para a
Casa-Museu João Soares uma grande parte dos valiosos presentes oferecidos oficialmente ao Presidente da Republica Portuguesa.
.
A lucidez que lhe permitiu guardar esses presentes numa caixa-forte blindada daquela Casa, em vez de os guardar no Museu da Presidência da Republica.
.
A lucidez que lhe permite, ainda hoje, ter 24 horas por dia de
vigilância paga pelo Estado nas suas casas de Nafarros, Vau e Campo Grande.
.
A lucidez que lhe permitiu, abandonada a Presidência da Republica, constituir a Fundação Mário Soares. Uma fundação de Direito privado, que, vivendo à custa de subsídios do Estado, tem apenas como única função visível ser depósito de documentos valiosos de Mário Soares. Os mesmos que, se são valiosos, deviam estar na Torre do Tombo.
.
A lucidez que lhe permitiu construir o edifício-sede da Fundação violando o PDM de Lisboa, segundo um relatório do IGAT, que decretou a nulidade da licença de obras.
.
A lucidez que lhe permitiu conseguir que o processo das velhas
construções que ali existiam e que se encontrava no Arquivo Municipal fosse requisitado pelo filho e que acabasse por desaparecer convenientemente num incêndio dos Paços do Concelho.
.
A lucidez que lhe permitiu receber do Estado, ao longo dos últimos anos, donativos e subsídios superiores a um milhão de contos.
.
A lucidez que lhe permitiu receber, entre os vários subsídios, um de quinhentos mil contos, do Governo Guterres, para a criação de um auditório, uma biblioteca e um arquivo num edifico cedido pela Câmara de Lisboa.
.
A lucidez que lhe permitiu receber, entre 1995 e 2005, uma subvenção anual da Câmara Municipal de Lisboa, na qual o seu filho era Vereador e Presidente.
.
A lucidez que lhe permitiu que o Estado lhe arrendasse e lhe pagasse um gabinete, a que tinha direito como ex-presidente da República, na... Fundação Mário Soares.
.
A lucidez que lhe permite que, ainda hoje, a Fundação Mário Soares receba quase 4 mil euros mensais da Câmara Municipal de Leiria.
.
A lucidez que lhe permitiu fazer obras no Colégio Moderno, propriedade da família, sem licença municipal, numa altura em que o Presidente era... João Soares.
-
A lucidez que lhe permitiu silenciar, através de pressões sobre o
director do "Público", José Manuel Fernandes, a investigação
jornalística que José António Cerejo começara a publicar sobre o tema.
.
A lucidez que lhe permitiu candidatar-se a Presidente do Parlamento Europeu e chamar dona de casa, durante a campanha, à vencedora Nicole Fontaine.
.
A lucidez que lhe permitiu considerar Jose Sócrates "o pior do
guterrismo" e ignorar hoje em dia tal frase como se nada fosse.
A lucidez que lhe permitiu passar por cima de um amigo, Manuel Alegre, para concorrer às eleições presidenciais mais uma vez. A lucidez que lhe permitiu, então, fazer mais um frete ao Partido Socialista.
.
A lucidez que lhe permitiu ler os artigos "O Polvo" de Joaquim Vieira na "Grande Reportagem", baseados no livro de Rui Mateus, e assistir, logo a seguir, ao despedimento do jornalista e ao fim da revista.
.
A lucidez que lhe permitiu passar incólume depois de apelar ao voto no filho, em pleno dia de eleições, nas últimas Autárquicas.
.
No final de uma vida de lucidez, o que resta a Mário Soares? 
.
Resta um punhado de momentos em que a lucidez vem e vai. Vem e vai. Vem e vai.
Vai.... e não volta mais.
Clara Ferreira Alves
Sua Alteza Real, D. Mário Soares
Enquanto tivemos empréstimos, já se lembrou que éramos pobres e que a regra é deixar património para os filhos e não uma herança de dividas?
Para quem tem memória curta!
Não é por acaso que foi cognominado de viajante
A Moral dum exímio gastador!!!!!
.
Alguém se lembra do nosso Presidente Soares e das suas viagens?
.
Vamos lá fazer um resumo de onde foram gastos milhões dos nossos impostos, só em viagens, com a sua comitiva... tudo pago pelo contribuinte, claro!


