Translator

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

As capas dos jornais e as principais notícias de Terça-feira, 7 de Janeiro de 2014.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Cristiano Ronaldo dedica os dois golos ao Pantera Negra
Supremo do Brasil decreta prisão de mais um deputado
Pelé diz que Eusébio era um irmão
Descoberto túmulo de faraó com 3.800 anos
Hospital Garcia de Orta vai aumentar resposta nas urgências
Goucha lamenta ter adivinhado destino de Passos
Nova rota da TAP com mais de 6 mil reservas

Capa do Público Público

Câmara de Paredes aprova apoio de 800 mil euros às vítimas de tornado
O tempo e a política
Rui Rio critica Estado por ter duvidado do rigor das contas da SRU Porto Vivo
As escolas superiores de educação e o ministro Nuno Crato
Eusébio, o Panteão e certas conveniências
A falsa justiça fiscal e a falta de transparência
Cartas à directora

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Comparemos Eusébio com Cristiano Ronaldo
Seria boa ideia não poupar nisso
Sindicato alerta para volume de saídas da PJ
Detido encontrado morto na cela do aeroporto de Lisboa
Mar galgou paredão da Costa da Caparica
Agitação marítima deverá manter-se até às primeiras horas de terça-feira
Onda arrasta carros e corta estrada na Foz do Arelho

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Três pessoas da mesma família arrastadas por onda na Galiza
Vaga de frio nos EUA obriga a medidas excecionais
Ordenados em atraso e despedimentos na União de Sindicatos
Homens já tinham cáries há 15 mil anos
Carlos Sousa tenta terminar etapa do Dakar com o turbo partido
Mar em fúria despedaça o desafiador "Shis"
Cristiano Ronaldo dedica os dois golos ao "pantera negra"

Capa do i i

Protecção Civil alerta para cheias, inundações e acidentes na orla costeira
Lixo em Lisboa já foi "removido quase na totalidade"
Swap. Relatório alterado não assume responsabilidades do actual governo
Renato Seabra, homicida de Carlos Castro, tem novo advogado
Filho de Daniela Ruah chama-se River Isaac
Grécia acusa troika de erros na aplicação de austeridade
Eusébio: Parlamento da Madeira adia sessão plenária de terça-feira

Capa do Diário Económico Diário Económico

Pensionistas já afectados pela CES vão sofrer novos cortes
Estado prepara emissão de dívda de médio prazo esta semana
Hipermercados teme fim das promoções com nova lei
Portuguesa BA desiste da La Seda e assume perda 50 milhões
Passos vai estar presente no Congresso do CDS
Eusébio acima de cores e sem limites de idade
Apollo propõe Caixa Poupança duas vezes maior que previsto

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Senado aprova Janet Yellen para presidente da Fed
Comércio: A rota oriental em busca do futuro
O Ninja Corporativo
Dor e pecado. Tudo isto é fado?
Euro: a perspectiva dos críticos
A idade do desenvolvimento sustentável
2014

Capa do Oje Oje

Crescimento estagnou no último trimestre do ano
Lucro da HTC afetado por marcas chinesas
REN investe 9 milhões de euros no Seixal
Samsung aposta nos sistemas para o setor automóvel
JPMorgan passa a deter 3,1% na REE
Católica Porto Business School lança curso em Gestão Internacional
Renault Mégane Sport Tourer Bose Edition: surpreende pelo dinamismo

Capa do Destak Destak

Realizadora neozelandesa Jane Campion preside a Festival de Cinema de Cannes
Detido alegado autor de atentado que causou oito mortos na Colômbia em 2001
Equador reduziu homicídios e aumentou apreensão de droga em 2013
ONG expulsa baleeiros japoneses de zona protegida da Antártida
Incêndio destrói embaixada da Venezuela e causa danos nos escritórios da OEA em São Cristóvão e Neves
Juiz declara inconstitucional proibição da venda de armas em Chicago
Ministro australiano recusa comentar alegada recusa de barco com requerentes de asilo

Capa do A Bola A Bola

Kovacevic tem ordem para sair
Afinal, há confiança no treinador
Bilhetes para a Luz esgotados em 3 horas
Direção pediu mais empenho aos jogadores
Gustavo Henrique, a nova torre do Santos
Luís Filipe Vieira pede estádio completamente cheio frente ao FC Porto
A despedida de Eusébio em fotos

