Translator

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

"TEM TENTADO LUDIBRIAR A LEI...."



O Supremo Tribunal de Justiça brasileiro chumbou o pedido de Habeas Corpus apresentado pela defesa de Duarte Lima. Isto, apesar de o parecer do Ministério Público Federal defender o provimento deste recurso. Por maioria de votos, o colectivo de juízes negou o recurso que pedia a revogação da prisão preventiva decretada ao advogado português no caso do homicídio de Rosalina Ribeiro, do qual Duarte Lima foi acusado.

Sem comentários:

Enviar um comentário