Translator

domingo, 12 de janeiro de 2014

A ANÁLISE DA “BORRADA” – AQUILO POR LÁ É UMA MÁFIA, CONSTITUÍDA, DE ARTISTAS!!!...


A Frase


Paulo Portas e os congressistas do CDS acreditarão que evitaram males maiores ao país, mas não podem presumir que o país acredita no mesmo. Quem governa junto, ganha ou perde em conjunto, mesmo que vá a votos sozinho. Basta consultar os resultados de 2005 e ver o que aconteceu.
Paulo Baldaia Diário de Notícias
.
P.S - A grafia e título genérico e da responsabilidade deste blogue

O PASSOS COELHO QUE SE CUIDE!


.
"A BORRADA sabendo que o PSD não tem hipótese nas  próximas legislativas, já de pésinhos de lã com o PS, para no futuro proceder a uma coligação... Com esta BORRADA não se aprende nada!!!" BORRADA, vigária, com convicções... A PM ou a PR deste pobre país entregue a governos de ruim gente. Porém no PS a  BORRADA terá lã a Ana Gomes que lhe fará a vida cara para a penetração. A BORRADA, necessita de aguentar os blá-blá boys do CDS-PP"


Maria Flor Pedroso | Publicado há 38 minutos
Paulo Portas foi hoje reeleito presidente do CDS-PP e fechou o Congresso a pedir ajuda ao PS para terminar o programa de assistência, vaticinando que a atual coligação será a primeira a terminar o mandato em Portugal.

A vida selvagem em Lisboa









An English video about bird life in Lisbon
 
Clique

BINGO!!!



Os Portuguese irao, mais uma vez, pagar a "nova"PPP: ANA, e os interesses escondidos da Vinci -- Jornal de Noticias

ANA, grávida da nova Lisboa, ou... a Cabala que esta montada na concessao da ANA:
.
PUBLICADO NO JORNAL DE NOTÍCIAS
Ah sim, o discurso de Cavaco. Talvez, talvez, depende, Adiante. Falemos de coisas concretas e consumadas: o
casamento da ANA uma historieta que tem tudo para sair muito cara. 
.
Passo a explicar: a ANA geria os aeroportos com lucros fabulosos para o seu pai, Estado, que, entretanto falido, leiloou a filha ao melhor pretendente.  Um francês de apelido Vinci, especialista em autoestradas e mais recentemente em aeroportos, pediu a nossa ANA em casamento. 
E o Estado entregou-a pela melhor maquia (três mil milhões de euros), tornando lícita a exploração deste monopólio a partir de uma base fabulosa: 47% de margem de exploração (EBITDA) O Governo rejubilou com o encaixe... 
Mas vejamos a coisa mais em pormenor. O grupo francês Vinci tem 37% da Lusoponte, uma PPP (parceria público-privada) e assente numa especialidade nacional: o monopólio (mais um) das travessias sobre o Tejo. Ora é por aqui que percebo por que consegue a Vinci pagar muito mais do que os concorrentes à ANA. 
As estimativas indicam que a mudança do aeroporto da Portela para Alcochete venha a gerar um tráfego de 50 mil veículos e camiões diários entre Lisboa e a nova cidade aeroportuária. É fazer as contas, como diria o outro... Mas isto só será lucro quando houver um novo aeroporto. Sabemos que a construção de Alcochete depende da saturação da Portela. Para o fazer, a Vinci tem a faca e o queijo na mão. 
Para começar pode, por exemplo, abrir as portas à Ryanair. No dia em que isso acontecer, a low-cost irlandesa deixa de fazer do Porto a principal porta de entrada, gerando um desequilíbrio turístico ainda mais acentuado a favor da capital. A Portela ficará livre para os interesses imobiliários ligados ao Bloco Central que sempre existiram para o local. Bingo!
Mas isto não fica por aqui porque não se pode mudar um aeroporto para 50 quilómetros de distância da capital sem se levar o comboio até lá. Portanto, é preciso fazer-se uma ponte ferroviária para ligar Alcochete ao centro de Lisboa. 
E já agora, com tanto trânsito, outra para carros (ou em alternativa uma ponte apenas, rodoferroviária). Surge portanto e finalmente a prevista ponte Chelas-Barreiro (por onde, já agora, pode passar também o futuro TGV Lisboa-Madrid). Bingo!
E, já agora: quem detém o monopólio e know-how das travessias do Tejo? Exatamente, a Lusoponte (Mota-Engil e Vinci). Que concorrerá à nova obra. Mas, mesmo que não ganhe, diz o contrato com o Estado, terá de ser indemnizada pela perda de receitas na Vasco da Gama e 25 de Abril por força da existência de uma nova ponte. Bingo! 
Um destes dias acordaremos, portanto, perante o facto consumado: o imperativo da construção do novo grande aeroporto de Lisboa, em Alcochete, a indispensável terceira travessia sobre o Tejo, e a concentração de fundos europeus e financiamento neste colossal investimento na capital. O resto do país nada tem a ver com isto porque a decisão não é política, é privada, é o mercado... 
O casamento resultará nisto: se correr bem, os franceses  se ainda estivermos em Portugal, claro.