1986
11 a 13 de Maio - Grã-Bretanha
06 a 09 de Julho - França
12 a 14 de Setembro - Espanha
17 a 25 de Outubro - Grã-Bretanha e França
28 de Outubro - Moçambique
05 a 08 de Dezembro - São Tomé e Príncipe
08 a 11 de Dezembro - Cabo Verde
.
1987
15 a 18 de Janeiro - Espanha
24 de Março a 05 de Abril - Brasil
16 a 26 de Maio - Estados Unidos
13 a 16 de Junho - França e Suíça
16 a 20 de Outubro - França
22 a 29 de Novembro - Rússia
14 a 19 de Dezembro - Espanha
.
1988
18 a 23 de Abril - Alemanha
16 a 18 de Maio - Luxemburgo
18 a 21 de Maio - Suíça
31 de Maio a 05 de Junho - Filipinas
05 a 08 de Junho - Estados Unidos
08 a 13 de Agosto - Equador
13 a 15 de Outubro - Alemanha
15 a 18 de Outubro - Itália
05 a 10 de Novembro - França
12 a 17 de Dezembro - Grécia
.
1989
19 a 21 de Janeiro - Alemanha
31 de Janeiro a 05 de Fevereiro - Venezuela
21 a 27 de Fevereiro - Japão
27 de Fevereiro a 05 de Março - Hong-Kong e Macau
5 a 12 de Março - Itália
24 de Junho a 02 de Julho - Estados Unidos
12 a 16 de Julho - Estados Unidos
17 a 19 de Julho - Espanha
27 de Setembro a 02 de Outubro - Hungria
02 a 04 de Outubro - Holanda
16 a 24 de Outubro - França
20 a 24 de Novembro - Guiné-Bissau
24 a 26 de Novembro - Costa do Marfim
26 a 30 de Novembro - Zaire
27 a 30 de Dezembro - República Checa
.
1990
15 a 20 de Fevereiro - Itália
10 a 21 de Março - Chile e Brasil
26 a 29 de Abril - Itália
05 a 06 de Maio - Espanha
15 a 20 de Maio - Marrocos
09 a 11 de Outubro - Suécia
27 a 28 de Outubro - Espanha
11 a 12 de Novembro - Japão
.
1991
29 a 31 de Janeiro - Noruega
 02 a 04 de Abril - São Tomé e Príncipe
05 a 09 de Abril - Itália
17 a 23 de Maio - Rússia
08 a 11 de Julho - Espanha
16 a 23 de Julho - México
27 de Agosto a 01 de Setembro - Espanha
14 a 19 de Setembro - França e Bélgica
08 a 10 de Outubro - Bélgica
22 a 24 de Novembro - França
08 a 12 de Dezembro - Bélgica e França
.
1992 
de 10 a 14 de Janeiro - Estados Unidos
23 de Janeiro a 04 de Fevereiro - India
09 a 11 de Março - França
13 a 14 de Março - Espanha
25 a 29 de Abril - Espanha
04 a 06 de Maio - Suíça
06 a 09 de Maio - Dinamarca
26 a 28de Maio - Alemanha
30 a 31 de Maio - Espanha
11 a 13 de Junho - Espanha
13 a 15 de Junho - Alemanha
19 a 21 de Junho - Itália
14 a 16 de Outubro - França
16 a 19 de Outubro - Alemanha
19 a 21 de Outubro - Áustria
21 a 27 de Outubro - Turquia
01 a 03 de Novembro - Espanha
17 a 19 de Novembro - França
26 a 28 de Novembro - Espanha
13 a 16 de Dezembro - França
.
1993 
a 17 a 21 de Fevereiro - França
14 a 16 de Março - Bélgica
06 a 07 de Abril - Espanha
