Translator

sábado, 5 de abril de 2014

A FRASE

Depois de custos de pelo menos sete mil milhões de euros, que saíram do bolso dos contribuintes, sem nenhuma condenação entretanto e com inqualificáveis prescrições à vista, o BPN é sempre um tema quente. Que queima quem nele toca. Mesmo quando parece estar em fase de rescaldo, basta um pequeno sopro para o atiçar. Mais do que isso, temos o fogo de novo ateado e sem controlo. Durão Barroso, sabendo dos perigos, arriscou ser incendiário. Chamuscou quem quis atingir, é certo. Mas foi ele quem acabou por ficar mais queimado
Filomena Martins Diário de Notícias

Sem comentários:

Enviar um comentário