Translator

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

ESTE BLOGUE APOIA RUI MOREIRA!

Bruno Colaço
 Rui Moreira garante que estes dois novos elevadores são "muito simples e económicos", tendo um orçamento global de 750 mil euros
Candidato independente

Rui Moreira apresenta estratégia de mobilidade para o Porto

O candidato independente à Câmara do Porto Rui Moreira defendeu nesta quarta-feira o  alargamento do horário do metro nas noites de fim de semana e três elevadores para ligação entre cotas, considerando "fantasiosa" a proposta de Menezes sobre as pontes.
O candidato independente, apoiado pelo CDS-PP, apresentou a estratégia de mobilidade para o Porto, que quer que seja sustentável, sugerindo a utilização dos corredores 'bus' também pelos motociclos e uma melhoria dos transportes públicos da cidade.
Rui Moreira propõe um alargamento do horário da rede do Metro do Porto no período noturno, às sextas-feiras e aos sábados, permitindo que as pessoas que se deslocam para a "movida" possam deixar os seus carros em casa.
"Nós sabemos de estudos existentes na Metro do Porto quanto à viabilidade desta proposta e sabemos que isto praticamente não tem custo, ou seja, entre o custo/benefício, porque também há um benefício de bilhética, são valores perfeitamente razoáveis", explicou.
Para resolver os obstáculos criados à circulação pedonal e de bicicletas devido à diferença de cotas na cidade, o candidato propõe a reativação do elevador da Arrábida e ainda a criação de duas ligações mecanizadas intermédias, uma entre a Alfândega e o Palácio de Cristal e outra entre as escadas do Codeçal e a ponte Luiz I.
Rui Moreira garante que estes dois novos elevadores são "muito simples e económicos", tendo um orçamento global de 750 mil euros.
Questionado pelos jornalistas sobre as eventuais pontes para ligar Porto a Vila Nova de Gaia - o candidato independente a Gaia, Guilherme Aguiar, já apresentou a proposta para uma ponte rodo-pedonal - Rui Moreira adianta que, "uma vez eleito o presidente da Câmara de Gaia", terá "todo o prazer em falar com ele e estudar situações de complementaridade em várias áreas, nomeadamente nas áreas das travessias".
"Relativamente a pontes rodoviárias, entendo que neste momento não é prioritário. É possível que seja preciso agilizar travessias pedonais, mas essas têm que ser estudadas em função dos interesses do Porto e de Gaia e, portanto, eu considero que neste momento esse é um debate que não faz sentido", acrescentou.
Rui Moreira disse ainda que "em termos das 13 ou 14 travessias que um candidato já apresentou, parece uma solução absolutamente fantasiosa e que só pode servir para iludir a população", referindo-se implicitamente ao candidato social-democrata Luís Filipe Menezes.
Para resolver o problema do estacionamento no centro do Porto, o candidato sugere três novos parques, resolvendo a situação dos autocarros turísticos e criando lugares a preços acessíveis para os moradores.

As capas dos jornais e as principais notícias de Quinta-feira, 15 de Agosto de 2013.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Museu deixa crianças pintar quadro da Mona Lisa
Ladrões identificados
Acidente mata dois homens
Queda mortal em obras
Morte a bordo de avião em Lisboa
Feridos graves em colisão
Prince dá concerto 'surpresa' em Portugal

Capa do Público Público

Prince dá concerto surpresa sábado em Lisboa
Fogo de Miranda do Corvo dado como dominado
O dia em que o New York Times publicou primeiro no Facebook
Paulo Bento: "Estou muito satisfeito"
Chave do Concurso 65/2013 do Totoloto
"Laranja" de casca rija
O novo Nexus 7 foi melhorado

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Proteção Civil emite aviso à população por causa do calor
Coitadinhos dos camisas castanhas
Porto sentido... com a política
Aterragem de emergência em Lisboa devido a morte
6915 professores sem horário
Chamas ameaçam habitações perto de Miranda do Corvo
Helicóptero combate "praga de mosquitos"

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Liga dos Bombeiros culpa INEM por qualquer atraso na prestação de auxílio
Pouca roupa e poses "sexy" para 2014
Há 18 mil professores a aguardar colocação
Praga de insetos afeta 15 mil pessoas em Guimarães
Ex-namorado de Barcelos recebe 7,2 milhões ganhos no Euromilhões
Confrontos no Egito provocaram pelo menos 278 mortos num dia
Portugal empatou a um golo com a Holanda no Algarve