18 a 20 de Abril - Alemanha
21 a 23 de Abril - Estados Unidos
27 de Abril a 02 de Maio - Grã-Bretanha e Escócia
14 a 16 de Maio - Espanha
17 a 19 de Maio - França
22 a 23 de Maio – Espanha
01 a 04 de Junho - Irlanda
04 a 06 de Junho - Islândia
05 a 06 de Julho - Espanha
09 a 14 de Julho - Chile
14 a 21 de Julho - Brasil
24 a 26 de Julho - Espanha
06 a 07 de Agosto - Bélgica
07 a 08 de Setembro - Espanha
14 a 17 de de Outubro - Coreia do Norte
18 a 27 de Outubro - Japão
28 a 31 de Outubro - Hong-Kong e Macau
.
1994
02 a 05 de Fevereiro - França
27 de Fevereiro a 03 de Março - Espanha (incluindo Canárias)
18 a 26 de Março - Brasil
08 a 12 de Maio - África do Sul (Tomada de posse de Mandela)
22 a 27 de Maio - Itália
27 a 31 de Maio - África do Sul
06 a 07 de Junho - Espanha
12 a 20 de Junho - Colômbia
05 a 06 de Julho - França
10 a 13 de Setembro - Itália
13 a 16 de Setembro - Bulgária
16 a 18 de Setembro - - França
28 a 30 de Setembro - Guiné-Bissau
09 a 11 de Outubro - Malta
11 a 16 de Outubro - Egipto
17 a 18 de Outubro - Letónia
18 a 20 de Outubro - Polónia
09 a 10 de Novembro - Grã-Bretanha
15 a 17 de Novembro - República Checa
17 a 19 de Novembro - Suíça
27 a 28 de Novembro - Marrocos
07 a 12 de Dezembro - Moçambique
30 de Dezembro a 09 de Janeiro 1995 - Brasil
.
1995
31 de Janeiro a 02 de Fevereiro - França
12 a 13 de Fevereiro - Espanha
07 a 08 de Março - Tunísia
06 a 10 de Abril - Macau
10 a 17 de Abril - China
17 a 19 de Abril - Paquistão
07 a 09 de Maio - França
21 de Setembro - Espanha
23 a 28 de Setembro - Turquia
14 a 19 de Outubro - Argentina e Uruguai
20 a 23 de Outubro – Estados Unidos
27 de Outubro - Espanha
31 de Outubro a 04 de Novembro - Israel
04 e 05 de Novembro Faixa de Gaza e Cisjordânia
05 e 06 de Novembro - Cidade de Jerusalém
15 a 16 de Novembro - França
17 a 24 de Novembro - África do Sul
24 a 28 de Novembro - Ilhas Seychelles
04 a 05 de Dezembro - Costa do Marfim
06 a 10 de Dezembro - Macau
11 a 16 de Dezembro - Japão
.
1996
08 a 11 de Janeiro - Angola
Durante os anos que ocupou o Palácio de Belém, Soares visitou 57 países (alguns várias vezes como por exemplo Espanha que visitou 24 vezes e a França 21 vezes), percorrendo no total 992.809 KMS o que corresponde a 22 vezes a volta ao mundo...
.
Para quê?
Expliquem ao povo para que serviu tanta viagem…
Eis um dos porquês do nosso recurso ao acordo da troika. Para o qual esta Alteza agora quer deixar de ser " fiel "…
.
Mário Soares: A obrigação do PS ser fiel ao acordo da troika chegou ao fim - Economia - Jornal de Negócios
www.jornaldenegocios.pt