Capa do Record Record

À espera da melhor casa
Diego Costa e Koke intocáveis
João José: «Grupo está unido para ir ao Europeu»
7 de janeiro
QPR não vai renovar contrato de Onyewu
Armando Silva: «Ninguém no Paços marcou 5 golos...»
Pau Gasol com futuro incerto

Capa do O Jogo O Jogo

Ter Stegen mais perto do Barcelona
O polémico gesto de Di María
Prémios maiores da Lotaria Clássica
Hurtado emprestado ao Peñarol
Ronaldinho perto do Besiktas
"Dedico-te os dois golos, mas foste tu que os marcaste"
Pedro Martins recebe voto de confiança

TRANSCREVEMOS

Na Morte Uns São Filhos, Outros Enteados


"Breve é a loucura, longo o arrependimento." - Friedrich Schiller (1759 - 1805), A Canção do Sino
 .
O povo português, no próximo verão quando houver fogos florestais, que chame a equipa do Benfica, ou do Sporting ou do Porto ou até a Selecção Nacional para apagar os fogos e salvar os seus bens das chamas. 
.
Podem até disponibilizar os autocarros das equipas, pois fazem sempre falta transportes para ajudar a transportar os milhares de bombeiros e ajudantes voluntários que nessa altura colocam sempre mãos à obra. 
.
As claques de futebol, na maioria constituídas por marginais e doidos varridos que só vêem bolas de futebol à frente, também podem ser convocadas para combater os incêndios, pois já que têm tanta força para gritar, assobiar e andar à pancadaria pelo futebol, também têm força para carregar mangueiras e outro material de combate a incêndios como eu já o fiz uma vez na Serra do Caldeirão correndo risco de vida, rodeado de fogo e fumo e com um calor infernal à minha volta que até fazia arder os olhos e a pele. Tenho dito. 
.
Quanto ao grande Eusébio, que eu muito admirava e continuarei a admirar para sempre, só espero que descanse em paz.
João José Horta Nobre
Janeiro de 2014