"TEMOS GENTE MUITA BUÉ.... ESTE VAI PROPOR OUTRAS VENDAS DE "TARECOS" PORTUGUESES AOS AMERICANOS


Este e outros nos meandros politiqueiros venderam a alma ao diabo... O sentido da Pátria deixou de existir e os afectos deste de outros (que andam por aí) é o dinheiro fácil, quanto mais melhor e Portugal ainda tem algo para penhorar aos americanos. - José Martins


Luís Filipe Fonseca/Arthur Paiva
O PS denuncia uma confusão entre política e negócios e exige explicações ao Governo. Os socialistas lembram que o antigo ministro foi um dos intervenientes em privatizações como a dos CTT em que o banco é o maior acionista. O Bloco de Esquerda alinha nas criticas e o PSD olha para esta nomeação com agrado.

As capas dos jornais e as principais notícias de Domingo, 12 de Janeiro de 2014


Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Seguro não entende estranheza do primeiro-ministro por PS recorrer ao TC
Leões com meio falhanço na Amoreira
Três distritos em alerta amarelo no domingo
Esgotos de Olhão ameaçam ria Formosa
Pai é parteiro do próprio filho em casa
Nápoles identifica ADN nas fezes dos cães para multar donos
Cinzas de vítima da tragédia no Meco devolvidas ao mar

Capa do Público Público

Cartas à Directora
Pousar a mala, e levantar a cabeça
O que fazer agora?
O país sem Eusébio
Patricio Guzmán: “O documentário é a música de câmara do cinema”
Pires de Lima sai do Conselho Nacional e é substituído por Telmo Correia
Obama e os Monty Python

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Braga, Viana do Castelo e Porto em aviso amarelo
Presunção irrevogável
Jovens encontram corpo de mulher de pés e braços amarrados
Idosa ficou sem 250 mil euros após aceitar bruxaria
162 médicos investigados por fraudes ao SNS desde 2011
Olha, o Álvaro não foi por aí...
Mulher encontrada morta com mãos e pés amarrados

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Assassinado vice-ministro da Indústria líbio
Telmo Correia no Conselho Nacional e Anacoreta candidato contra Portas
Benfica-Porto, um jogo mais importante do que o próprio futebol
Atropelamentos duplicaram no distrito de Braga
70 aceleras multados por dia no distrito do Porto
Irina: Uma brasa em biquíni
Misericórdias tocam a vida de meio milhão de pessoasà lupa

Capa do i i

UGT exige saber o que correu mal com agenda açoriana de combate ao desemprego
Governantes europeus elogiam papel no fim dos colonatos da Faixa de Gaza
Quaresma estreia-se no regresso de Helton, Maicon e Carlos Eduardo no FC Porto
Sindicato do MP contra escutas para investigar violações do segredo de justiça
Goldman Sachs dá "posto de luxo" a Arnaut para pagar apoio dado nas privatizações, diz BE
Movimento Irrevogável inaugura relógio com promessas eleitorais não cumpridas
Infanta Cristina abdica do recurso e vai comparecer perante o juiz, dizem advogados

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Seguro não entende estranheza do primeiro-ministro por PS recorrer ao TC
Passos Coelho apela a entendimento entre partidos no pós-troika
Pires de Lima: Não há um "modelo empresarial de sucesso baseado em pobres salários"
Anacoreta Correia: "Se for preciso, serei candidato à liderança do CDS"
Telmo Correia: "O normal é que PSD e CDS se apresentem sozinhos às legislativas"
Vítor Gaspar candidata-se a alto cargo no FMI
Nuno Melo: Em Portugal "os socialistas gastaram o dinheiro todo"

Capa do A Bola A Bola

Johane pode chegar a qualquer momento
Neto apadrinha escolinhas
Bétis na corrida por Mario Rondón
Jogo do Rio Ave atrasou uma hora
Nápoles também observa Maicon
Ola John afunda-se
Chelsea ao ataque por Matic

Capa do Record Record

Hugo Vieira força regresso
João Sousa: «Qualifiers já vêm com ritmo de jogo»
V. Guimarães cede em Barcelos
Joeano: «Míster pediu e fui feliz»
Seleção quer acabar com uma vitória
Merengues só dependem de si
Souza: «Adeptos fanáticos»

Capa do O Jogo O Jogo

ABC festejou 80 anos
Barcelos bateu Guimarães
Faleceu durante a prova da filha
Barcelona e Atlético de Madrid: 50 pontos
"Messi e Neymar não estavam em condições "
"Vários pilotos tiveram alucinações"
"Respeito o Barça, mas há uma diferença de 400 milhões"