 

O 25 DE ABRIL CADUCO




Lá esteve, nas celebrações na Assembleia República o sr. Silva, velho e com cara, enjoada e de poucos amigos...
E também actuou, na escadaria da AR, o grupo alentejano a entoar a "Grândola Vila Morena" que foi a única coisa que se aproveitou... Para o ano haverá mais!




25 DE ABRIL: "COBRAS; LAGARTOS E SAPOS"

 Quinta-feira, 25 de Abril de 2013

DEMISSÃO DE CAVACO E DO GOVERNO É A SOLUÇÃO PARA CUMPRIR ABRIL



Susana Charrua

Ao longo destes últimos anos foi criada a ilusão de que em Portugal não existe alternativa ao atual presidente da República nem ao atual governo. Um e outros são farinha do mesmo saco. Nada mais nem menos que saudosos salazaristas da modernidade. 
 
Com palavras ligeiramente diferentes dos tempos daquele ditador, evocando valores democráticos de suas conveniências e que de valores democráticos só lhes resta a hipocrisia, a falsidade, a defesa dos interesses exclusivos de uma elite que se apoderou dos poderes para ludibriar os valores que em Abril de 1974 foram reconquistados e impostos pelo povo que era quem mais ordenava.

A demissão do governo de Passos Coelho-Paulo Portas é urgente. Mas é igualmente urgente um dos seus suportes: Cavaco Silva, dito atual e pior presidente da República alguma vez conhecido em Portugal. Dito e confirmado.

As alternativas após o derrube destes potentados dos poderes existem. Urge as demissões destes escroques ao serviço da alta finança, dos banqueiros que têm por pátria o cifrão, a exploração, a usura, o saque criminoso, o esclavagismo para onde os portugueses caminham a passos largos. Urgem as eleições, urgem novas políticas e o cumprimento rigoroso da Constituição da República Portuguesa.

Portugal não está a viver em democracia. As mentiras foram as palavras e foi o programa político dos atuais apoderados do governo já ilegítimo e só reconhecido com legitimidade por uma ridícula minoria, por um presidente da República nefasto, cinico, prejudicial à justiça e liberdades conquistadas em Abril de 1974.  Mas a democracia é possível. Demissão de Cavaco e do governo é a solução. Eleições já!

Novo Abril. Novo Portugal.

Imagem em Tugaleaks - Facebook

KAOS:O imbecil


alvaro santos pereira genio plano estrategico

A ODISSEIA DO TINO DE OEIRAS


As capas dos jornais e as principais notícias de Quinta-feira, 25 de Abril de 2013.


Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Agualva: Despiste fere motard
VRSA: Casal ferido em colisão
Rui Rio: “Falta de bom senso”
Setúbal: Mulher extorquiu amante
Pedro Mota Soares: Engana-se a devolver
Teresa Leal Coelho: PSD avança com lei
Acidentes: Tratores ferem dois

Capa do Público Público

Câmara de Gaia condenada a pagar 19 milhões de indemnização pela VL9
O fabuloso destino de Robert Lewandowski
Sorteio do Totoloto
Erros passados e presentes conduziram a “esta degradante situação” do país, diz Rui Rio
Procura de obrigações da SAD do Benfica supera oferta em três vezes e meia
Governo quer mais jovens em cursos com forte componente prática
Isaltino Morais deverá ser impedido de continuar a dirigir a Câmara de Oeiras a partir da prisão

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Homem insulta e agride polícia após bater na mulher
Grândola cantada em Faro para pedir demissão do Governo
A história da Marcha do MFA
Ele há dias assim que são o dia
Cais do Sodré vai ter mais zonas verdes e pedonais
Sensores óticos vão detetar incêndios a partir do verão
"Viver e não apenas recordar" o espírito da revolução

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Radiografia das Forças Armadas
Islândia ordena fim do bloqueio da Visa e Mastercard à WikiLeaks
Carro de compras português Wi-Go vence concurso internacional
Congestionamentos do trânsito em Portugal caíram para metade em 2012
CIA foi avisada para colocar suspeito de atentados de Boston sob observação
Acusam hospital de causar morte da mãe com poupança
Cristiano Ronaldo distinguido com o Troféu EFE