"SUPHANBURI - TAILÂNDIA - JOGOS NACIONAIS

Assim foi. Longe estaria de saber que no domingo passado iria encontrar, em Suphanburi cidade a pouco mais de 120 quilómetros de Banguecoque os "42.º Jogos Nacionais da Tailândia". Mas o meu motivo de deslocação à pequena cidade, mas de grande pujança e terras fértis de arroz, seria para assistir ao encontro de futebol, amigável, entre o SCG Muanthong United e Suphanburi F.C. domingo dia 6. Jogo sem importância e pensei para aquecimento e confontrar forças dado que a próxima Liga de 2014 tem início próximo mês de Fevereiro. Porém estranhei que os hoteis que procurava instalar-me (as minhas hospedagens, na Tailândia, nunca vão além dos 500 bates, cerca de 12 euros), estavam todos reservados. 
Consegui reserva de três dias num hotel acabado de construir. Fui passando, os dois dias antes do jogo, no quarto do hotel e dando umas voltas pela cidade. Domingo parti para o estádio com o meu "press card" pendurado ao pescoço e desde logo encontrei um movimento fora do comum. 
A polícia vedou-me a entrada para o recinto do estádio e gravemente, sem ouvir que eu tinha o direito de entrar como acreditado na imprensa, nas tintas, para o meu clamor e lá tive que seguir para mais de um quilómetro do estádio. Gaita para isso vou agora carregar com a mala de uns 15 quilos com câmaras e lentes para o "press room"?. Não, não e não pode ser eu tenho que entrar para o estádio!!!... 
Aventurei e saí do parque onde já parcavam umas centenas de carros e na rua dirigi-me a um graduado da polícia e no meu tailandês, macarronado, mostrei-lhe o cartão, abri a mala da "cangalhada" fotográfica e tenho perante mim um polícia entendedor e ordenou-me a volta ao quarteirão, depois de pelo pequeno transmissor falar com um colega do portão para deixar entrar o "farangue" (estrangeiro na Tailãndia) no exterior do estádio.
O meu "press card" não valia nada para este evento e deveria ter-me acreditado dois dias antes... Não, não e não pode ser... Lá consegui (depois de me perguntarem no press room se tinha uma foto comigo, claro que sim e sempre com meia dúzia na carteira), ali mesmo ser acreditado e o único estrangeiro presente ao evento. 
Entendi então que pelas 6 horas da tarde iria ter começo um espectáculo deslumbrante de luz cor, o quadragésimo segundo jogos nacionais da Tailãndia. As imagens a seguir bem retratam a beleza do evento, nacional desportivo.
José Martins
Um trabalho, artisticamente, executado por jovens estudantes que periodicamente vão dando forma a imagens. Na gravura a família real de Sua Majestade o Rei da Tailândia
Nesta mudança de imagem surge Sua Santidade o Lorde Buda reclinado.
Jovens lindissímas aguardam para entrar no estádio com taças de cerâmica com pétalas de flores amarelas.
As mulheres tailandesas, estas queridas, são as mais lindas e de sorriso que existem no mundo!
...uma das minhas paixões, como fotógrafo "jeitoso" e captar imagens a mulheres bonitas....
É impressionante como o painel da bancada central constantemente muda a imagem... são milhares de jovens ali sentados a manobrarem pequenos  cartazes que sicronizam sem falhas,,,
Dançarinas dão início ao evento
Aguardam para entrar no seu tempo no estádio
Altas individualadas na tribuna de honra (não menciono nomes de cada um embora os conhecemos)
Atletas e dirigentes no desfile de abertura
O meu amigo Paul Blieck, belga, "doente" da bola e adepto do SCG Muangthong tira uma fotografia... O Paul acompanha o Muaanthong para todos os lados quer o clube jogue na Tailãndia ou no estrangeiro.
Elegantes jovens transportam os dísticos a que localidade o grupo que vem trás pertence
Dois coelhinhos mascarados. Um com o facho dos jogos
Lá vai ela... passa ligeira com ar de namoradeira....
Cerca de uma hora demorou o desfile dos atletas...
Da tribuna de honra duas individualidades e homens bons da terra batem palmas ao grupo que passa na pista de tartan
Os directores desportivos cumprimentam os homens bons da terra virados para a tribuna de honra
Jovem, bonita e elegante...
Um jovem de rara estatura para o nível dos homens tailandeses
Outra magnifica imagem da bancada. Como acima referimos mudavam constantemente de imagem
Atletas a desfilar onde parte deles são muçulmanos.
Poderíamos aqui designar este grupo de  atletas "os verdes"
E a extremamente elegante olhou para mim, pressionei o botão da Nikon e saiu esta maravilha, alta, esbelta e bonita!
O estádio principa a encher-se de atletas. Uns milhares largos
E agora a bandeira nacional da Tailândia da bancada
Dirigentes desportivos da Tailândia proferem seus discursos dirigidos às individualidades na tribuna de honra
E dá-se inicio ao lançamento do fogo de artíficio
O céus é rasgado, em todas as direcções
Houveram alguns desmaios. O desfile foi longo, a temperatura ajudou e a não possibilidade de ingerir água durante a cerimónia de abertura...
A jovem a desfalecer é ajudada por duas pessoas
Imediatamente foi socorrida por pessoal paramédico que a levam de imediato para a tenda de assistência clinica no local
Um cantor executa uma canção patriótica...
Dançarinas trajadas no costume da era de Ayuthaya e no tempo que Tailândia se chamava Reino do Sião
Um mundo majestoso de luz, som e cor...
Mais uma sério de fogo de artifício é lançado
O céu cobre-se de cores....
Pirotecnia artística
Uma figura feminina da mitologia siamesa
Um carro puxado por vários homens leva-nos ao  esplendor do principio do século XVI de quando os portugueses chegaram (1511) à Tailândia.
Entram em acção os acobratas...


A chama dos jogos é empunhado por um atleta
Desta casa a chama é transportada para um vaso no topo da bancada onde estará acesa até a 15 de Janeiro
É lançada outra série de fogo..
E agora um grupo movimenta-se e vira-se para a bancada principal...
Mais fogo de artifício...
Termina o espectáculo com raios laser a riscarem o escuro do céu
Os milhares de jovens que executaram, da bancada, as magnificas imagens que deliciou todos os presentes.
José Martins