Translator

segunda-feira, 24 de junho de 2013

POBRE BERLUSCONI - A BUNGA -BUNGA FOI O QUE FEZ....




Berlusconi condenado a sete anos de prisão no caso "Rubygate"

Berlusconi condenado a sete anos de prisão no caso Rubygate 

Max Rossi / Reuters

O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi foi hoje condenado por um tribunal de Milão a sete anos de prisão e à inabilitação perpétua para exercer cargos públicos pelo caso "Rubygate". Berlusconi estava acusado de abuso de poder e incitação à prostituição de menor.

A Rubi a peça, principal, do crime. Podemos garantir que o Silvio Berlusconi não ensinou nada à  pequena!!!... O Silvio não aliciou a Rubi e mesmo bode velho que é deve ter aprendido muito com a que dizem menor e bem criada pela graça do senhor.

 

O Palacete do Sampaio - casa do Regalo


Pergunto: Se é assim, porque é que todos os ex-P.R. não são nivelados pelo nível do General Ramalho Eanes?
Irra! não há um que se safe. É desesperante!
O Palacete do Sampaio - casa do Regalo

Vejam a modéstia deste propalado Socialista...
Para ler no dia dos fiéis defuntos, assim mo disse o Luís do ti Tobias…
Mais vida para além do déficit, ou “É a República, estúpido!” Blogue CORTA FITAS, publicado por Rui Crull Tabosa
Regalos republicanos
A bela imagem que acompanha este texto não foi escolhida por acaso.
Trata-se da " Casa do Regalo", um palacete situado "no topo da Tapada das Necessidades, entre frondosa mata", mandado construir pelo rei D. Carlos I para estúdio de pintura da rainha D. Amélia.
Na República serve, não para instalação de entidades oficiais, mas, pasme-se, para gabinete de recreio do reizete Sampaio (que bebe do fino, como se usava dizer), um dos moralistas do regime que gosta de encher a boca com a propalada "ética republicana", a tal que, supunha-se, tinha a ver com igualdade entre os cidadãos e a abolição de " regalias" (lex dixit) e privilégios a quem os já não representa.
Dito de outro modo, no dia seguinte ao termo de funções de chefe do Estado, Sampaio deveria (querer) voltar a ser um cidadão comum, como os demais, enfim, um entre iguais. 
Mas não, claro que o Jorginho gosta de um ambiente apalaçado (mesmo que a Lei 26/84, alterada pela Lei 28/2008, se refira a "gabinete", não a palacete ...), aprecia o séquito de "um assessor e um secretário da sua confiança" e, é claro, não prescinde do "automóvel do Estado, para o seu serviço pessoal, com condutor e combustível".
Pouca despesa, como se imagina, qualquer coisita como, só em pessoal, entre cem mil e duzentos mil euros anuais, ou talvez um pouco mais...
Este espírito desprendido e este viver modesto não surpreendem em tão emérito socialista, ou não tivera ele dito há uns anos, quando recebeu 90 mil euros do Prémio Carlos V, que "O prémio, desta vez, vai ser para mim. Não vai haver associações de caridade. Os tempos vão maus".
Seja como for, neste tempo de profunda crise, em que se corta nos subsídios de férias e de Natal dos trabalhadores, em que antigos governantes vão deixar de poder acumular subvenções com rendimentos privados, urgia dar também o exemplo de acabar com injustificadas regalias de antigos titulares de cargos políticos, a começar pelos ex-Presidentes da República, desde logo revogando as alíneas a) e b) do artigo 6.º da Lei 26/84.
O que, de resto, sempre seria uma exigência do próprio princípio republicano, se, é claro, houvesse vergonha neste País.

E ASSIM O POVO ACORDOU



Clique na transferência

O_povo_acordou.pps
4394K   Visualizar   Transferência  

STCD - GREVE


Dito isto, só faltam os mandatos de captura ..


Não perca de ver video.



BRASIL:"Memória Futura"



DEMOROU...mas CHEGOU....

REENVIANDO
Talvez se compreenda melhor a razão das manifestações no Brasil !

Veja só....é isto que o governo plantou e está colhendo agora...

Click em baixo e veja!!!!

http://www.copaemcuiaba.com.br/

Se não tiver som o video de cima veja o de baixo

KAOS: 12937




cavaco silva mordomo e porco mealheiro
Hoje de manhã ouvi chamá-lo de Mordomo. Gostei.