Capa do i i

Capa do Diário Económico Diário Económico

S&P no vermelho pela sexta sessão consecutiva
Soares da Costa reduz prejuízos para 9 milhões no primeiro semestre
Ministério identifica 6.915 professores sem turma atribuída
PIB português anulou queda de mais de 7% da PT
"Estamos num momento de viragem"
Ex-banqueiros do JPMorgan acusados de tentar ocultar perdas
Egipto declara estado de emergência por um mês

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Forbes: Como "a menina do papá" fez fortuna
Bolsas dos EUA caem com receios da Fed e revisões de resultados de retalhista
Vendas de smartphones superam as de telemóveis pela primeira vez
Vice-presidente do Egipto demite-se
Quase sete mil professores com "horários-zero" a 31 de Julho
Banco de Portugal alerta que a euPago não está habilitada a exercer actividades financeiras no país
Fernando Costa impedido de se candidatar à Câmara de Loures

Capa do Oje Oje

Soares da Costa reduz prejuízos para 9 milhões no 1º semestre
PSI20 fecha em alta com números do crescimento do PIB
Fortuna de Isabel dos Santos vem do poder do pai, diz Forbes
Portugal usa dividendos do Banco de Portugal para ajudar Grécia
Portuguesa Link Consulting firma parceria com BWise
Bolsa de negócios de Huíla abre hoje com participação portuguesa
Sociedade de Jogos de Macau lucra 370 milhões no semestre

Capa do Destak Destak

Cantora Kate Perry critica oposição australiana por ser contra casamento gay
Gibraltar ganha mais terreno ao mar com novo quebra-mar na zona leste -- imprensa
Cisco anunciou corte de 4.000 postos de trabalho
Ordenada detenção de narcotraficante mexicano libertado para ser extraditado
Conselho anti-corrupção da Venezuela propõe reforma do Estado ao Presidente
Espanhol Rafael Nadal venceu alemão Becker no torneio de ténis de Cincinnati
Seul propõe retomar assuntos pendentes com Pyongyang após acordo histórico

Capa do A Bola A Bola

Benvindo Moreno está de saída
Marcão tenta seguir para o Irão
Guarín elogia Quintero e aprova Rolando no Inter
Lima Pereira à experiência na equipa B
Castro vale seis milhões de euros
Markovic poupado na seleção por precaução
Cássio à espera de Rui Patrício

Capa do Record Record

Osvaldo não faz parte dos planos
Jeffren quer a Venezuela
Miguel Veloso: «Iremos para Belfast bem mais avisados»
Presença de Hurtado em risco
Criativo foi ao Jamor
Segundas linhas respondem bem
Djuricic: «Foi uma boa preparação para jogo com Marítimo»

Capa do O Jogo O Jogo

Quem será o campeão inglês?
Avançado da Roma apontado ao Benfica
O que Ronaldinho fazia antes dos jogos
Ancelotti prescinde de Bale
A fotografia que faz furor nas redes sociais
Calcanhar Negredo abre vitória espanhola
Mourinho? "Não falo dessa pessoa"

O MUNDO “CÃO” ONDE NASCEMOS


Filme premiado em Fevereiro de 2006, no 56.º Festival Internacional de Filmes de Berlim, na categoria de curtas metragens sobre o tema: “ FOME, DEGUSTAR e FOME”. Participaram neste festival 3.600 cineastas de todo o mundo. Apenas 32 filmes foram escolhidos para serem exibidos no Berlinale Talent Campus. Este filme, no link abaixo, foi declarado como o Mais Popular. Dêem uma olhadela! Não vão ficar indiferentes!
In February 2006, at the 56th Berlin International Film Festival filmmakers were invited to join a short film competition on the theme:”FOOD, TASTE and HUNGER”. 3.600 filmmakers from around the world joined this competition. Only 32 films were chosen to be screened at the Berlinale Talent Campus!
This short film, in the link below, was adjudged as the Most Popular. Take a look! It won’t leave you indifferent!

OS "PENDURICALHOS" CAMARÁRIOS

A Frase

E eis agora que a febre da impugnação dos concursos para porteiro ou catedrático saltou para a eleição dos alcaides. A base das impugnações tradicionais, já o disse, está no torcer das leis. Ora, agora, temos melhor: uma lei feita torta de propósito. Uma lei viciosa, sempre a pedir: vá, torce-me toda... Para as autárquicas os deputados inventaram uma lei com um penduricalho (uma mudança de "presidente da câmara" para "presidente de câmara") ávido de pareceres.
Ferreira Fernandes, Diário de Notícias