Capa do i i

Cais do Sodré, em Lisboa, vai ter mais zonas verdes e pedonais
Lucro do BPI sobe 3,1% no 1.º trimestre para 40,5 milhões de euros
Congestionamentos do trânsito em Portugal caíram para metade em 2012
25 de Abril. Dezenas "vivem e não apenas recordam" espírito da revolução em Lisboa
António Capucho disponível para entrar nas listas do candidato independente a Sintra
Trabalhadores da Moviflor suspendem greve
Justin Bieber ignora dificuldades financeiras do avô

Capa do Diário Económico Diário Económico

Horta Osório falha alienação de 632 balcões
"O Estado não tem sido um bom negociador"
Lucros do BPI aumentam 3,1% para os 40,5 milhões de euros
BPI reduz dívida ao Estado para 900 milhões
Chipre deve receber em maio primeira parcela do resgate
Zon paga dividendo de 12 cêntimos
Ferreira Leite vai ser "madrinha" de Jean-Claude Juncker

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Greve da SATA provocou cancelamento de reservas de todo o mundo para o rali dos Açores
Lloyds falha alienação de 632 balcões
S&P 500 sobe pela quarta sessão consecutiva animado por resultados da Boeing
BPI vai reembolsar o Estado em mais 100 milhões de euros
F. Ramada distribui dividendos de 0,09 euros a partir de 9 de Maio
TAP reduziu 110 milhões de euros de custos em dois anos
Lucros do BPI aumentam 3,1% no primeiro trimestre

Capa do Oje Oje

Sobreendividamento das famílias em livro de João Gil Pereira
Ascendi e Prio com 1ª área de serviço em AE com combustível low cost
Vila Galé abre hotel no dia 25 de Abril
Porto de Maputo pretende construir estacionamento para camiões na Matola
Angola com 4500 km de estradas em reparação
Governo admite criar crédito fiscal para investimentos até 5 milhões
Devolução de juros aos países intervencionados nas mãos do Eurogrupo

Capa do Destak Destak

Governo chinês vai gastar 38,8 ME para combater gripe das aves
Ataque lembra "que o mal existe" -- George W. Bush
Presidente timorense envia condolências à China pelas vítimas do sismo de Sichuan
Prémios Nobel pedem julgamento justo e transparente para antigo Presidente da Guatemala
Desmoronamento de edifício no Bangladesh causou pelo menos 152 mortos - novo balanço
Seul propõe diálogo oficial com Pyongyang para resolver bloqueio do complexo Kaesong
Coreia do Sul protesta contra homenagem japonesa aos militares invasores

Capa do A Bola A Bola

Salino ainda condicionado
Cássio vai sair para regressar ao Brasil
Tribunal Constitucional chumba Tribunal Arbitral
«Não me dá qualquer prazer ter de despedir pessoas» - Bruno de Carvalho
Otamendi em risco para o Benfica
Liga e Vilankulo chegam a acordo
«O clube em que sonho jogar é o Sporting» - Amaro

Capa do Record Record

Iturbe: «Se Vítor Pereira ficar terei de procurar clube»
«É difícil ao treinador negro ter boas oportunidades»
Beto convidado a continuar na estrutura
Rafa Benítez procura salvar a temporada
«Benfica é favorito»
Defesa de betão... muitas vezes
Yazalde ganhou lugar no onze

Capa do O Jogo O Jogo

Esgrimista sexy nomeada ministra
Neymar tem seguro de vida... do Barça?
Tribunal Arbitral do desporto inconstitucional
Pepe: "Deveríamos ter entrado com tudo"
Wenger diz que Benfica é favorito
"Preferi o Braga ao Panathinaikos"
Lewandowski imita proeza de Falcao