A PRAGA DO MILÉNIO

O dia chegou!!!

 O dia que Albert Einstein tanto temia finalmente chegou.........
[]
Um dia na praia.
[]
Torcendo pelo time.
[]
Jantando com os amigos.
[]
Durante um compromisso intimo.
[]
Conversando com sua melhor amiga.
[]
Visitando um museu.
[]
Curtindo a vista.
[]
“Tenho medo do dia que a tecnologia vai se sobrepor à interação humana. O mundo terá uma geração de idiotas.”

Quanto custa aos PORTUGUESES a reforma de 3 ex-Presidentes da REPÚBLICA ?




A pergunta que se põe perante estes dados é: Porquê a diferença? Não consigo entender porque o ÚNICO Presidente da República Eleito, DECENTE ,que este desgraçado Portugal teve desde 1974, ganha quase 10 vezes menos que os outros que, se também fossem Decentes, não aceitariam esta incompreensível discrepância.

E VIVA o SUCHALISMO……
Quanto custa aos PORTUGUESES a reforma de 3 ex-Presidentes da REPÚBLICA ?
Os ex- Presidentes da República ( General Ramalho Eanes), D. Mário e D. Sampaio
recebem de reformas 1 MILHÃO de EUROS/Ano, distribuídos da seguinte forma:
General Ramalho Eanes ................€ 65.000/Ano
D. Mário "El Sacador" ..................€ 500.000/Ano  (fora a
Fundação !!!!) ...

D. Jorge Sampaio “El Oportunista”..................................€435.000/ano
SE O GENERAL PODE VIVER COM €65.000/ANO,  ESTES CIVIS QUE SE DIZEM SOCIALISTAS,TAMBÉM.
Só tens que denunciar reenviar já !!!

RECADO PARA A "CORJA" QUE POR AÍ HIBERNA

A COVARDIA POLÍTICA DE CAVACO - PARTE II



Henrique Raposo
 Segunda feira, 24 de junho de 2013
Depois do caso apalhaçado, Cavaco Silva resolveu criar outro caso inexplicável. Em Elvas, um cidadão chamado Carlos Costal dirigiu umas palavrinhas amargas ao Presidente. Os impropérios, ao que parece, foram captados por dois polícias à paisana, que, de imediato, agarraram o senhor. Como se esta humilhação não fosse suficiente, Carlos Costal foi ainda forçado a pagar 1300 euros de multa. Ora, mais uma vez, o paizinho da nação perdeu a chance de revelar grandeza. O Presidente devia ter chamado os polícias para lhes dizer "pá, era mesmo necessário?" e, de seguida, devia ter desistido da queixa. Mas não desistiu. Este tipo de cobardia política não se perdoa.
Ilibar o Sr. Costal era a única saída airosa que o Sôr Presidente tinha à disposição. Para quê lançar o peso do Estado sobre alguém que mandou umas bocas ao Presidente? Para quê? Mais: se uma farpa de um cidadão vale 1300 euros de multa, as acções musculadas da CGTP deviam valer o quê? Chibatadas numa garagem escura de Belém? Por outras palavras, este caso é um absurdo e revela, mais uma vez, a cobardia política de um indivíduo mergulhado numa imensa vaidade pessoal.  Cavaco Silva não tolera qualquer beliscão no seu estatuto, um estatuto que julga sagrado.
Nesse sentido, este caso é sintoma de um mal maior: a distância entre a camarilha que nos governa e a realidade. E aqui existem duas subespécies de distância. Uns não sabem mesmo o que fazer perante a dura realidade que eles próprios criaram. Outros, como Cavaco, até sabem aquilo que é preciso fazer, mas recusam defender certas medidas porque não querem ser associados ao fim de uma época. Em ambos os casos, a conclusão é a mesma: o poder em Portugal está paralisado. As pessoas estão nos cargos, mas não têm poder para alterar a realidade. Este e outros casos (os processos de Sócrates contra jornalistas, por exemplo) revelam precisamente um poder desorientado perante a realidade e focado numa mera encenação de poder. Processar jornalistas e cidadãos é coisa de gente fraca. 



KAOS: A raposa no galinheiro