Translator

quinta-feira, 3 de abril de 2014

DESABAFO DE ALGUÉM



O texto abaixo não é deste blogue
Já reparou que o primeiro-ministro, sim o tal Passos Coelho, a ministra da justiça, o Relvas, etc... são "retornados" ( alguns são de facto refugiados, pois nasceram em África, victimas do tal 25A ) que estão a tentar salvar este pobre país.
.
É irritante, eu sei, que os malandros dos retornados  ESTÃO A PÔR ORDEM "NISTO".
.
A Mariza(embaixadora "portuguesa" do Fado), o Sheu,  o odiado CARLOS QUEIROZ  (que deu 2 campeonatos de sub 20 a Portugal, o CARLOS LISBOA (o melhor basquetebolista "português" de sempre), o JOSÉ RODRIGUES DOS SANTOS (o "português" que vende mais livros) são "RETORNADOS" e não contando com os filhos dos retornados/refugiados que infestam a sociedade.......
.
Até o "cérebro" do 25 A um proto-ditador chamado  Carvalho, nascido, infelizmente, em Moçambique,  que tentou implementar uma ditadura de esquerda em Portugal, ou já se esqueceram do COPCON (inspirado na KGB, com ordens de detenção em branco), a detenções sem julgamento,  as nacionalizações, os saneamentos (em que esteve envolvido um senhor que foi prémio nobel), o verão quente, a tal reforma agrária...... e já agora a democraticíssima descolonização exemplar, em que entregaram de bandeja, tudo, a movimentos comunistas....... sem atenção à vontade do povo desses países (e essas bestas, os descolonizadores, dizem-se democratas....).
.
Se pensarem bem o estado ACTUAL do país deve muito a esses tempos selvagens de 1974 - 1990.
.
Com o país cada vez mais perto de se tornar na a 21ª província de Angola, dado o controlo imenso que os Angolanos têm das áreas chave da economia, ex..... Zon, Galp, BCI, BPI, JN, BOLA, áreas enormes da costa vicentina...... etc... etc.... e colónia chinesa ( não esquecer que a CHINA é comunista, logo  todo o investimento aqui é controlado pelo COMITANG...).
.
Com isto tudo estou curioso do entusiasmo que as comemorações dos infelizes 40 anos do 25 A vão ser acolhidas pelo povão cá do burgo.....
E viva o 25 A

Sem comentários:

Enviar um comentário